Assista Earth Is Flat and Square: From Scripture, Evidence & Reason sem pagar sem registro

DOWNLOAD

 

 


Eu só quero saber como eles acreditam que um eclipse ocorre usando seu modelo.
A terra dos filmes é plana e reta: a partir das evidências das escrituras e do download da razão.
Acabei de perder 6 minutos da minha vida.
240+ versículos da Bíblia da Terra plana "Se eu te disse coisas terrenas, e não credes, como crerá, se eu te contar coisas celestiais? E ninguém subiu ao céu, senão aquele que desceu do céu, o Filho do homem que está no céu ". Jesus Cristo. João 3: 12-13 Procurando um aviador da Terra Plana? Faça o download GRATUITO das mais de 240 provas bíblicas da Doutrina da Terra Plana GRATUITAMENTE, clique aqui ... As referências das escrituras abaixo que são em texto vermelho são as palavras de Jesus. Terra Criada Antes do Sol: Gênesis 1: 1-19 O universo está completo, nunca em expansão: Gênesis 2: 1 Medições da Terra Desconhecidas: Jó 38: 4-5, Jó 38:18, Jeremias 31:37, Provérbios 25: 3 A Terra é um Disco / Círculo, não uma bola: Isaías 40:22, Provérbios 8:27, Jó 38: 13-14 Terra medida com uma linha, não uma curva: Jó 38: 4-5 A área extremamente grande da terra é plana, sem curvatura: Ezequiel 45: 1 NOTA: Ezequiel 45: 1 representa um comprimento de aproximadamente 52 milhas e uma largura de aproximadamente 20 milhas sem qualquer CURVATURE, somente FLAT. Não existe uma "PLAIN" em uma bola, apenas uma superfície "PLANA / NÍVEL", sobre a qual Jesus estava: Lucas 6:17 Os caminhos são retos, sem curvas: 1 Samuel 6:12, Salmo 5: 8, Salmo 27:11, Isaías 40: 3, Jeremias 31: 9, Mateus 3: 3, Marcos 1: 3, Lucas 3: 4, João 1 : 23, Atos 16:11, Atos 21: 1, Hebreus 12:13 As águas são retas, sem curvas: Jó 37:10 Terremotos sacudem a Terra e não se mexe: 2 Samuel 22: 8, Isaías 13:13, Apocalipse 6: 12-13 A Terra é fixa e imóvel: 1 Crônicas 16:30, Salmo 33: 9, Salmo 93: 1, Salmo 96:10, Salmo 104: 5, Salmo 119: 89-90, Isaías 14: 7, Isaías 45:18, Zacarias. 1:11, Hebreus 11:10, 2 Pedro 3: 5 “Fique quieto e saiba que eu sou Deus”: Salmo 46:10 (Para entender "por que" esta escritura foi adicionada a esta página, clique aqui.) A Terra tem pilares e não se apega a nada: 1 Samuel 2: 8, Jó 9: 6, Jó 26: 7, Salmo 75: 3 A Terra tem uma face (superfície plana geométrica) Gênesis 1:29, Gênesis 4:14, Gênesis 6: 1, Gênesis 6: 7, Gênesis 7: 3, Gênesis 7: 4, Gênesis 8: 9, Gênesis 11: 8, Gênesis 11: 9, Gênesis 41:56, Êxodo 32:12, Êxodo 33:16, Números 12: 3, Deuteronômio 6:15, Deuteronômio 7: 6, 1 Samuel 20:15, 1 Reis 13:34, Jó 37: 12, Salmo 104: 30, Jeremias 25:26, Jeremias 28:16, Ezequiel 34: 6, Ezequiel 38:20, Ezequiel 39:14, Amós 9: 6, Amós 9: 8, Zacarias 5: 3, Lucas 12: 56, Lucas 21:35 As águas têm um rosto (superfície plana geométrica) Gênesis 1: 2, Gênesis 7:18, Jó 38:30 Em referência a Gênesis 1: 2, você já ouviu falar das planícies abissais? As planícies abissais cobrem mais de 50% da terra. Também são algumas das áreas mais planas e planas do mundo. É impossível para as planícies abissais cobrir mais de 50% da terra e para a terra ser uma esfera, talvez a terra seja "plana? O céu tem um rosto (uma superfície plana geométrica) Mateus 16: 3, Lucas 12 : 56 A Terra tem fins: Deuteronômio 28:49, Deuteronômio 28:64, Deuteronômio 33:17, 1 Samuel 2:10, Jó 37: 3, Jó 38:13, Salmo 46: 9, Salmo 48:10, Salmo 59:13, Salmos 61: 2, Salmos 65: 5, Salmos 67: 7, Salmos 72: 8, Salmos 98: 3, Salmos 135: 7, Provérbios 8:29, Provérbios 17:24, Provérbios 30: 4, Isaías 5:26, Isaías 26:15, Isaías 40:28, Isaías 41: 5, Isaías 41: 9, Isaías 42:10, Isaías 43: 6, Isaías 45:22, Isaías 48:20, Isaías 49: 6, Isaías 52:10, Jeremias 10:13, Jeremias 16:19, Jeremias 25:31, Jeremias 25:33, Jeremias 51:16, Daniel 4:22, Miquéias 5: 4, Zacarias 9:10, Mateus 12:42, Lucas 11:31, Atos 13:47 A Terra tem quatro cantos / quartos: Jeremias 9:26, Jeremias 25:23, Isaías 11:12, Ezequiel 7: 2, Eclesiastes 1: 6, Apocalipse 7: 1, Apocalipse 20: 8 NOTA: Se você precisar de ajuda para entender como existem 4 cantos em um círculo, clique aqui. O (1) Firmamento / Cúpula / Cúpula Abobadada e a extensão criada por meio e onde o trono de Deus existe: Gênesis 1: 6-8, Gênesis 1: 14-18, Gênesis 1:20, Gênesis 7:11, Gênesis 8: 2 , Jó 9: 8, Jó 26: 7, Jó 28:24, Jó 37: 3, Jó 37:18, Salmo 19: 1, Salmo 148: 4, Salmo 150: 1, Provérbios 8:28, Isaías 40:22 , Isaías 42: 5, Isaías 44:24, Isaías 45:12, Isaías 48:13, Ezequiel 1: 22-26, Ezequiel 10: 1, Daniel 12: 3, Amós 9: 6, Atos 7:56, Apocalipse 4 Apocalipse 6:14 Pois nos é dito no Salmo 19: 1: Os céus declaram a glória de Deus; e o firmamento mostra seus trabalhos manuais. Um homem que está determinado a minar a prova escriturística do firmamento, mina as obras de Deus. Para aqueles que acreditam que o firmamento desapareceu após o dilúvio, por que o rei Davi escreveu o seguinte no Salmo 148: 4: Louvai-o, céus dos céus e águas que estão acima dos céus. Veja, as mesmas águas que foram retidas pelo firmamento em Gênesis 1: 6-8 continuam a reter as águas após o grande dilúvio, mesmo até este exato momento. As notas a seguir são uma resposta para aqueles que negam que uma estrutura física de "firmamento / cúpula" esteja sendo esticada acima de nossas cabeças. Gênesis 1: 6-8 - Para entender as propriedades da água, é necessária uma substância fisicamente endurecida para mantê-la contida. Assim, uma cúpula / firmamento não é apenas lógica, mas está dentro do contexto apropriado das escrituras. "Ele estende o norte sobre o lugar vazio, e não pendura a terra em nada. Jó 26: 7 - KJV) Do" norte "está sendo" esticado "sobre qual lugar vazio? Porventura com ele estendeu o céu, que é forte, e como um espelho derretido.Jó 37:18) A premissa deste versículo é uma "pergunta" que está sendo colocada, para colocar o "homem" em perspectiva ao Criador. Nesse momento de ensino, Deus revela uma verdade sobre a "expansão. que é "forte" como um "espelho derretido". É ele quem se assenta sobre o círculo da terra, e seus habitantes são como gafanhotos; que estende os céus como uma cortina, e os espalha como uma tenda para habitar. Isaías 40:22 - KJV) Este versículo compartilha a mesma linguagem Jó 26: 7. O que no "céu" está sendo "esticado" como uma cortina? O que nos "céus" são "espalhados" que nos permitiriam viver debaixo dele como uma "tenda? "Assim diz o Senhor, teu redentor, e quem te formou desde o ventre, eu sou o Senhor que faz todas as coisas; que estende os céus sozinho; que espalha a terra por mim mesmo. Isaías 44:24 - NVI , o que está sendo "estendido" nos céus? Eu fiz a terra e criei o homem sobre ela: eu, minhas mãos, estendi os céus, e todo o seu exército eu ordenei. Isaías 45:12 -KVJ) Este versículo, Isaías 45:12, está de acordo com Jó 26: 7 e Jó 37:18, além de não haver contradição nas palavras inspiradas de Deus: apenas um tolo está disposto a declarar Deus um mentiroso, afirmando que As suas mãos não estenderam os céus, que Deus seja verdadeiro e todo homem mentiroso Romanos 3: 4) A minha mão também pôs os fundamentos da terra, e a minha mão direita mediu os céus; quando eu os chamo, eles se levantam juntos Isaías 48:13 - O que está sendo "medido" por Deus nos céus? Ezequiel 1: 22-26, Ezequiel 10: 1 - As analogias do "firmamento" não fazem sentido sem um literal "firmamento". E os que são sábios brilharão como o brilho do firmamento; e aqueles que convertem muitos em justiça como as estrelas para todo o sempre. Daniel 12: 3 - KJV) Assim como o firmamento é descrito como firme como um espelho fundido, ele tem uma superfície endurecida da qual um "brilho" pode ocorrer. "Quem constrói suas câmaras superiores nos céus e funda sua abóbada sobre a terra. Amós 9: 6a - ESV. Os cofres são selados a uma superfície para conter o conteúdo interno, talvez até um firmamento? E ele disse: Eis que entendo os céus se abriram, e o Filho do Homem estava à direita de Deus. '”(Atos 7:56 - NVI) Se os" céus "são apenas a extensão aberta / céu, por que teria que ser reaberto? O que está sendo "aberto". Talvez o firmamento? e diante do trono havia um mar de vidro, como cristal. Apocalipse 4: 6a - Veja também Jó 37:18. "O céu desapareceu como um pergaminho que está sendo enrolado, e todas as montanhas e ilhas foram removidas de seu lugar. Apocalipse 6:14 - KJV) O que está sendo" partiu como um pergaminho quando é enrolado? Se alguém está causando uma divisão / cunha sobre a verdadeira existência do domo / firmamento, é obstinação do homem rejeitar a Palavra de Deus por Suas descrições de Seu firmamento. O Sol se move, não a Terra: Gênesis 15:12, Gênesis 15:17, Gênesis 19:23, Gênesis 32:31, Êxodo 17:12, Êxodo 22: 3, Êxodo 22:26, ​​Levítico 22: 7, Números 2: 3, Números 21:11, Números 34:15, Deuteronômio 4:41, Deuteronômio 4:47, Deuteronômio 11:30, Deuteronômio 16: 6, Deuteronômio 23:11, Deuteronômio 24:13, Deuteronômio 24:15, Josué 1: 15, Josué 8:29, Josué 10:27, Josué 12: 1, Josué 13: 5, Josué 19:12, Josué 19:27, Josué 19:34, Juízes 8:13, Juízes 9:33, Juízes 14: 18, Juízes 19:14, Juízes 20:43, 2 Samuel 2:24, 2 Samuel 3:35, 2 Samuel 23: 4, 1 Reis 22:36, 2 Crônicas 18:34, Salmo 50: 1, Salmo 113: 3, Eclesiastes 1: 5, Isaías 41:25, Isaías 45: 6, Isaías 59:19, Jeremias 15: 9, Daniel 6:14, Amós 8: 9, Jonas 4: 8, Miquéias 3: 6, Naum 3: 17, Malaquias 1:11, Mateus 5:45, Marcos 16: 2, Efésios 4:26, Tiago 1:11 NOTA: A Bíblia usa palavras que descrevem o sol, com apenas algumas exceções conhecidas, como "em movimento", embora alguns acreditem que palavras como "subir e descer" implicam que o sol está se movendo "para cima" e "para baixo" sobre a suposta Além de girar o globo terrestre, os cristãos que acreditam completamente na falta do fato de que a Bíblia usa palavras que descrevem o sol como "em movimento", também não conseguem analisar o significado hebraico e grego original dessas mesmas palavras. As palavras gregas têm significados, tais como, vir, ir, irradiar (ou disparar raios) para aparecer, assim que aparecer, lado leste, leste, uma entrada, o oeste, pelo qual veio, como vem, chegando , entrando, entrando, entrando, para onde vai, para o oeste. E, essas palavras estão relacionadas à localização (direção "do sol em relação ao contexto do relato bíblico particular. A menos que alguém esteja disposto a se afastar dos verdadeiros significados de estas palavras e causam contradições com outros versículos que sta Na Terra, como PLANO, não há como argumentar que o Sol esteja "nascendo ou" se pondo "sobre a alegada curvatura da Terra imaginária e improvável em forma de bola / esfera. Para pesquisar o hebraico e o grego originais das palavras em qualquer um dos versículos mencionados nesta página, existem muitos bons recursos on-line, incluindo o Hub da Bíblia e a Bíblia de Estudo de Restauração. Sun para de se mover: Isaías 60:20, Jó 9: 7, Josué 10: 12-14, Habacuque 3:11 O Sol se move PARA TRÁS: 2 Reis 20: 8-11 A lua tem sua própria luz: Gênesis 1:16, Isaías 13:10, Isaías 30:26, Isaías 60: 19-20, Jeremias 31:35, Ezequiel 32: 7, Mateus 24:29, Marcos 13:24, Apocalipse 21 : 23 Perspectivas da Alta Altitude: Daniel 4:11, Daniel 4:20, Mateus 4: 8 O inferno é um poço sem fundo no coração da terra [disco plano]: Apocalipse 9: 1-2, 11, Apocalipse 11: 7, Apocalipse 17: 8, Apocalipse 20: 1, Apocalipse 20: 3 Todo mundo vê Jesus: Apocalipse 1: 7 Nova Jerusalém, o cubo ENORME: Apocalipse 21: 15-17 “Largura”, espalhada PLANA, da Terra: Gênesis 13:17, Jó 38:18, Isaías 8: 8, Isaías 42: 5 (espalhar a terra. Apocalipse 20: 9 A voz da criação sai em uma "linha" por toda a terra: Salmo 19: 4 A Bíblia de Matthews de 1537 diz "Terra Plana": 2 Samuel 11:11 Profecia da Terra Plana: Isaías 40: 4-5 se correlaciona com Apocalipse 1: 7 Adoradores da Criação (adoradores heliocêntricos dos deuses do sol) Deuteronômio 4:19, Deuteronômio 17: 3, 2 Reis 23: 5, Jeremias 8: 2, Atos 7: 42-43, Atos 14: 8-20 A conspiração de Lúcifer / Satanás para unir o mundo ao trono de Jesus, que está acima do Firmamento: Gênesis 11: 1-9; Salmo 2; Isaías 14: 12-15; Apocalipse 12: 7-9 A Palavra de Deus é SEMPRE fiel e verdadeira: Jeremias 42: 5, Apocalipse 3:14, Apocalipse 19:11, Apocalipse 21: 5, Apocalipse 22: 6 Se você conseguir encontrar 1 verso que indique inequivocamente que a Terra é globular / esférica, envie um e-mail para mim em. Se você conseguir encontrar um versículo que indique inequivocamente que a Terra está girando ou mesmo se movendo (e não apenas tremendo), envie-o por e-mail para mim. É impossiBALL. A Doutrina da Forma da Terra contém mais de 200 provas das escrituras de que a Palavra de Deus afirma que a Terra é estacionária e plana, com uma cúpula no alto. "Prove todas as coisas; segure firme o que é bom. 1 Tessalonicenses 5:21 (NVI) NOTA: Ao realizar meu estudo, não limitei minha pesquisa a nenhuma Bíblia em tradução específica para o inglês. Em vez disso, comparei várias Bíblias traduzidas em inglês para chegar às minhas conclusões. Além disso, estudei as palavras hebraicas e gregas originais para ter mais certeza do meu estudo e encorajo todos a fazer o mesmo.

Você não deve usar a expressão "redondo", a maioria dos terrenos planos acha que a terra é plana e redonda, com uma parede de gelo em volta da borda, melhor dizendo, esférica.

 

As fotografias são planas. Assista ao filme Terra é plana e quadrada: das escrituras, as evidências. Este artigo é sobre cosmologias nas quais a Terra é ou foi considerada plana. Para o moderno equívoco de que os europeus medievais geralmente pensavam que a Terra era plana, veja Mito da Terra plana. Para outros usos, consulte Terra plana (desambiguação. Mapa da Terra plana desenhado por Orlando Ferguson em 1893. O mapa contém várias referências a passagens bíblicas, bem como vários golpes na "Teoria do Globo". O modelo da Terra plana é uma concepção arcaica da forma da Terra como um plano ou disco. Muitas culturas antigas assinaram uma cosmografia plana da Terra, incluindo a Grécia até o período clássico, as civilizações da Idade do Bronze e da Idade do Ferro do Oriente Próximo até o período helenístico, a Índia até o período Gupta (primeiros séculos dC) e a China até o século XVII. A idéia de uma Terra esférica apareceu na filosofia grega com Pitágoras (século 6 aC), embora a maioria dos pré-socráticos (do século 6 ao 5 aC) mantivesse o modelo da Terra plana. No início do século IV aC, Platão escreveu sobre uma Terra esférica e, por volta de 330 aC, seu ex-aluno Aristóteles forneceu evidências da forma esférica da Terra em bases empíricas. O conhecimento da Terra esférica gradualmente começou a se espalhar para além do mundo helenístico a partir de então. [1] 2] 3] 4] Apesar do fato científico da esfericidade da Terra, as teorias pseudocientíficas da conspiração da Terra plana são adotadas pelas sociedades modernas da Terra plana e, cada vez mais, por indivíduos não afiliados que usam as mídias sociais. [6] 7] História Crença na Terra plana Ásia Ocidental No início do pensamento egípcio e mesopotâmico, o mundo era retratado como um disco flutuando no oceano. Um modelo semelhante é encontrado no relato homérico do século VIII aC, no qual "Okeanos, o corpo de água personificado que circunda a superfície circular da Terra, é o gerador de toda a vida e possivelmente de todos os deuses. 9] Os textos de pirâmide e de caixão do Egito antigo mostram uma cosmografia semelhante; Freira (o Oceano) cercou nbwt (terras secas "ou" Ilhas. 10] 11] 12. citação completa necessária] Os estudiosos que acreditam que a cosmologia hebraica vieram das cosmologias das culturas do antigo Oriente Próximo ao seu redor sustentam que os israelitas também imaginavam a Terra como um disco flutuando na água com um firmamento arqueado acima que separava a Terra dos céus. [13] Por essa visão, os hebreus acreditavam, como a maioria dos povos antigos, que o céu era uma cúpula sólida com sol, lua, planetas e estrelas embutidos nele. [14] Os apologistas bíblicos contestam que a cosmologia hebraica antiga não era tão imitativa ou monolítica. Segundo a leitura deles, Gênesis intencionalmente argumenta contra as cosmogonias do Antigo Oriente Próximo e, portanto, apresenta uma cosmologia distinta. [15] 16] 17] 18] Grécia Poetas Tanto Homero [19] como Hesíodo [20] descreveram uma cosmografia de disco no Escudo de Aquiles. [21] 22] Essa tradição poética de um mar (Oceania) e um disco que rodeia a Terra também aparece em Stasinus, Chipre, 23] Mimnermus, 24] Ésquilo, 25] e Apolônio Rhodius. [26] A descrição de Homero da cosmografia do disco no escudo de Aquiles com o oceano circundante é repetida muito mais tarde na Posthomerica de Quintus Smyrnaeus (século IV dC), que continua a narração da Guerra de Troia. [27] Filósofos Possível renderização do mapa-múndi de Anaximandro [28] Vários filósofos pré-socráticos acreditavam que o mundo era plano: Thales (cerca de 550 aC), de acordo com várias fontes, 29] e Leucipo (c. 440 aC) e Demócrito (c. 460-370 aC), de acordo com Aristóteles. [30] 31] 32] Thales pensou que a Terra flutuava na água como um tronco. [33] Argumentou-se, no entanto, que Thales realmente acreditava em uma Terra redonda. [34] 35] Anaximandro (c. 550 aC) acreditava que a Terra era um cilindro curto com um topo plano e circular que permaneceu estável porque estava à mesma distância de todas as coisas. [36] 37] Anaximenes de Mileto acreditava que "a Terra é plana e cavalga no ar; da mesma maneira que o Sol, a Lua e os outros corpos celestes, todos impetuosos, cavalgam no ar por causa de sua planicidade. 38] Os xenófanes de Colofão (c. 500 aC) pensavam que a Terra era plana, com o lado superior tocando o ar e o lado inferior se estendendo sem limite. [39] A crença em uma Terra plana continuou no século V aC. Anaxágoras (c. 450 aC) concordou que a Terra era plana, 40] e seu pupilo Arquelau acreditava que a Terra plana estava deprimida no meio como um disco, para permitir o fato de que o Sol não nasce e se põe ao mesmo tempo. tempo para todos. [41] Historiadores Hecateu de Mileto acreditava que a Terra era plana e cercada por água. [42] Heródoto em suas Histórias ridicularizou a crença de que a água circundava o mundo, 43] mas a maioria dos classicistas concorda que ele ainda acreditava que a Terra era plana por causa de suas descrições de "fins" ou "bordas" literais da Terra. [44] Europa Os antigos povos nórdicos e germânicos acreditavam em uma cosmografia plana da Terra com a Terra cercada por um oceano, com o eixo mundi, uma árvore do mundo (Yggdrasil) ou pilar (Irminsul) no centro. [45] 46] No oceano circundante do mundo estava uma cobra chamada Jormungandr. [47] O relato da criação nórdica preservado em Gylfaginning (VIII) afirma que durante a criação da Terra, um mar intransitável foi colocado ao seu redor: E Jafnhárr disse: Do sangue que escorria e brotava livremente de suas feridas, eles fizeram o mar, quando formaram e firmaram a Terra juntos, e puseram o mar em círculo. sobre ela; e pode parecer difícil para a maioria dos homens atravessá-lo. 48] O falecido nórdico Konungs skuggsjá, por outro lado, infere uma Terra esférica: Se você pegar uma vela acesa e colocá-la em uma sala, é possível que acenda todo o interior, a menos que algo atrapalhe, embora a sala seja bastante grande. Mas se você pegar uma maçã e pendurá-la perto da chama, tão perto que é aquecida, a maçã escurecerá quase metade da sala ou até mais. No entanto, se você pendurar a maçã perto da parede, ela não ficará quente; a vela acenderá a casa inteira; e a sombra na parede onde a maçã está pendurada dificilmente será metade do tamanho da própria maçã. A partir disso, você pode deduzir que o círculo da Terra é redondo como uma bola e nem sempre perto do sol em todos os pontos. Mas onde a superfície curva estiver mais próxima do caminho do sol, haverá maior calor; e algumas das terras que permanecem continuamente sob os raios ininterruptos não podem ser habitadas. [49] Ásia leste Na China antiga, a crença predominante era que a Terra era plana e quadrada, enquanto os céus eram redondos, 50] uma suposição praticamente inquestionável até a introdução da astronomia européia no século XVII. [51] 52] 53] O sinologista inglês Cullen enfatiza o ponto de que não havia conceito de Terra redonda na astronomia chinesa antiga: O pensamento chinês sobre a forma da Terra permaneceu quase inalterado desde os primeiros tempos, até os primeiros contatos com a ciência moderna por meio de missionários jesuítas no século XVII. Enquanto os céus foram descritos de várias formas como um guarda-chuva que cobre a Terra (a teoria de Kai Tian) ou como uma esfera ao seu redor (a teoria de Hun Tian) ou como estando sem substância enquanto os corpos celestes flutuam livremente (a teoria de Hsüan yeh), A Terra estava sempre plana, embora talvez se elevasse um pouco. [54] O modelo de um ovo era frequentemente usado por astrônomos chineses como Zhang Heng (78–139 DC) para descrever os céus como esféricos: Ilustração baseada na de um cosmógrafo asiático do século XII Os céus são como um ovo de galinha e tão redondos quanto uma bala de besta; a Terra é como a gema do ovo e fica no centro. [55] Essa analogia com um ovo curvo levou alguns historiadores modernos, principalmente Joseph Needham, a conjeturar que os astrônomos chineses estavam, afinal, cientes da esfericidade da Terra. A referência dos ovos, no entanto, pretendia esclarecer a posição relativa da Terra plana em relação aos céus: Em uma passagem da cosmogonia de Zhang Heng não traduzida por Needham, o próprio Zhang diz: O Céu retira seu corpo do Yang, por isso é redondo e em movimento. A Terra retira seu corpo do Yin, por isso é plana e quieta. O objetivo da analogia do ovo é simplesmente enfatizar que a Terra está completamente fechada pelo Céu, em vez de meramente coberta do alto, como descreve o Kai Tian. Os astrônomos chineses, muitos deles homens brilhantes por qualquer padrão, continuaram a pensar em termos da Terra plana até o século XVII; esse fato surpreendente pode ser o ponto de partida para um reexame da aparente facilidade com a qual a idéia de uma Terra esférica encontrou aceitação na Grécia do século V aC. [56] Outros exemplos citados por Needham deveriam demonstrar vozes dissidentes do antigo consenso chinês na verdade se referem, sem exceção, à Terra quadrada, e não plana. [57] Consequentemente, o estudioso do século XIII Li Ye, que argumentou que os movimentos do céu redondo seriam dificultados por uma Terra quadrada, 50] não defendia uma Terra esférica, mas sim que sua borda deveria ser arredondada para que ser circular. [58] No entanto, Needham discorda, afirmando que Li Ye acreditava que a Terra era esférica, semelhante em forma aos céus, mas muito menor. [59] Isso foi preconcebido pelo estudioso do século IV Yu Xi, que defendia a infinidade do espaço exterior ao redor da Terra e que este poderia ser quadrado ou redondo, de acordo com a forma dos céus. [60] Quando os geógrafos chineses do século XVII, influenciados pela cartografia e astronomia européia, mostraram a Terra como uma esfera que poderia ser circunavegada navegando ao redor do mundo, eles o fizeram com terminologia fórmula usada anteriormente por Zhang Heng para descrever a forma esférica. do Sol e da Lua (ou seja, eles eram tão redondos quanto uma bala de besta. 61] Como observado no livro Huainanzi, 62] no século II aC, os astrônomos chineses inverteram efetivamente o cálculo de Eratóstenes da curvatura da Terra para calcular a altura do Sol acima da Terra. Assumindo que a Terra era plana, eles chegaram a uma distância de 100 000 li (aproximadamente 200 000 km. O Zhoubi Suanjing também discute como determinar a distância do Sol medindo o comprimento das sombras do meio-dia em diferentes latitudes, um método semelhante à medição da circunferência da Terra por Eratóstenes, mas o Zhoubi Suanjing assume que a Terra é plana. [63] Teorias alternativas ou mistas Grécia: Terra esférica Pitágoras no século VI aC e Parmênides no século V afirmaram que a Terra é esférica, 64] e essa visão se espalhou rapidamente no mundo grego. Por volta de 330 aC, Aristóteles manteve com base na teoria física e evidências observacionais de que a Terra era esférica e relatou uma estimativa de sua circunferência. [65] A circunferência da Terra foi determinada pela primeira vez por volta de 240 aC por Eratóstenes. [66] No século II dC, Ptolomeu havia derivado seus mapas de um globo e desenvolvido o sistema de latitude, longitude e clima. Seu Almagest foi escrito em grego e só foi traduzido para o latim no século 11 a partir de traduções para o árabe. Lucrécio (século I aC) se opôs ao conceito de uma terra esférica, porque considerava que um universo infinito não tinha um centro para o qual tendiam os corpos pesados. Assim, ele pensou que a idéia de animais andando de pernas para o ar sob a Terra era absurda. [67] 68] No século I dC, Plínio, o Velho, estava em posição de reivindicar que todos concordavam com a forma esférica da Terra, 69], embora continuassem as disputas sobre a natureza dos antípodas e como é possível manter o oceano em forma curva. sul da Asia Esta imagem do Parque Eólico de Thorntonbank (perto da costa belga) com as partes inferiores das torres mais distantes cada vez mais escondidas pelo horizonte, demonstrando a curvatura da Terra. Os textos védicos retratam o cosmos de várias maneiras. [70] 71] Os primeiros textos cosmológicos indianos retratam a Terra como um de uma pilha de discos planos. [72] Nos textos védicos, Dyaus (céu) e Prithvi (Terra) são comparados com rodas em um eixo, produzindo um modelo plano. Eles também são descritos como tigelas ou bolsas de couro, produzindo um modelo côncavo. [73] Segundo Macdonell: a concepção da Terra como um disco cercado por um oceano não aparece nos Samhitas. Mas era naturalmente considerado circular, sendo comparado com uma roda (10. 89) e expressamente chamado circular (parimandala) no Shatapatha Brahmana. 74] Por volta do século V dC, os textos de astronomia siddhanta do sul da Ásia, particularmente de Aryabhata, assumem uma Terra esférica à medida que desenvolvem métodos matemáticos para a astronomia quantitativa para calendário e manutenção de tempo. [75] Os textos indianos medievais chamados Puranas descrevem a Terra como um disco circular de fundo plano com oceanos e continentes concêntricos. [73] 76] Este esquema geral está presente não apenas nas cosmologias hindus, mas também nas cosmologias budista e jainista do sul da Ásia. [73] No entanto, alguns Puranas incluem outros modelos. Por exemplo, o quinto canto do Bhagavata Purana, inclui seções que descrevem a Terra como plana e esférica. [77] 78] Igreja Cristã Primitiva Durante o período inicial da Igreja Cristã, a visão esférica continuou sendo amplamente aceita, com algumas exceções notáveis. [79] Athenágoras, um cristão cristão oriental que escreveu por volta do ano 175 EC, disse que a Terra era esférica. [80] Methodius (c. 290 dC), um cristão oriental que escreveu contra "a teoria dos caldeus e dos egípcios" disse: Vamos primeiro nos expor. a teoria dos caldeus e dos egípcios. Eles dizem que a circunferência do universo é comparada às curvas de um globo bem arredondado, sendo a Terra um ponto central. Dizem que desde que seu esboço é esférico. a Terra deve ser o centro do universo, ao redor do qual o céu está girando. 80] Lactâncio, escritor cristão ocidental e consultor do primeiro imperador romano cristão, Constantino, e escrevendo entre 304 e 1313 dC, ridicularizou a noção de antípodas e os filósofos que imaginavam que "o universo é redondo como uma bola. Eles também pensavam que o céu girava de acordo com o movimento dos corpos celestes e, por esse motivo, construíram globos de latão, como se fossem a figura do universo.] 81] Arnobius, outro cristão oriental escrito por volta de 305 dC, descreveu a rodada Terra: Em primeiro lugar, de fato, o próprio mundo não é nem direito nem esquerdo.Ele não tem regiões superiores nem inferiores, nem frontal nem traseira.Porque tudo o que é redondo e delimitado de todos os lados pela circunferência de uma esfera sólida, não tem começo ou fim 80] O influente teólogo e filósofo Santo Agostinho, um dos quatro Grandes Pais da Igreja da Igreja Ocidental, objetou similarmente à "fábula" dos antípodas: Mas, quanto à fábula de que existem Antípodas, ou seja, homens do lado oposto da Terra, onde o sol nasce quando se põe para nós, homens que andam com os pés opostos aos nossos, que não têm credibilidade. E, de fato, não se afirma que isso tenha sido aprendido pelo conhecimento histórico, mas por conjecturas científicas, com o fundamento de que a Terra está suspensa dentro da concavidade do céu, e que tem tanto espaço de um lado. como no outro: daí eles dizem que a parte que está embaixo também deve ser habitada. Mas eles não observam que, embora seja suposto ou cientificamente demonstrado que o mundo é de forma redonda e esférica, ainda não se segue que o outro lado da Terra esteja sem água; nem mesmo, embora esteja vazio, segue imediatamente que está povoado. Pois as Escrituras, que provam a verdade de suas declarações históricas pelo cumprimento de suas profecias, não fornecem informações falsas; e é absurdo demais dizer que alguns homens podem ter embarcado e atravessado todo o vasto oceano e cruzado deste lado do mundo para o outro, e que, assim, até os habitantes daquela região distante descendem daquele primeiro homem. [82] Alguns historiadores não vêem os comentários das escrituras de Agostinho como endossando qualquer modelo cosmológico específico, 83], mas a visão de que Agostinho compartilhava a visão comum de seus contemporâneos de que a Terra é esférica, 84] de acordo com seu endosso à ciência em De Genesi ad litteram, 85] foi desafiado: Agostinho] estava familiarizado com a teoria grega de uma Terra esférica; no entanto, seguindo os passos de seu colega norte-africano, Lactâncio), estava firmemente convencido de que a Terra era plana, era um dos dois maiores corpos. na existência e que estava no fundo do universo. Aparentemente, Agostinho viu essa imagem como mais útil para a exegese das escrituras do que a Terra global no centro de um imenso universo. [86] A visão de mundo de Cosmas Indicopleustes - Terra plana em um Tabernáculo Diodoro de Tarso, uma figura importante na Escola de Antioquia e mentor de João Crisóstomo, pode ter defendido uma Terra plana; no entanto, a opinião de Diodoro sobre o assunto é conhecida apenas de uma crítica posterior. [87] Crisóstomo, um dos quatro Grandes Pais da Igreja e Arcebispo de Constantinopla, esposou explicitamente a idéia, com base nas escrituras, de que a Terra flutua milagrosamente na água sob o firmamento. [88] Atanásio, o Grande, pai da igreja e patriarca de Alexandria, expressou uma visão semelhante em Contra os pagãos. [89] A topografia cristã (547), do monge alexandrino Cosmas Indicopleustes, que viajou até o Sri Lanka e a fonte do Nilo Azul, é hoje amplamente considerado o documento geográfico mais valioso da era medieval, embora tenha recebido relativamente pouca atenção de contemporâneos. Nele, o autor expõe repetidamente a doutrina de que o universo consiste em apenas dois lugares, a Terra abaixo do firmamento e o céu acima dele. Com base em argumentos das escrituras, ele descreve a Terra como um retângulo, com 400 dias de extensão por 200 de largura, cercado por quatro oceanos e cercado por quatro paredes maciças que sustentam o firmamento. A teoria esférica da Terra é desprezada como "pagã. 90] 91] 92] Severiano, bispo de Gabala (m. 408) escreveu que a Terra é plana e o Sol não passa debaixo dela durante a noite, mas "viaja pelas partes do norte como se estivesse escondido por um muro. 93] Basílio de Cesaréia (329- 379) argumentou que o assunto era teologicamente irrelevante. [94] Europa: Idade Média Os primeiros escritores cristãos medievais no início da Idade Média sentiram pouca vontade de assumir a planicidade da Terra, embora tivessem impressões imprecisas dos escritos de Ptolomeu e Aristóteles, confiando mais em Plínio. [95] Diagrama cósmico Macrobiano do século IX, mostrando a esfera da Terra no centro (globus terrae) Com o fim do Império Romano do Ocidente, a Europa Ocidental entrou na Idade Média com grandes dificuldades que afetaram a produção intelectual do continente. A maioria dos tratados científicos da antiguidade clássica (em grego) não estavam disponíveis, deixando apenas resumos e compilações simplificados. Em contraste, o Império Romano do Oriente não caiu e preservou o aprendizado. [96] Ainda assim, muitos livros didáticos do início da Idade Média apoiavam a esfericidade da Terra na parte ocidental da Europa. [97] A visão da Europa da forma da Terra na Antiguidade tardia e no início da Idade Média pode ser melhor expressa pelos escritos dos primeiros estudiosos cristãos: O bispo Isidoro de Sevilha (560-636) ensinou em sua enciclopédia amplamente lida, as etimologias, diversas visões como a de que a Terra "se assemelha a uma roda" 98], parecida com Anaximandro na linguagem e no mapa que ele forneceu. Isso foi amplamente interpretado como se referindo a uma Terra em forma de disco. [99] 100] Uma ilustração de De Natura Rerum, de Isidore, mostra as cinco zonas da Terra como círculos adjacentes. Alguns concluíram que ele pensava que as zonas ártica e antártica eram adjacentes uma à outra. [101] Ele não admitiu a possibilidade de antípodas, o que ele considerou pessoas habitando no lado oposto da Terra, considerando-as lendárias [102] e observando que não havia evidências de sua existência. [103] O mapa T e O de Isidore, que era visto como representando uma pequena parte de uma Terra esférica, continuou a ser usado pelos autores durante a Idade Média, e. g. o bispo Rabanus Maurus, do século 9, que comparou a parte habitável do hemisfério norte (clima temperado do norte de Aristóteles) com uma roda. Ao mesmo tempo, as obras de Isidore também deram visões de esfericidade, por exemplo, no capítulo 28 de De Natura Rerum, Isidore afirma que o sol orbita a Terra e ilumina o outro lado quando a noite é desse lado. Veja a tradução francesa de De Natura Rerum. [104] Em seu outro trabalho Etimologias, há também afirmações de que a esfera do céu tem a Terra em seu centro e o céu sendo igualmente distante por todos os lados. [105] 106] Outros pesquisadores também discutiram esses pontos. [95] 107] 108] O trabalho permaneceu insuperável até o século XIII e foi considerado o cume de todo o conhecimento. Tornou-se uma parte essencial da cultura medieval européia. Logo após a invenção da tipografia, ela apareceu muitas vezes impressa. 109] No entanto, os escolásticos - mais tarde filósofos, teólogos e cientistas medievais - foram ajudados pelos tradutores e comentários em árabe, mas dificilmente precisavam lutar contra um legado da Terra plana desde o início da idade média (500-1050. Primeiros escritores medievais muitas vezes tinham impressões imprecisas e imprecisas de Ptolomeu e Aristóteles e confiavam mais em Plínio, mas sentiam (com uma exceção) pouca vontade de assumir a uniformidade. O retrato de Isidore das cinco zonas da Terra São Vergílio de Salzburgo (c. 700-784) em meados do século 8, discutiu ou ensinou algumas idéias geográficas ou cosmográficas que São Bonifácio considerou suficientemente censuráveis ​​que ele reclamou delas ao Papa Zachary . O único registro sobrevivente do incidente está na resposta de Zachary, datada de 748, onde ele escreveu: Quanto à doutrina perversa e pecaminosa que ele (Virgílio) contra Deus e sua própria alma proferiu - se for claramente estabelecido que ele professa crença em outro mundo e em outros homens existentes sob a Terra, ou em (outro) sol e lua lá, você deve manter um conselho, privá-lo de sua posição sacerdotal e expulsá-lo da Igreja. [110] Algumas autoridades sugeriram que a esfericidade da Terra estava entre os aspectos dos ensinamentos de Vergilius que Boniface e Zachary consideravam censuráveis. [111] 112] Outros consideraram isso improvável e consideram a redação da resposta de Zachary para indicar, no máximo, uma objeção à crença na existência de seres humanos que vivem nos antípodas. [113] 114] 115] 116] 117] Em qualquer caso, não há registro de qualquer ação adicional contra Vergilius. Mais tarde, foi nomeado bispo de Salzburgo e foi canonizado no século XIII. [118] Representação do século XII de uma Terra esférica com as quatro estações do ano (livro Liber Divinorum Operum de Hildegard de Bingen) Uma possível indicação não literária, mas gráfica, de que as pessoas na Idade Média acreditavam que a Terra (ou talvez o mundo) fosse uma esfera é o uso da esfera (globus cruciger) nas regalia de muitos reinos e do Sacro Império Romano. É atestado desde a época do imperador cristão tardio romano Teodósio II (423) durante a Idade Média; o Reichsapfel foi usado em 1191 na coroação do imperador Henrique VI. No entanto, a palavra 'orbis' significa 'círculo' e não há registro de um globo como representação da Terra desde os tempos antigos no oeste até o de Martin Behaim em 1492. Além disso, poderia muito bem ser uma representação do mundo inteiro. 'ou cosmos. [119] Um estudo recente de conceitos medievais da esfericidade da Terra observou que "desde o século VIII, nenhum cosmógrafo digno de nota questionou a esfericidade da Terra. 120] No entanto, o trabalho desses intelectuais pode não ter tido influência significativa na opinião pública, e é difícil dizer o que a população em geral pode ter pensado sobre a forma da Terra, se eles consideraram a questão. Europa: Idade Média Hermannus Contractus (1013-1054) foi um dos primeiros estudiosos cristãos a estimar a circunferência da Terra com o método de Eratóstenes. St. Thomas Aquinas (1225-1274), o teólogo mais amplamente ensinado da Idade Média, acreditava em uma Terra esférica; e ele até achava que seus leitores também sabiam que a Terra é redonda. [121] As palestras nas universidades medievais comumente avançavam evidências em favor da idéia de que a Terra era uma esfera. [122] Tattersall mostra que em muitas obras vernaculares dos textos franceses dos séculos XII e XIII, a Terra era considerada "redonda como uma mesa" em vez de "redonda como uma maçã. Em praticamente todos os exemplos citados. De épicos e de romances não históricos" (isto é, obras de caráter menos instruído) a forma real das palavras usadas sugere fortemente um círculo, e não uma esfera ", embora ele observe que mesmo nesses trabalhos a linguagem é ambígua. [123 verificar] A navegação portuguesa por toda a costa da África na segunda metade dos anos 1400 deu evidências observacionais em larga escala da esfericidade da Terra. Nessas explorações, a posição do sol se movia mais para o norte, quanto mais ao sul os exploradores viajam. Sua posição diretamente acima do meio dia evidenciava a travessia do equador. Esses movimentos solares aparentes em detalhes eram mais consistentes com a curvatura norte-sul e um sol distante, do que com qualquer explicação da Terra plana. A demonstração final ocorreu quando a expedição de Ferdinand Magalhães completou a primeira circunavegação global em 1521. Antonio Pigafetta, um dos poucos sobreviventes da viagem, registrou a perda de um dia no curso da viagem, evidenciando a curvatura leste-oeste. Oriente Médio: estudiosos islâmicos O califado abássida viu um grande florescimento de astronomia e matemática no século IX dC. Estudiosos muçulmanos do passado acreditavam em uma Terra esférica. [124] O Alcorão menciona que a Terra (al-arḍ) foi "espalhada. 125] A esse comentário do século XII, o Tafsir al-Kabir (al-Razi), de Fakhr al-Din al-Razi, afirma" Se for dito : As palavras 'E a terra espalhada' indicam que é plana? Nós responderíamos: Sim, porque a Terra, mesmo sendo redonda, é uma esfera enorme, e cada pequena parte dessa enorme esfera, quando vista, parece plana. Como é esse o caso, isso dissipará o que eles mencionaram de confusão. A evidência disso é o versículo em que Allah diz (interpretação do significado. E as montanhas como estacas 'an-Naba' 78: 7. Ele as chamou de awtaad (estacas)), embora essas montanhas possam ter grandes superfícies planas. o mesmo acontece neste caso. 126] O estudioso do século 11, Ibn Hazm, afirmou: As evidências mostram que a Terra é uma esfera, mas as pessoas públicas dizem o contrário. Ele acrescentou que nenhum dos que merecem ser imãs para os muçulmanos negou que a Terra seja redonda. E não recebemos nada que indique negação, nem mesmo uma única palavra. 127] O estudioso Ibn Taymiyyah afirmou que a Terra é esférica e não plana. Ele afirmou que a palavra árabe falak (árabe: فَلَكٍ) se refere ao que é redondo. Ibn Abbas disse que é como o de uma roda giratória. [128] A palavra é usada no Alcorão 21:33 e no Alcorão 36:40. Ao contrário dos estudiosos anteriores, o estudioso Al-Suyuti afirmou que a Terra é plana. [128] Dinastia Ming na China Um globo terrestre esférico foi introduzido no Khanbaliq da era Yuan (em Pequim) em 1267 pelo astrônomo persa Jamal ad-Din, mas não se sabe que causou impacto na concepção tradicional chinesa da forma da Terra. [130] Já em 1595, um antigo missionário jesuíta na China, Matteo Ricci, registrou que os chineses da dinastia Ming dizem: A Terra é plana e quadrada, e o céu é um dossel redondo; eles não conseguiram conceber a possibilidade dos antípodas. 58] A crença universal em uma Terra plana é confirmada por uma enciclopédia chinesa contemporânea de 1609 que ilustra uma Terra plana que se estende sobre o plano diametral horizontal de um céu esférico. [58] No século XVII, a idéia de uma Terra esférica se espalhou na China devido à influência dos jesuítas, que ocupavam altos cargos como astrônomos na corte imperial. [131] Matteo Ricci, em colaboração com os cartógrafos e tradutores chineses Li Zhizao, publicou o Kunyu Wanguo Quantu em 1602, o primeiro mapa mundial chinês baseado em descobertas européias. [132] O tratado astronômico e geográfico Gezhicao (格致 草) escrito em 1648 por Xiong Mingyu (熊 明 遇) explicou que a Terra era esférica, não plana ou quadrada, e poderia ser circunavegada. [131] Mito da prevalência da Terra plana A partir do século 19, surgiu um mito histórico que sustentava que a doutrina cosmológica predominante durante a Idade Média era a de que a Terra era plana. Um dos primeiros defensores desse mito foi o escritor americano Washington Irving, que sustentou que Cristóvão Colombo teve que superar a oposição de clérigos para obter patrocínio para sua viagem de exploração. Mais tarde, defensores significativos dessa visão foram John William Draper e Andrew Dickson White, que a usaram como elemento principal na defesa da tese [133] de que havia um conflito duradouro e essencial entre ciência e religião. [134] Estudos subsequentes da ciência medieval mostraram que a maioria dos estudiosos da Idade Média, incluindo os lidos por Cristóvão Colombo, sustentava que a Terra era esférica. [135] Alguns estudos das conexões históricas entre ciência e religião demonstraram que as teorias de seu antagonismo mútuo ignoram exemplos de seu apoio mútuo. [136] 137] Terra-plana modernos Na era moderna, a crença pseudocientífica em uma Terra plana foi expressa por uma variedade de indivíduos e grupos: O escritor inglês Samuel Rowbotham (1816-1885), escrevendo sob o pseudônimo "Parallax", produziu um panfleto, Zetetic Astronomy ", em 1849, defendendo uma Terra plana e publicou resultados de muitos experimentos que testaram as curvaturas da água em uma longa vala de drenagem, seguidos por outro chamado A inconsistência da astronomia moderna e sua oposição à Escritura.Um de seus apoiadores, John Hampden, perdeu uma aposta para Alfred Russel Wallace no famoso Experimento de Nível Bedford, que tentou provar isso.Em 1877, Hampden produziu um livro, Um novo manual de cosmografia bíblica. [138] Rowbotham também produziu estudos que pretendiam mostrar que os efeitos de navios desaparecendo no horizonte poderiam ser explicados pelas leis da perspectiva em relação ao olho humano. [139] Em 1883, ele fundou Sociedades zetéticas na Inglaterra e Nova York, para as quais ele enviou mil cópias da astronomia zetética. William Carpenter, um impressor originalmente de Greenwich, Inglaterra (casa do Observatório Real e central para o estudo da astronomia) era um defensor de Rowbotham. Carpenter publicou Astronomia Teórica Examinada e Exposta - Provando que a Terra não é um globo em oito partes, desde 1864, sob o nome de senso comum. [140] Mais tarde emigrou para Baltimore, onde publicou Cem provas de que a Terra não é um globo em 1885. [141] Ele escreveu: Existem rios que correm centenas de quilômetros em direção ao nível do mar sem cair mais do que um alguns pés - especialmente o Nilo, que, em mil milhas, cai apenas um pé. Uma extensão de nível dessa extensão é bastante incompatível com a idéia de convexidade da Terra. É, portanto, uma prova razoável de que a Terra não é um globo "e também" Se a Terra fosse um globo, um globo modelo pequeno seria a melhor - porque a coisa mais verdadeira para o navegador levar para o mar com ele . Mas algo assim não é conhecido: com um brinquedo como guia, o marinheiro destruiria seu navio, com certeza! Esta é uma prova de que a Terra não é um globo. " John Jasper, um escravo americano que se tornou pastor prolífico e amigo de Carpenter, ecoou os sentimentos de seu amigo em seu sermão mais famoso "O Sol se move", pregado mais de 250 vezes, sempre a convite. Em um relato escrito de seu sermão, publicado no The Richmond Whig de 19 de março de 1878, Jasper diz que frequentemente cita o verso "Vi quatro anjos em pé nos quatro cantos da terra. 142] e segui argumentando" Então estamos vivendo em uma terra de quatro cantos; então, meus amigos, vocês me dirão como, em nome de Deus, uma terra com quatro cantos pode ser redonda? No mesmo artigo, ele argumentou "... se a Terra é como os outros dizem, que sustentam uma teoria diferente, povoada do outro lado, essas pessoas seriam obrigadas a andar no chão com os pés para cima, como moscas no teto de uma sala". 143] Em Brockport, Nova York, em 1887, M. C. Flanders discutiu o caso de uma Terra plana por três noites contra dois senhores científicos que defendiam a esfericidade. Cinco habitantes da cidade escolhidos como juízes votaram por unanimidade por uma Terra plana no final. O caso foi relatado no Democrata de Brockport. [144] O professor Joseph W. Holden, do Maine, um ex-juiz de paz, deu inúmeras palestras na Nova Inglaterra e lecionou sobre teoria da Terra plana na Exposição Colombiana em Chicago. Sua fama se estendeu para a Carolina do Norte, onde o marco semestral de Statesville registrou sua morte em 1900: mantemos a doutrina de que a Terra é plana e lamentamos excessivamente saber que um de nossos membros está morto. 145] Após a morte de Rowbotham, Lady Elizabeth Blount (Elizabeth de Sodington Blount, Elizabeth Elizabeth Mold Williams) criou a Sociedade Zetética Universal em 1893 na Inglaterra e criou um diário chamado Earth not a Globe Review, vendido por duas moedas, além de um chamado Earth , que durou apenas de 1901 a 1904. Ela sustentou que a Bíblia era a autoridade inquestionável do mundo natural e argumentou que não se podia ser cristão e acreditar que a Terra é um globo. Entre os membros conhecidos estavam E. W. Bullinger, da Sociedade Bíblica Trinitária, Edward Haughton, moderador sênior em ciências naturais no Trinity College, Dublin e um arcebispo. Ela repetiu os experimentos de Rowbotham, gerando alguns contra-experimentos, mas o interesse diminuiu após a Primeira Guerra Mundial. [145] O movimento deu origem a vários livros que defendiam uma Terra plana e estacionária, incluindo a Terra Firma de David Wardlaw Scott. [146] Em 1898, durante sua circunavegação solo do mundo, Joshua Slocum encontrou um grupo de pessoas da Terra plana em Durban, na África do Sul. Três bôeres, um deles clérigo, entregaram a Slocum um panfleto no qual partiram para provar que o mundo era plano. Paul Kruger, Presidente da República Transvaal, apresentou a mesma opinião: você não quer dizer volta ao mundo, é impossível! Você quer dizer no mundo. Impossível. 147] De 1915 a 1942, Wilbur Glenn Voliva, que em 1906 assumiu a Igreja Católica Cristã, uma seita pentecostal que estabeleceu uma comunidade utópica em Zion, Illinois, pregou a doutrina da Terra plana. Ele usou uma fotografia de um trecho de 19 km da costa no lago Winnebago, Wisconsin, tirado 91 cm acima da linha d'água para provar seu argumento. Quando o dirigível Italia desapareceu em uma expedição ao Pólo Norte em 1928, ele avisou a imprensa mundial de que havia navegado pelos confins do mundo. Ele ofereceu um prêmio de 5.000 por provar que a Terra não é plana, sob suas próprias condições. [148] Ensinar uma Terra globular foi banido nas escolas de Sião e a mensagem foi transmitida em sua estação de rádio WCBD. [145] Em 1956, Samuel Shenton criou a Sociedade Internacional de Pesquisa da Terra Plana (IFERS), mais conhecida como Sociedade da Terra Plana de Dover, Reino Unido, como descendente direto da Sociedade Zetética Universal. Em 2018, o astrônomo Yaël Nazé analisou a controvérsia sobre uma tese de doutorado proposta por um estudante da Universidade de Sfax, na Tunísia, que defendia uma Terra plana, bem como um modelo geocêntrico do sistema solar e uma jovem Terra. A dissertação, que não foi aprovada pelo comitê que supervisiona teses sobre estudos ambientais, foi tornada pública e denunciada em 2017 pelo professor Hafedh Ateb, fundador da Sociedade Astronômica Tunisina em sua página no Facebook. [149] Sociedade da Terra Plana A Sociedade Internacional de Pesquisa da Terra Plana (IFERS), mais conhecida como Sociedade da Terra Plana, foi criada por Samuel Shenton em 1956, em Dover, Reino Unido, como descendente direto da Sociedade Zetética Universal. Isso foi pouco antes da União Soviética lançar o primeiro satélite artificial, o Sputnik; ele respondeu: Navegar pela Ilha de Wight provaria que era esférica? É o mesmo para esses satélites. " Seu objetivo principal era alcançar as crianças antes que elas se convencessem sobre uma Terra esférica. Apesar de muita publicidade, a corrida espacial corroeu o apoio de Shenton na Grã-Bretanha até 1967, quando ele começou a se tornar famoso devido ao programa Apollo. [145] Em 1972, o papel de Shenton foi assumido por Charles K. Johnson, correspondente da Califórnia, EUA. Ele incorporou o IFERS e aumentou gradualmente os membros para cerca de 3.000. Ele passou anos examinando os estudos das teorias planas e redondas da Terra e propôs evidências de uma conspiração contra a Terra plana: A ideia de um globo giratório é apenas uma conspiração de erro. que Moisés, Colombo e Roosevelt lutaram. Seu artigo foi publicado na revista Science Digest, 1980. Ele afirma: Se é uma esfera, a superfície de um grande corpo de água deve ser curvada. Os Johnsons verificaram as superfícies do lago Tahoe e do mar de Salton sem detectar nenhuma curvatura. 152] A Sociedade declinou na década de 1990, após um incêndio em sua sede na Califórnia e a morte de Johnson em 2001. [153] Foi revivido como um site em 2004 por Daniel Shenton (sem relação com Samuel Shenton. Ele acredita que ninguém forneceu prova de que o mundo não é plano. [154] Ressurgimento da era da Internet Na era da Internet, a proliferação de tecnologias de comunicação e plataformas de mídia social como o YouTube [155] Facebook [156] e Twitter deram a indivíduos, famosos [157] ou não, uma plataforma para espalhar idéias pseudo-científicas e construir seguidores mais fortes. A conjectura da Terra plana floresceu neste ambiente. [6] 7] 158] As mídias sociais e a Internet, além disso, tornaram mais fácil para os teóricos da mesma opinião se conectarem entre si e reforçarem mutuamente suas crenças. Em outras palavras, a mídia social teve um "efeito de nivelamento", pois os especialistas têm menos influência na mente do público do que costumavam. [159] O YouTube enfrentou críticas por permitir a disseminação de teorias de desinformação e conspiração por meio de sua plataforma. Em 2019, o YouTube declarou que estava fazendo alterações em seu software para reduzir a distribuição de vídeos com base em teorias da conspiração, incluindo a Terra plana. [160] 155] 161] As organizações céticas em relação às crenças periféricas ocasionalmente realizam testes para demonstrar a curvatura local da Terra. Um deles, conduzido por membros do Grupo de Investigações Independentes, no Mar de Salton, em 10 de junho de 2018, contou com a presença de simpatizantes de uma Terra plana, e o encontro entre os dois grupos foi registrado pelo National Geographic Explorer. Este experimento demonstrou com sucesso a curvatura da terra através do desaparecimento ao longo da distância de alvos baseados em barcos e em terra. [162] 163] Teoria da conspiração Membros da Sociedade da Terra Plana e outros habitantes da Terra plana afirmam que a NASA e outras agências governamentais conspiram para iludir o público a acreditar que a Terra é esférica. [164] De acordo com a versão mais amplamente difundida da atual teoria da Terra plana, a NASA está guardando a parede de gelo da Antártica que circunda a Terra. [164] Os terrestres planos argumentam que a NASA fotografa suas imagens de satélite, com base em observações de que a cor dos oceanos muda de imagem para imagem e que os continentes parecem estar em lugares diferentes. [165] A imagem publicamente perpetuada é mantida através de uma prática em larga escala de "compartimentalização", segundo a qual apenas um número seleto de indivíduos tem conhecimento sobre a verdade. [166] Referências culturais O termo homem-terra-plana, usado em um sentido depreciativo para significar qualquer pessoa que tenha visões ridiculamente antiquadas ou impossíveis, antecede o termo mais compacto. Foi gravado em 1908: menos votos do que se poderia imaginar para qualquer candidato humano, se ele fosse um homem de terra plana. 167] De acordo com o Oxford English Dictionary, o primeiro uso de flat-Earther é em 1934 na revista Punch: Sem ser um fanático por flat-earther, Mercator] percebeu o incômodo. de brincar com globos. para descobrir os mares do sul. 168] Veja também Lista de tópicos caracterizados como pseudociência Negação Rotação da Terra Distância geográfica Terra oca Mitologia científica Ceticismo Tartaruga do mundo Referências ^ Continuação do conceito grego no pensamento cristão romano e medieval: Reinhard Krüger: Material e Dokumente zur mittelalterlichen Erdkugeltheorie von der Spätantike bis zur Kolumbusfahrt (1492) Adoção direta do conceito grego pelo Islã: Ragep, F. Jamil: Astronomy in: Krämer , Gudrun (ed. Et al. Encyclopaedia of Islam, TRÊS, Brill 2010, sem números de página ^ Adoção direta pela Índia: D. Pingree: História da Astronomia Matemática na Índia "Dictionary of Scientific Biography, Vol. 15 (1978), pp. 533–633 (554ff. Glick, Thomas F., Livesey, Steven John, Wallis, Faith) (eds. Ciência Medieval, Tecnologia e Medicina: Uma Enciclopédia "Routledge, Nova York 2005, ISBN 0-415-96930-1, p. 463 ^ Adoção pela China via ciência européia: Jean-Claude Martzloff, espaço e tempo em textos chineses de astronomia e astronomia matemática nos séculos XVII e XVIII "Chinese Science 11 (1993-94) 66-92 (69) e Christopher Cullen, Eratóstenes chineses da terra plana: um estudo de um fragmento de cosmologia em Huai Nan tzu Bullet 南 子 "Boletim da Escola de Estudos Orientais e Africanos, vol. 39, n. 1 (1976), pp. 106–27 (107) MacDougall, Robert. "Entusiastas estranhos: uma breve história da pseudociência americana. Columbia University. Recuperado em 5 de julho de 2016. ^ a b Ambrose, Graham (7 de julho de 2017. Esses coloradenses dizem que a Terra é plana. E a gravidade é uma farsa. Agora, eles estão sendo perseguidos. The Denver Post.Consultado em 19 de agosto de 2017. ^ a b Dure, Beau (20 de janeiro de 2016. Terra-plana estão de volta: é quase como o início de uma nova religião. The Guardian. Recuperado em 19 de agosto de 2017. ^ H. e H. A. Frankfort, J. Wilson e T. Jacobsen, Antes da Filosofia (Baltimore: Penguin, 1949) 54. ^ Gottlieb, Anthony (2000. O sonho da razão. Pinguim. P. 6. ISBN 978-0-393-04951-0. ^ Textos em pirâmide, enunciado 366, 629a – 29c: Eis que tu és grande e redondo como a Grande Rodada; Eis que tu estás inclinado e és redondo como o círculo que circunda o nbwt; Eis que tu és redondo e grande como o Grande Círculo que se põe. Faulkner 1969, 120) Ancient Near Eastern Texts, Pritchard, 1969, p. 374 ^ Textos do caixão, feitiço 714. ^ Berlim, Adele (2011. Cosmologia e criação. Em Berlim, Adele; Grossman, Maxine (eds. O Dicionário de Oxford da Religião Judaica. Imprensa da Universidade de Oxford. ISBN 9780199730049. ^ Seely, Paul H. (1991. O Firmamento e a Água Acima "PDF. Westminster Theological Journal. 53: 227–40. Recuperado em 02-02-2010. ^ Hasel, Gerhard F. (1974. The Polemic Nature of Genesis Cosmology "PDF. The Evangelical Quarterly. 46 (2) 81-102. Retrieved 2019-03-21. Johnston, Gordon H. (2008. Gênesis 1 e mitos da criação egípcia antiga "PDF. Bibliotheca Sacra. 165: 178–194. Recuperado em 21/03/2019. ^ Younker, Randall W. Davidson, Richard M. (2011. O Mito da Abóbada Celestial Sólida: Outro Olhar sobre o Hebraico (RĀQÎA. Andrews University Seminary Studies. 49 (1) 125–147. Retrieved 2019-03-17. Hasel, Gerhard F. Hasel, Michael G. (2015. A cosmologia única de Gênesis 1 contra paralelos do antigo Oriente Próximo e egípcios. Em Klingbeil, Gerald. (Ed. The Genesis Creation Account e suas reverberações no Antigo Testamento) Andrews University Press ISBN 9781940980096. ↑ Ilíada, 28. 606. ↑ The Shield of Heracles, 314–16, trad. Hugh G. Evelyn-White, 1914. ↑ O escudo de Aquiles e a poética da ekphrasis, Andrew Sprague Becker, Rowman & Littlefield, 1995, p. 148 ^ Professor dos clássicos (emérito) Mark W. Edwards em seu The Iliad. Um comentário (1991, p. 231) observou o uso de Homer do disco plano da Terra na Ilíada: envolve as imagens no escudo e ele envolve o disco da Terra no qual homens e mulheres trabalham suas vidas. Citado em O escudo de Aquiles e a poética da ekphrasis, Andrew Sprague Becker, Rowman & Littlefield, 1995, p. 148 ↑ Stasinus de Chipre escreveu em seu Cypria (perdido, apenas preservado em fragmentos) que Oceanus cercava toda a Terra: Oceanus profundamente enredado e que a Terra era plana com os limites mais distantes, essas citações são encontradas preservadas em Ateneu, Deipnosophistae, VIII. 334B. ^ Mimnermus de Colofon (630 aC) detalha um modelo plano da Terra, com o sol (Helios) banhando-se nas bordas de Oceanus que circundam a Terra (Mimnermus, pg. 11) Sete contra Tebas, verso 305; Prometeu Ligado, 1, 136; 530; 665 (que também descreve as 'bordas' da Terra. ↑ Apolônio Rhodius, em sua Argonautica (século III aC), incluía numerosas referências planas da Terra (IV. 590 ss. Agora esse rio, subindo dos confins da Terra, onde estão os portais e mansões de Nyx (Noite) de um lado). adiante na praia de Okeanos. "Posthomerica (V. 14. Aqui [no escudo de Aquiles] os braços abrangentes de Tethys foram forjados e o fluxo insondável de Okeanos. A inundação chocante de rios chorando pelas colinas que ecoavam por toda a parte, direita, esquerda, rolou sobre a terra Tradução por Way, AS 1913. ^ De acordo com John Mansley Robinson, Uma Introdução à Filosofia Grega Antiga, Houghton e Mifflin, 1968. ^ Sambursky, Samuel (agosto de 1987. O mundo físico dos gregos. Princeton University Press. P. 12. ISBN 9780691024110. ^ Burch, George Bosworth (1954. The Counter-Earth. Osiris. Saint Catherines Press. 11 (1) 267–94. Doi: 10. 1086/368583. ^ De Fontaine, Didier (2002. Mundos planos: Hoje e na antiguidade. Memórias da Sociedade Astronômica Italiana. 1 (3) 257–62. Código Bib: 2002MmSAI ... 73S. 257D. Arquivado no original em 25 de agosto de 2007. Recuperado em 3 de agosto de 2007. ^ Aristóteles, De Caelo, 294b13–21 ^ Aristóteles, De Caelo, II. 13. 3; 294a 28: Muitos outros dizem que a Terra repousa sobre a água. Este. é a teoria mais antiga que foi preservada e é atribuída a Thales of Miletus "O'Grady, Patricia F. (2002. Thales of Miletus: o início da ciência e da filosofia ocidentais. Aldershot: Ashgate. pp. 87-107. ISBN 9780754605331. ^ Pseudo-Plutarco. Placita Philosophorum. Biblioteca Digital Perseus. V. 3, cap. 10. Recuperado em 24 de dezembro de 2014. ^ Hipólito, refutação de todas as heresias, i. 6 ^ Anaximandro; Fairbanks (editor e tradutor) Arthur. "Fragmentos e comentários. O Projeto de Textos Históricos de Hannover. (Plut., Strom. 2; Dox. 579. ^ Hipólito, refutação de todas as heresias, i. 7; Cf. Aristóteles, De Caelo, 294b13–21 ^ Xenófanes DK 21B28, citado em Aquiles, Introdução a Aratus 4 ^ Diogenes Laërtius, ii. 8 ^ Hipólito, refutação de todas as heresias, i. 9 ^ FGrH F 18a. ↑ Heródoto conhecia a visão convencional, segundo a qual o rio Oceano corre em torno de uma Terra circular plana (4. 8) e da divisão do mundo em três - Jacoby, RE Suppl. 2. 352 e seguintes rejeitaram essa crença pessoal (Histories, 2. 21; 4. 8; 4. 36) A história de Heródoto, George Rawlinson, Appleton e companhia, 1889, p. 409 ^ A árvore sagrado na religião e no mito, Sra. J. H. Philpot, Publicações de Courier Dover, 2004, p. 113 ^ O mundo era um disco plano, com a Terra no centro e o mar ao redor. Assim, a serpente está tão longe do centro, onde homens e deuses moravam. Mitologia nórdica: um guia para os deuses, heróis, rituais e crenças, John Lindow Oxford University Press, 2002) p. 253 ↑ Uma das primeiras referências literárias ao mundo que envolve a serpente aquática vem de Bragi Boddason, que viveu no século 9, em seu Ragnarsdrápa (XIV) "Gylfaginning". Recuperado em 9 de fevereiro de 2013. ^ O espelho do rei. Recuperado em 6 de novembro de 2013. ^ a b Needham, Joseph (1986. Ciência e Civilização na China: Volume 3. Taipei: Caves Books, Ltd. pp. 498. ^ Martzloff, Jean-Claude (1993-1994. Espaço e tempo em textos chineses de astronomia e astronomia matemática nos séculos XVII e XVIII. Ciência chinesa (11) 66-92 [p. 69. JSTOR 43290474. ^ Cullen, Christopher (1980. Joseph Needham sobre Astronomia Chinesa. Passado e Presente. 87 (1) 39–53 [pp. 42, 49. 1093 / past / 87. 1. 39. JSTOR 650565. ^ Cullen, Christopher (1976. Eratosthenes chineses da terra plana: um estudo de um fragmento de cosmologia em Huai Nan tzu Bullet 南. Boletim da Escola de Estudos Orientais e Africanos. 39 (1) 106–27 [pp. 107–09. 1017 / S0041977X00052137. ^ Cullen, Christopher (1976. 39 (1) 106–27 [p. 107. 1017 / S0041977X00052137. ^ Needham, Joseph (1959. Ciência e civilização na China. 3. Cambridge University Press. P. 219. ISBN 978-0-521-05801-8. ^ Cullen, Christopher (1980. 87 (87) 39–53 [p. 42. 108. 1017 / S0041977X00052137. ^ a b Cullen, Christopher (1976. 109. 1017 / S0041977X00052137. ^ Needham, Joseph; Wang, Ling. (1995) 1959. Ciência e Civilização na China: Matemática e Ciências dos Céus e da Terra, vol. 3, reimpressão edição. Cambridge: Cambridge University Press. ISBN 0-521-05801-5, p. 498 ^ Needham, Joseph; Wang, Ling. ISBN 0-521-05801-5, pp. 220, 498. ^ Needham, Joseph; Wang, Ling. 227, 499. ^ Joseph Needham, p. 225 ^ Lloyd, G. E. R. (1996. Adversários e autoridades: Investigações na ciência grega e chinesa antiga. Pp. 59-60. ISBN 978-0-521-55695-8. ^ Dreyer, John Louis Emil (1953) 1905. Uma história da astronomia de Thales a Kepler. Nova York, NY: Dover Publications. 20, 37–38. ISBN 978-0-486-60079-6. ^ Nos céus, livro ii capítulo 14. Lloyd, G. (1968. Aristóteles: O crescimento e a estrutura de seu pensamento. Cambridge Univ. Press. Pp. 162-64. ISBN 978-0-521-07049-2. ^ Van Helden, Albert (1985. Medindo o Universo: Dimensões Cósmicas de Aristarco a Halley. University of Chicago Press. Pp. 4-5. ISBN 978-0-226-84882-2. ^ Sedley, David N. (2003. Lucrécio e a transformação da sabedoria grega. Pp. 78–82. ISBN 978-0-521-54214-2. ^ Lucrécio, De rerum natura, 1. 1052–82. ^ História natural, 2. 64 ^ Tull, Herman Wayne (1989. As origens védicas do karma: Cosmos como homem no mito e no ritual indianos antigos. Universidade Estadual da Imprensa de Nova York. Pp. 47–49. ISBN 978-0-7914-0094-4. The Vedic Os textos contêm várias representações da forma do cosmos: o Rigveda sozinho contém duas imagens básicas do cosmos: um cosmo bipartido, constituído pelas duas esferas do céu e da Terra, e um cosmo tripartido, composto pelas três esferas do céu e da Terra. ^ Sarma, K. (2013. Selin, Helaine (ed. Enciclopédia da História da Ciência, Tecnologia e Medicina em Culturas Não-Ocidentais. Springer Science & Business Media. Pp. 114–15. ISBN 978-94-017- 1416-7. ^ Plofker 2009, p. 52 ^ a b c Gombrich, R. F. (1975. Blacker, Carmen; Loewe, Michael (eds. Ancient Cosmologies. George Allen & Unwin. pp. 110–39. ISBN 9780041000382. ^ AA Macdonell (1986. Mitologia Védica. Banarsidass Motilal. P. 9. ISBN 978-81-208-1113-3. ^ Plofker (2009, pp. 50–53) D. 15 (1978) pp. 533–633 (554 e seg.) Citação: Nos Purānas, a Terra é um disco circular de fundo chato, no centro do qual existe um alto Meru. Meru circundante é o continente circular Jambūdvīpa, que por sua vez é cercado por um anel de água conhecido como Oceano Salgado. Seguem-se anéis alternados de terra e mar até que haja sete continentes e sete oceanos. Jambūdvīpa fica na Índia – Bhāratavarsa. ^ Edelmann, Jonathan (2013. Gupta, Ravi M. Valpey, Kenneth R. (eds. O Bhagavata Purana: Texto Sagrado e Tradição Viva. Imprensa da Universidade de Columbia. Pp. 58–59. ISBN 978-0-231-53147-4 . ^ Dimmitt, Cornelia; van Buitenen, JB (2012. Mitologia Hindu Clássica: Um Leitor nos Puranas Sânscritos. Temple University Press (1ª Edição: 1977. pp. 4-5, 17-25, 46-47. ISBN 978-1-4399-0464- 0 ^ Cormack, Lesley (2009. Mito 3: Os cristãos medievais ensinaram que a Terra era plana. Em números de Ronald (ed. Galileo vai à cadeia e outros mitos sobre ciência e religião. Harvard University Press. Pp. 30-31. ISBN 9780674057418 . ^ a b c d Bercot, David (1998. Um Dicionário de Primeiras Crenças Cristãs. Massachusetts: Hendrickson Publishers. p. 222. ISBN 978-1565633575. O mundo, sendo esférico, está confinado nos círculos do céu. ^ Lactantius, os institutos divinos, livro III, capítulo XXIV, os pais Ante-Nicene, Vol VII, ed. Rev. Alexander Roberts, D. D. e James Donaldson, LL. D., reimpressão americana da edição de Edimburgo (1979) William B. Eerdmans Publishing Co., Grand Rapids, MI, pp. 94-95. ^ De Civitate Dei, livro XVI, capítulo 9 - se devemos acreditar nos antípodas, traduzido por Rev. Marcus Dods, D. da Biblioteca Ethereal dos Clássicos Cristãos no Calvin College ^ Nothaft, C. P. "Agostinho e a forma da terra: uma crítica de Leo Ferrari. Estudos agostinianos. 42 (1) 33-48. 5840 / augstudies20114213. ^ Nothaft, C. (2011. Agostinho e a Forma da Terra: Uma Crítica de Leo Ferrari "Augustinian Studies, 42 (1) 35, doi: 10. 5840 / augstudies20114213 ^ Lindberg, David C. (1986. Ciência e Igreja Primitiva. Em Lindberg, David C. Números, Ronald L. Deus e Natureza: Ensaios Históricos sobre o Encontro entre Cristianismo e Ciência. Berkeley e Los Angeles: University of California Press. ISBN 978-0-520-05692-3. ^ Leo Ferrari, Repensando as Confissões de Agostinho, Trinta Anos de Descobertas "Estudos Religiosos e Teologia (2000) JL Dreyer, Uma História de Sistemas Planetários de Thales a Kepler. (1906) republicação integral como Uma História da Astronomia de Thales a Kepler (Nova York : Dover Publications, 1953. ^ São João Crisóstomo, Homilias sobre as estátuas, Homilia IX, pars. 7–8, em A Select Library of the Nicene and Post-Nicene Padres da Igreja Cristã, Série I, Vol IX, ed. Philip Schaff, D. D., LL. D., reimpressão americana da edição de Edimburgo (1978) W. 403–04. "Quando, portanto, não contemplas uma pedrinha, mas toda a Terra carregada sobre as águas, e não submersa, admira o poder dAquele que operou essas coisas maravilhosas de maneira sobrenatural! E de onde isso aparece, que a Terra é carregada O profeta declara isso quando diz: Ele a fundou nos mares e a preparou nas inundações. '1416 E novamente: para quem fundou a Terra sobre as águas.' 1417 O que dizes? não é capaz de sustentar uma pedrinha na superfície e ainda assim suporta a Terra, por mais magnífica que seja; montanhas, colinas, cidades, plantas, homens e animais; e não está submersa! Athanasius, Against the Heathen, Cap. 27 [1] Cap. 36 [2] em A Select Library of the Nicene and Post-Nicene Padres da Igreja Cristã, Série II, Vol. IV, ed. Eerdmans Publishing Co., Grand Rapids MI. ^ Cosmas Indicopleustes, topografia cristã. Prefácio da edição online. ^ Cosmas Indicopleustes, topografia cristã (1897) Introdução. ^ White, Andrew Dickson (1896. Cap. 2, parte 1. História da Guerra da Ciência com Teologia na Cristandade. Recuperado em 25 de agosto de 2015. ^ J. Dreyer (1906) Uma história de sistemas planetários, 1906) pp. 211–212. ^ São Basílio, o Grande, Hexaemeron 9 - Homilia IX - "A criação de animais terrestres" Igreja Ortodoxa Inocentes. Arquivado em 30 de outubro de 2012. Recuperado em 9 de fevereiro de 2013. ^ a b c Russell, Jefrey Burton (1991. Inventando a Terra Plana: Colombo e Historiadores Modernos. Praeger. pp. 86-87. ISBN 978-0-275-95904-3. ^ Lindberg, David. (1992) The Beginnings of Western Science. P. 363 ^ B. Eastwood e G. Graßhoff, diagramas planetários para a astronomia romana na Europa medieval, ca. 800-1500, Transactions of the American Philosophical Society, 94, 3 (Filadélfia, 2004), pp. 49–50. Stephen A. Barney, W. Lewis, J. Beach, Oliver Berghof (tradutores) 2010. XIV ii 1. As etimologias de Isidore de Sevilha. ISBN 978-0-521-83749-1. CS1 maint: nomes múltiplos: lista de autores (link. Em outras passagens do Etimologias, ele escreve sobre um orbis " W. G. Randles (2000. Geografia, Cartografia e Ciência Náutica no Renascimento. Reino Unido, Ashgate Variorum. P. 15. ISBN 978-0-86078-836-2. Também em Wolfgang Haase; Meyer Reinhold, orgs. (1994. A tradição clássica e as Américas, vol 1. ISBN 978-3-11-011572-7. Recuperado em 28 de novembro de 2010. Lyons, Jonathan (2009. A Casa da Sabedoria. Bloomsbury. Pp. 34–35. ISBN 978-1-58574-036-9. Ernest Brehaut (1912. Um enciclopédico da Idade das Trevas. Universidade de Columbia. ^ Isidore, Etymologiae, XIV. v. 17 [3. Isidore, Etymologiae, 4. ^ Fontaine, Jacques (1960. Isidore de Sevilha: Traité de la Nature. Bordeaux. ^ Isidore, Etymologiae, III. XXXII [5. ^ Isidore, Etymologiae, XIV. Eu [6. ^ Wesley M. Stevens, A Figura da Terra no De natura rerum "de Isidore" Isis, 71 (1980) 268–77. Stevens, Wesley M. (1980. A Figura da Terra no "De natura rerum de Isidore". Isis. 71 (2) 268–77. 1086/352464. JSTOR 230175, página 274 ^ Grant, Edward (1974. Um livro de fontes na ciência medieval (livros de fontes na história das ciências. ISBN 978-0-674-82360-0. ^ Thomas Glick; Stephen John Livesley; Faith Wallis (2005. Medieval Science Technology and Medicine, uma Enciclopédia. NY: Taylor & Francis. ^ Tradução inglesa de Laistner, M. (1966) 1931. Pensamento e letras na Europa Ocidental: A. 500 a 900 "2ª ed. Ithaca, NY: Imprensa da Universidade de Cornell: 184-85. O latim original diz: De perversa autem et doutrina original, contra contra Deum e animação sobre o locutus est, e esclarece como é eum confiteri, como alius mundus e aliine homines sob o seu sol e lua, hunc habito concilio ab eclesia pelle sacerdotii honore privatum MGH, 1, 80, pp. 178-79) Laistner, 1966, p. 184) Simek (1996, p. 53) Carey, John (1989. Irlanda e Antipodes: The Heterodoxy of Virgil of Salzburg. Speculum. 64 (1) 1–10. 2307 / 2852184. JSTOR 2852184. ^ Kaiser, Christopher B. (1997. Teologia criacionista e história da ciência física: a tradição criacionista de Basil a Bohr. Leiden: Brill Koninklijke. P. 48. ISBN 978-90-04-10669-7. ^ Hasse, Wolfgang; Reinhold, Meyer, eds. (1993. A tradição clássica e as Américas. Berlim: Walter de Gruyter. ISBN 978-3-11-011572-7. ^ Moretti, Gabriella (1993. O Outro Mundo e os 'Antípodas. O Mito de Países Desconhecidos entre a Antiguidade e o Renascimento. P. 265. Em Hasse & Reinhold (1993, pp. 241–84 ... Wright, Charles Darwin ( 1993. A tradição irlandesa na literatura inglesa antiga Cambridge, Reino Unido: Cambridge University Press, página 41. ISBN 978-0-521-41909-3. ^ Enciclopédia Católica: St. Vergilius de Salzburg. 1º de outubro de 1912. Recuperado em 9 de fevereiro de 2013. Fallacara, Giuseppe; Occhinegro, Ubaldo (2013) Manuscritto Voynich e Castel del Monte: nova interpretação interpretativa do documento por percursos inéditos [O manuscrito Voynich e Castel del Monte: uma nova chave interpretativa do documento através de cursos de pesquisa não publicados] em italiano) Gangemi Editore p. 127, ISBN 9788849277494 ^ Vogel, Klaus Anselm (1995. Sphaera terrae - das mittelallicliche Bild der Erde und the kosmographische Revolution. Tese de doutorado Georg-August-Universität Göttingen. P. 19 ... Summa Theologia IIa Iae, Q. 54, A. 2. ^ Grant, Edward (1994) Planetas. Estrelas. Orbs: The Medieval Cosmos, 1200-1687, Cambridge: Cambridge University Press, pp. 626–30, ISBN 978-0-521-56509-7 ^ Jill Tattersall (1981. The Earth, Sphere or Disc. Modern Language Review. 76 (1) 31-46. 2307/3727009. JSTOR 3727009. ^ Ash-Shareef, Abdurrahim Khairullah Omar (15 de novembro de 2014. Aspectos da indução de eruditos muçulmanos antigos extraídos do Alcorão Sagrado em Provar a Terra são esféricos. Journal of Education and Practice. 5: 210–218. CiteSeerX 10. 832. 9945 ^ Por exemplo, veja os versículos [Alcorão 15:19. Alcorão 20:53. Alcorão 50: 7] e [Alcorão 51:48. ^ Al-Razi, Fakhr al-Din. "19/131. Al-Tafsir Al-Kabir. Misr al-Matba'ah al-Bahiyah al-Misriyah. Recuperado em 13 de fevereiro de 2013. é necessária uma fonte melhor] Ash-Shareef, Abdurrahim Khairullah Omar (2014. Universidade de Zarqa: 217. ^ a b "Consenso muçulmano inicial. Recuperado em 13/09/2018. ^ Ptak, Roderich. O Mapa Sino-Europeu (Shanhai yudi quantu) na Enciclopédia Sancai Tuhui. Acessado em 19 de fevereiro de 2018. ^ cf. Joseph Needham et al.Relógio celestial: os grandes relógios astronômicos da China medieval "Antiquarian Horological Society, 2ª ed., Vol. 1, 1986, ISBN 0-521-32276-6, p. 138) a b Needham, Joseph (1986. 499. ^ Baran, Madeleine (16 de dezembro de 2009. Mapa histórico vindo para Minnesota. Paul, Minn. Minnesota Public Radio. Recuperado em 19 de fevereiro de 2018. ^ Russell, Jeffrey Burton (1991) Inventando a terra plana: Columbus e historiadores modernos, Nova York: Praeger, pp. 37–45, ISBN 978-0275939564 ^ Lindberg, David C. Números, Ronald L., eds. (1986. Introdução "Deus e Natureza: Ensaios Históricos sobre o Encontro entre Cristianismo e Ciência, Berkeley e Los Angeles: University of California Press, pp. 1–3, ISBN 978-0-520-05692-3 ^ Grant, Edward (1994) Planetas. Estrelas. Orbs: The Medieval Cosmos, 1200-1687, Cambridge: Cambridge University Press, pp. 620–22, 626–30, ISBN 978-0-521-56509-7 ^ Lindberg, David C. (2000. Ciência e Igreja Cristã Primitiva "em Shank, Michael H. A Empresa Científica na Antiguidade e na Idade Média: Leituras de Isis, Chicago e Londres: University of Chicago Press, pp. 125–46 , ISBN 978-0-226-74951-8 ^ Ferngren, Gary, ed. (2002. Introdução "Science & Religion: A Historical Introdução, Baltimore: Imprensa da Universidade Johns Hopkins, p. Ix, ISBN 978-0-8018-7038-5 ^ Fiske, John (1892. A descoberta de América. A imprensa do beira-rio. P. 267. ^ Parallax (Samuel Birley Rowbotham) 1881. Astronomia zetética: Terra não um globo (terceira edição. Londres: Simpkin, Marshall, e Co. ^ Astronomia teórica examinada e exposta, por 'senso comum. 1864 ^ Carpinteiro, William (1885. Cem provas de que a Terra não é um globo. Baltimore: William Carpenter - via Projeto Gutenberg. ^ Rev. 7: 1. ^ Hatcher (1908, p. 20) Garwood (2007, p. 165) Randolph (1884, pp. 47–53). ^ A Terra: Escrituralmente, Racionalmente e Praticamente Descrita. Revisão Geográfica, Filosófica e Educacional, Guia Náutico e Manual Geral do Estudante, n. 17 (1 de novembro de 1887) p. 7. citado em Schadewald, Robert J. (1981. Scientific Creationism, Geocentricity, and the Flat Earth. Skeptical Inquirer. Lock Haven University. Recuperado em 21 de agosto de 2010 - via ^ a b Garwood (2007) Wardlaw Scott, David (1901. Terra Firma. Recuperado em 13 de dezembro de 2010. ^ Slocum, Joshua (1900. 17–18. Navegando sozinho em todo o mundo. Nova York: The Century Company. ^ 5 000 para provar a terra é um globo, Mechanix moderno. 19 de maio de 2006. Arquivado em 11 de abril de 2011. Recuperado em 9 de fevereiro de 2013. ^ Nazé, Yaël (2018. Uma dissertação de doutorado em uma terra plana geocêntrica: astronomia zetética 'no nível universitário. 42 (3) 12–14. ^ Schadewald, Robert J "A verdade plana: A órbita da terra? Aterragem da lua? Uma fraude! Diz este profeta" Science Digest July 1980 ^ Schick, Theodore; Lewis Vaughn Como pensar em coisas estranhas: pensamento crítico para uma nova era Houghton Mifflin (Mayfield) 31 de outubro de 1995) ISBN 978-1-55934-254-4 p. 197 ^ Robert J. Schadewald. "The Flat-out Truth. Recuperado em 22 de janeiro de 2018. ^ Donald E. Simanek. "The Flat Earth. Arquivado no original em 28 de janeiro de 2013. Recuperado em 9 de fevereiro de 2013. ^ Teoria engenhosa da "Terra plana" revelada no mapa antigo. LiveScience. Recuperado em 9 de fevereiro de 2013. ^ a b "Como o YouTube converteu pessoas em Terra plana. BBC News. Recuperado em 17 de novembro de 2019. ^ Abbott, Erica. "Mark Zuckerberg banindo todos os grupos de terras planas do Facebook é uma farsa. Business2community. Arquivado no original em 19 de agosto de 2017. Recuperado em 19 de agosto de 2017. ^ Heigl, Alex (20 de fevereiro de 2017. A pequena lista de pessoas famosas que pensam que a Terra é plana (Sim, sério. Pessoas. ^ Herreria, Carla (2017-04-22. Neil deGrasse Tyson cita Terra-plana da celebridade para fazer questão de política. Huffington Post. Recuperado em 19 de agosto de 2017. ^ A ascensão dos terrestres planos. Science Focus - Revista BBC Focus. Página visitada em 2019-01-17. ^ O YouTube diz que reprimirá a recomendação de vídeos de conspiração. CNN. Consultado em 17 de novembro de 2019. ^ CNN, Rob Picheta. "A conspiração da Terra Plana está se espalhando pelo mundo. Ela esconde um núcleo mais escuro. Recuperado em 17 de novembro de 2019. ^ Underdown, James (2018. Comentário: Teste da Terra Plana do Mar Salton: Quando os Céticos Encontram Negadores. 42 (6) 14–15. ^ Underdown, Jim (novembro de 2018. O teste da terra plana do mar de Salton: quando os céticos encontram negadores. CFI. Arquivado no original em 24 de fevereiro de 2019. Recuperado em 24 de fevereiro de 2019. ^ a b Wolchover, Natalie; 30 de maio, equipe da Live Science. ET, 2017 10:24. "Os terrestres planos são sérios. Ciência ao vivo. Recuperado em 2019-01-17. ^ Moshakis, Alex (27/05/2018. A Terra é plana? Conheça as pessoas que questionam a ciência. O Observador. ISSN 0029-7712. Retrieved 2019-01-17. ^ Burdick, Alan (30-05-2018. Procurando vida em uma terra plana. ISSN 0028-792X. Retrieved 2019-01-17. Shaw, George B. (1908. Fabian Essays on Socialism (novo ed. Ball. P. Xviii. "Flat-Earth. Oxford English Dictionary. Recuperado em 29 de julho de 2013. Bibliografia Garwood, Christine (2007) Terra plana: A história de uma idéia infame, Pan Books, ISBN 978-1-4050-4702-9 Hatcher, William E. (1908) John Jasper, Nova York, NY: Fleming Revell Simek, Rudolf (1996) 1992. Céu e Terra na Idade Média: O mundo físico antes de Colombo. Angela Hall (trad. The Boydell Press. ISBN 9780851156088. Recuperado em 9 de fevereiro de 2013. Plofker, Kim (2009. Mathematics in India. ISBN 978-0691120676. Randolph, Edwin Archer (1884) A Vida do Rev. John Jasper, Pastor do Sexto Monte. Zion Baptist Church, Richmond, Virgínia, desde o nascimento até os dias atuais, com sua teoria sobre a rotação do sol, Richmond, VA: R. T. Hill & Co. Leitura adicional Fraser, Raymond (2007. Quando a Terra estava Plana: Lembrando Leonard Cohen, Alden Nowlan, Sociedade da Terra Plana, a farsa da monarquia de King James, os Contadores de Histórias de Montreal e outros assuntos curiosos. Black Moss Press, ISBN 978-0-88753- 439-3 links externos Robbins, Stuart (01/05/2012. Episódio 33: Terra plana. Expondo o podcast da pseudo-astronomia). Robbins, Stuart (05/09/2016. Episódio 145: Modern Flat Earth Theory, Parte 1. Expondo o PseudoAstronomy Podcast. Robbins, Stuart (04-10-2016. Episódio 149: Pensamento moderno da terra plana, parte 2. Expondo o podcast da pseudo-astronomia). Poder, Myles; James, James (31-10-2016. Episódio 146: As Mentiras do Sol. League of Nerds (YouTube. - Revisão de um documentário pró-Terra Plana). O Mito da Terra Plana O mito do universo plano Você diz que a terra é redonda? Prove (de The Straight Dope) Falácia da Terra Plana Astronomia zetética, ou terra não é um globo por Parallax (Samuel Birley Rowbotham (1816-1884) em Ideia da Terra plana da trajetória dos sóis Teoria da Terra Plana dos caminhos da Lua e do Sol ao redor do mundo.

Porque a terra, é claro, é tão pequena que cerca de 1/3 do globo do ponto a eb é de 6 milhas. Youtube. A terra dos filmes é plana e quadrada: a partir das evidências das escrituras e do motivo de a. A terra para assistir filmes é plana e reta: a partir das evidências das escrituras e da razão 10.

 

A terra dos filmes é plana e plana: das evidências das escrituras e da razão de ser. A terra para assistir filmes é plana e quadrada: a partir das evidências das escrituras e da primeira razão. A terra para assistir filmes é plana e quadrada: das evidências das escrituras e do livro de razões. Quando uma pessoa pergunta por que você preferiu o mal, em vez de fazer o bem, naturalmente, você culpará a Bíblia. Por que a Bíblia disse que a Terra é plana? A Bíblia não pode falar! Se as pessoas realmente leem a Bíblia com o desejo de entender o que está escrito em suas páginas, talvez não façam perguntas que demonstrem ignorância. Eles deliberadamente ignoram esse fato, que, pela palavra de Deus, os céus existiam há muito tempo, e uma terra formada fora da água e por meio da água. 2 Pedro 3: 5) E Deus disse: “Haja firmamento no meio das águas, e separe as águas das águas. E Deus fez o firmamento e separou as águas que estavam sob o firmamento das águas que estavam acima do firmamento ... Deus disse: “Que as águas sob os céus sejam reunidas em um só lugar, e deixe a terra seca aparecer. E foi assim. ... E Deus fez as duas grandes luzes, a luz maior para governar o dia, e a luz menor para governar a noite; ele fez as estrelas também. E Deus os pôs no firmamento dos céus para iluminar a terra, governar o dia e a noite e separar a luz das trevas. E Deus viu que isso era bom. (Gênesis 1: 6-19) Colocar um firmamento (ou qualquer coisa) no meio da água é o mesmo que separar a água da água, como se alguém estivesse colocando uma bola no meio da água. Quando você lê que um firmamento foi criado no meio das águas e as duas grandes luzes foram feitas, uma das quais é definitivamente esférica - a lua! - por que os ignorantes não reconhecem o óbvio? As pessoas que foram capazes de construir estruturas arquitetônicas que o homem moderno se maravilha hoje, porque o tecnologicamente não existe, de acordo com a iludida intelligentsia deste tempo atual, eram muito pouco inteligentes para reconhecer como era uma esfera. Quanto à afirmação na Bíblia de que o sol havia se posto nos céus, isso não indica que os escritores inspirados das Escrituras Sagradas acreditavam que o sol se punha em um lugar nos céus; nem qualquer outra coisa como expressões como “os confins da terra” significa que eles pensavam que o planeta Terra era plano. Que ele reine de mar em mar e do rio até os confins da terra. Salmo 72: 8) Então Salomão disse: “O Senhor pôs o sol no céu, mas disse que habitaria nas trevas. Eu te edifiquei uma casa exaltada, um lugar para habitar para sempre. ”(1 Reis 8: 12-13) Nem os escritores da Bíblia acreditavam que Deus poderia ser alojado em um edifício. O Deus que criou o mundo e tudo nele, sendo o Senhor do céu e da terra, não vive em santuários feitos pelo homem. [A verdade é]…. Nele vivemos, nos movemos e existimos. Atos 17: 24-28) As únicas pessoas que acreditam em uma Terra plana pertencem ao crédulo. Os crédulos acreditam que os antigos eram estúpidos. O ingênuo acreditará em tudo o que lhes disseram ou leu em algum lugar sem procurar respostas para algumas perguntas muito importantes (por exemplo, por que nasci apenas para morrer? Por que a futilidade tem que reinar? Por que os humanos contam mentiras e não esperam que outras pessoas Onde está a justiça em nascer para sofrer. Em um dos escritos antigos, lemos que o sol faz um circuito nos céus. Isso significa que a Terra é plana. Senhores, as mulheres não são fortes? é vasto, o céu é alto e o sol é veloz, pois faz o circuito dos céus e retorna ao seu lugar em um dia. 1 Esdras 4:34) As pessoas tolas pensam que outras pessoas não são inteligentes , porque eles não têm a percepção necessária para reconhecer que a inteligência é concedida a todos os seres humanos. Se os humanos usam sua capacidade de serem inteligentes e reconhecer que a sabedoria é o epítome da inteligência, é outra questão. Pois todos os seres humanos são inteligentes, mas nem todos os seres humanos são sábios. O caminho dos tolos parece correto para eles, mas os sábios ouvem conselhos. Provérbios 12:15) Ande com os sábios e torne-se sábio, pois um companheiro de tolos sofre mal. Provérbios 13:20) Qualquer pessoa que tenha observado um eclipse começa a reconhecer que uma esfera existe quando se trata dos dois círculos que circundam a Terra - então por que não a Terra? Apenas observando a Lua por um período de um mês, a evidência é que a Lua é uma bola. A pergunta sobre a Bíblia afirmando que a Bíblia é plana sugere que qualquer pessoa que acredite nessa afirmação falsa também acreditaria que a Bíblia declara que a Lua é plana. Quando as pessoas leem a Bíblia, primeiro precisam aprender a ler; mas antes de lerem, alguém precisa produzir a escrita. Surpreendentemente, as pessoas que pensam que são inteligentes propõem que os povos antigos, que tinham a capacidade de criar símbolos com os quais escrever e ler, não eram inteligentes o suficiente para observar o mundo em que viviam e reconhecer que a Lua era uma esfera. Agora, se as pessoas são capazes de reconhecer que a Lua é uma esfera, elas podem pensar que a Terra também pode ser uma esfera. Eles podem até pensar que o Sol poderia completar um circuito em torno de uma Terra esférica. Acontece que as pessoas são capazes de pensar isso, mesmo que não concebam a Terra girando em torno de um eixo invisível a 1040 mph, com a Lua rodeando-a a 2288 mph, enquanto juntos voam ao redor do Sol a 70.000 mph. Todo ser humano sabe que a Terra está girando a 1040 mph e estamos viajando a 70 000 mph - mas talvez não! Afinal, é difícil provar que a Terra gira enquanto viaja a cerca de 70.000 km / h. Nem todo mundo pode simplesmente pular em uma nave espacial intergaláctica e verificar o velocímetro enquanto voa ao redor do Sol ao lado do planeta Terra. Por outro lado, uma Terra esférica não é tão difícil de conceituar ou provar. Tudo o que se deve fazer é observar a Lua, ou escalar o pico da montanha solitária, ou descer ao oceano nas primeiras horas da manhã e ficar em um penhasco, para perceber que vivemos dentro de uma cobertura esférica. A verdade é mais do que justa Expressando opiniões e permanecendo ignorante.

A terra dos filmes é plana e plana: a evidência das escrituras e a razão são livres. Wtf está errado com as pessoas. A terra para assistir filmes é plana e reta: das evidências das escrituras e da razão 5. Inscrição Login Inscrição Connexion Au Top 410 Vídeos Vocaroo Actu Finance Football Tinder / 10 Twitter Instagram Kheyette Earth Is Flat and Square: From Scripture, Evidence & Reason 2017 HD Download Torrent. Saiba mais em 12/03/2019 Assista ou faça o download ⮞ 1 Répondre.

Lógica da Terra plana. 1. Não consigo ver algo por mim = isso não existe. 2. Explicações muito complicadas para eu entender = mentiras e conspirações. O mais assustador é que os cérebros chatos têm exatamente os mesmos direitos de voto que as pessoas inteligentes. Pense nisso. A terra para assistir filmes é plana e quadrada: a partir das evidências e das razões das escrituras 4. Assista ao filme Earth Is Flat and Square: From Scripture, Evidence & reason. A terra para assistir filmes é plana e reta: a partir das evidências e razões das escrituras. Pegue qualquer globo e divida a circunferência em cerca de 100 comprimentos iguais e veja a que distância da bola você pode ver. Não se esqueça de explicar quedas e aumentos.

Assista ao filme Earth Is Flat and Square: From Scripture, Evidence & raciocínio. O que a Bíblia diz sobre a teoria da terra plana? Embora a teoria da Terra seja plana não seja falada diretamente, alguns versículos descrevem a forma potencial do nosso planeta. Um versículo menciona os "quatro cantos da terra" e poderia ser interpretado como uma crença na Terra plana, mas essa teoria foi provada errada pela Igreja há 500 anos. Aprenda mais em nossa lista de versículos da Bíblia sobre a teoria da Terra plana. Primeiro telescópio wsas 1608. Por Donald E. Simanek Idéias iniciais sobre a forma da terra. Cosmogonia egípcia. Os antigos tinham muitas idéias novas sobre a forma de a Terra. Os babilônios pensavam que a terra era oco, para fornecer espaço para o seu submundo. o Os egípcios achavam a Terra um quadrado, com quatro cantos) com montanhas na borda, apoiando o abóbada do céu. Aristóteles defendeu uma terra esférica, pelas seguintes razões: O desaparecimento gradual de navios sobre o horizonte, os topos das velas desaparecem por último. A forma da sombra curvada da terra na lua durante os eclipses. A variação da elevação do sol com a latitude. (Isso foi a base da medição de Eratóstenes. ) A variação da elevação de uma estrela com latitude. O fato de que vê-se novas estrelas à medida que se move para o norte ou sul na Terra superfície. A matéria tende a se transformar em gotas ou bolhas, e a terra, em formando a partir de matéria caótica, fez o mesmo. Prova de elefantes: quando se viaja para o oeste da Grécia, um encontra elefantes (africano. Quando se viaja para o leste, encontra-se elefantes (asiáticos. Não percebendo que esses elefantes são diferentes tipos, ele pensou que um estava viajando para as mesmas terras por indo em direções opostas. Os dois últimos são obviamente (para nós) irrelevantes, mas os outros representam argumentos válidos com base em observações da natureza. Terra plana. George Gamow Terra redonda. George Gamow A igreja cristã primitiva aceitou a terra esférica de Aristóteles. Mas um alguns descontentes dentro da Igreja apontaram que a Bíblia fala de 'os quatro cantos' da terra. No século V dC, o monge Cosmas Indicopleustes, em sua topografia cristã, descreveu uma terra quadrada com um cofre celestial, muito parecido com o modelo egípcio. Tertuliano também era chato. O escritor de ciência Robert J. Schadewald me deu permissão para citar o parágrafos seguintes em que ele resume as evidências bíblicas que os terra-chatos usam para justificar sua posição. Ele escreveu isso para um fundamentalista geocentrista que estava argumentando que a Bíblia apóia uma Terra fixa e sem movimento, com todo o resto do universo em movimento à nossa volta em cerca de uma revolução por dia. Bob, é claro, concordou que a Bíblia apóia essa visão, mas se pergunta por que esse particular fundamentalista também não aceitou a idéia de que a terra é plana, já que que tem base na Bíblia também. A Bíblia é, de Gênesis a Apocalipse, um livro de terra plana. em nenhum lugar a Bíblia declara categoricamente que a terra é numerosos versículos do Antigo Testamento mostram claramente que os antigos Hebreus eram de terra plana. Isso ocorre mais claramente em traduções modernas, como a Nova Bíblia em Inglês, mas é claro suficiente na versão King James. A história da criação do Genesis diz que a terra está coberta por um cofre (firmamento) e que o corpos celestes se movem dentro do cofre. (Ver Gênesis 1: 6-8 e 1:17. Observe que, mesmo na KJV, enquanto houver águas "acima" do firmamento, os corpos celestes estão "nele". Isso não faz sentido a menos que se assuma que a terra é essencialmente plana. Que os hebreus consideravam o sol e a lua pequenos corpos Josué 10:12, que dá uma explicação específica localidades [geográficas] nas quais eles pararam. Isaías 40:22 diz que "Deus está sentado no trono abobadado da terra, cujo habitantes são como gafanhotos. No livro de Jó, Elifaz, o Temanita diz que Deus "anda de um lado para o outro no cofre do céu. (Jó 22:14. Os tradutores da KJV enfrentaram os dois últimos versículos, mas em ambos os casos as implicações são claras. ) Que a terra foi considerada essencialmente plana é clara para Daniel, quem disse que eu vi uma árvore de grande altura no centro da terra; a árvore cresceu e ficou forte, alcançando com o topo no céu e visível para os limites mais distantes da terra. Daniel 4: 10-11) Somente em uma terra plana podia-se ver uma árvore alcançando o céu (cúpula. "os limites mais distantes da terra." O Novo Testamento também implica uma terra plana. Para Por exemplo, Mateus 4: 8 diz que "o diabo levou ele [Jesus] a um monte muito alto, e mostrou ele todos os reinos do mundo em sua glória. De uma montanha suficientemente alta, um podia ver todos os reinos do mundo ", mas somente se a terra fosse plana. O mesmo se aplica a Apocalipse 1: 7, que diz que no segundo vindo, todo olho o verá. Finalmente, Apocalipse 7: 1 se refere a "os quatro cantos do terra. e cantos geralmente não estão associados com esferas. Na verdade, se você quiser uma boa imagem do concepção hebraica da terra, procure em uma enciclopédia judaica em "cosmografia. Você também pode querer ler o chamado Livro "Etíope" de Enoque, escrito talvez 150 aC C. Embora não canônico, é parafraseado ou citado algumas vezes no Novo Testamento, por isso era altamente considerado naqueles dias. Sua terra plana implicações são ainda mais fortes. O modelo bíblico do cosmos deriva de fontes egípcias, que tinham uma terra plana coberta por um cofre de céu arredondado apoiado nos quatro cantos da terra por altas montanhas. As águas acima e as águas abaixo 'no livro de Gênesis referem-se à noção babilônica que as águas estavam divididas, e algumas permaneceram acima do céu. O cofre era como um telhado com vazamentos e um pouco dessa água cai quando chuva. Surpreendentemente, alguns criacionistas bíblicos atuais argumentam agora que esta água acima do céu era a fonte do dilúvio no tempo de Noé. Eles percebem que se as águas cobrissem a terra ao mais alto topos de montanhas, simplesmente não há nenhuma fonte de tanta água no Terra ou na atmosfera! Então deve ter vindo de algum lugar mais, eles argumentam, em sua tentativa patética de tornar o criacionismo parece 'científico. Eratóstenes mede a terra. A Terra Redonda. Eratóstenes (c 276 a 195 aC) foi provavelmente o primeiro para medir com precisão o tamanho do Terra. Ele sabia que no solstício de verão o sol estava diretamente acima em Syene (agora Aswan, Egito. Naquele dia, paus ou varas verticais não projetam sombras, e a luz do sol enche o fundo dos poços. A cidade de Alexandria fica diretamente ao norte de Syene (no mesmo meridiano) e nesse mesmo dia, postes verticais lançam sombras, porque o sol é então 7. 2 do zênite. Eratóstenes assumiu isto deve-se à curvatura da terra. Sabendo a distância entre estes cidades sejam 5000 estádios (de terra pesquisas) ele calculou as circunferência a ser 250 000 estádios. [1 estádio era 1/8 de uma milha romana, ou 220 jardas em medida moderna. ] Essa é uma circunferência de pouco mais de 24, 662 milhas, que é quase o valor moderno de 24, 900 milhas. Esse valor também foi considerado grande parte da maioria dos eratóstenes contemporâneos, que preferiram o menor valor calculado mais tarde por Poseidonius (18.000 milhas. este último valor foi aceito por Ptolomeu (e Colombo, muito mais tarde. Observe que Eratóstenes assumiu que o sol estava longe longe da terra para que os raios solares entrantes sejam paralelos. Histórias populares dão a impressão de que Colombo teve que lidar com os crentes da terra plana que avisaram que ele navegaria direto da extremidade da terra. É mesmo disse que ele se propôs a provar que a terra era redonda. Isso é mito. Geometria da medição da terra por Eratóstenes. A maioria das pessoas instruídas nos dias de Colombo aceitava terra redonda. Mas havia diferença de opinião sobre o tamanho da terra. Colombo cometeu o erro de confiando no valor de Ptolemey para o tamanho da terra, que era pequeno demais. Columbus, portanto subestimou a duração da viagem proposta. (Ele queria chegar ao Oriente, mas a América entrou no caminho. ) Havia até alguns que aceitaram uma terra redonda, mas incompreendeu a gravidade. Eles pensaram que se você foi longe demais, você sairia. Na verdade, eles tiveram que postular algum tipo de muro montanhoso ao redor do mundo conhecido para impedir que os oceanos se espalhem. Renascimento das teorias da terra plana. Bob Shadewald, que pesquisou a idéia de terra plana em maior extensão do que eu, me diz que a idéia de terra plana foi revivida no século 18 pelos seguidores de um sectário e alfaiate inglês excêntrico, Lodowick Muggleton. Não consegui confirmar isso de forma independente. As origens das idéias excêntricas são geralmente difíceis de definir. De qualquer forma, do século XVIII até os dias atuais, a crença na terra plana está ligada com o fundamentalismo religioso. Em 1800, as sociedades zetéticas estavam florescendo em Inglaterra. 'Zetético' significa 'buscador' ou 'cético. Os terraplanos tomou esse nome para simbolizar seu ceticismo em relação a visões científicas ortodoxas da forma da terra. No entanto, seu ceticismo era limitado à ciência. Então, e agora, a ideia plana vai junto com os religiosos fundamentalismo e uma interpretação literal do Bíblia. Ainda estou ouvindo falar de um apartamento que não é também um literalista bíblico. Samuel Birley Rowbotham (1816-1884), fundamentalista religioso do século XIX, chefiou uma colônia Owenita e promoveu a filosofia da Terra plana. Ele é uma figura sombria para os historiadores. Ele tinha uma reputação de cínico desonestidade, e alguns pensam que ele realmente não acredita no que promoveu. Ele era um lecurer itinerante e escreveu sob vários pseudônimos: Tryon, S. Goulden, Parallax e Dr. Birley. Seu trabalho principal foi Earth Not a Globe, escrito em 1849. Rowbotham inventou a idéia diabolicamente inteligente de refração da luz em caminhos curvos para "salvar a hipótese" da terra plana, para explicar o que ele chamou de "ilusões de ótica" do nascer e do pôr do sol. Rowbotham é o primeiro plano a dar o tamanho do sol: 32 milhas de diâmetro, uma figura hoje aceito pelos terrestres planos. No entanto, ele deu a distância para o sol a 700 milhas, uma figura difícil de conciliar com seu valor por sua diâmetro. John Hampden (1819-1891) vigorosamente promoveu a idéia de terra plana na Inglaterra. Ele fundou o Oracle and Scriptural Science Review da Truth-Seeker em 1876. Em 1870, Hampden fez uma aposta com o naturalista Alfred Wallace no resultado de um teste de nivelamento da água no Antigo Canal de Bedford. Ambos os lados reivindicaram o teste confirmaram sua opinião, e os habitantes de terra plana até hoje afirmar que "as superfícies da água provaram ser plano. " Hampden era conhecido por sua piedade e sua linguagem abusiva. Sentindo que havia sido prejudicado no experimento de Bedford, ele enterrou Wallace em uma tempestade de panfletos e cartas vitriódicos ao editor. Ele até recorreu ao abuso por carta, como mostra esta carta para a sra. Wallace. Senhora Se o seu ladrão infernal do marido for levado para casa algum dia em um obstáculo, com todos os ossos da cabeça esmagados em uma polpa, você saberá o motivo. Você diz a mim que ele é um ladrão infernal mentiroso e, tão certo quanto o nome dele é Wallace, ele nunca morre em sua cama. Você deve ser um miserável miserável para ser obrigado a viver com um criminoso condenado. Não pense ou deixe que ele pense que eu fiz com ele. John Hampden Hampden pensou que o sol estava a apenas 600 milhas de distância, e 32 milhas de diâmetro. Esses números derivaram de Rowotham e não acrescentaram nada de novo à teoria da terra plana. Após a morte de Rowbotham, em 1884, seus seguidores continuaram a cruzada. A Universal Zetetic Society (UZS) foi fundada em 1890, publicando uma revista intitulada The Earth Not a Globe Review, que tinha 1000 assinantes. O UZS permaneceu ativo até o início do século 20, mas declinou lentamente após a Primeira Guerra Mundial. Outros terrestres planos estavam ativos neste momento. William Carpenter emigrou para Baltimore e escreveu Cem provas de que a Terra não é um globo em 1885. Lady Blount, esposa de Sir Walter de Sodrington Blount, promoveu idéias de terra plana. Ela fundou e editou um diário Earth, de 1900 a 1904. O escocês John Alexander Dowie (1847-1907) estudou na Universidade de Edimburgo, estabeleceu um pastorado perto de Sydney na Austrália e incluiu dogmas de terras planas em sua teologia. Uma digressão nas medições. Nas últimas décadas do século XIX, diversos modelos da Terra e os céus foram ativamente promovidos. Isaac Newton Vail propôs uma teoria anular para explicar a formação da Terra e dos planetas, mas assumiu uma convexa terra. A teoria de Gillespian colocou a terra e o sol em posições fixas, permitindo que a terra gire. Uma teoria "cônica" modelou a forma da terra como algo como um cone, cuja base é a região polar norte, e seu ápice no polo sul. Havia até uma pequena publicação intitulada O Square World promovendo uma terra em forma de tigela de sopa invertida, sendo o hemisfério norte o que conhecemos, mas com o Hemisfério Sul queimando para uma borda maior. É um mistério o motivo pelo qual o autor o descreve como "quadrado", mas tem algo a ver com a referência bíblica aos "quatro cantos da terra. O experimento do canal de New Bedford inspirou outros a medir a planicidade das superfícies da água. Alexander Gleason, engenheiro civil de Buffalo, NY, testou a planicidade da superfície do lago Erie. Ele publicou A Bíblia do Céu (1890) e A Terra é um Globo? 1893 Mas nem todo mundo que mediu a planicidade da água obteve o mesmo resultado. Em 1896, Ulysses G. Morrow fez um teste no Antigo Canal de Drenagem de Illinois, e encontrou a superfície da água côncava para cima. Morrow considerou essa "a evidência mais inconfundível da não convexidade da água. Mas ele não ficou surpreso, pois já estava inclinado para a visão de Cyrus Reed Teed de que a terra era oca e que vivíamos em sua superfície interna, com o universo inteiro também dentro. Morrow fez avistamentos semelhantes em 1896 a partir da margem do lago Michigan no recinto da feira mundial. Sete outros avistamentos foram feitos de Roby, Illinois em 1896, com resultados semelhantes. Essas experiências de defensores de terras planas e ocas foram facilmente descartadas pelos críticos como simplesmente devido à refração atmosférica. Morrow buscou um método mais convincente para medir superfícies de água, que não usaria luz. Em 1897 ele fez o famoso Experiência de Nápoles na Flórida, medindo uma superfície de água N-S de quase 6 km usando um método que não dependia da luz. Ele concluiu que a Terra era côncava, com um raio de pouco mais de 4000 milhas. Durante as últimas décadas do século XIX, os terrestres planos e ocos prestaram muita atenção aos experimentos um do outro, leram as publicações de seus oponentes e até se correspondiam através das seções de cartas de seus boletins. A terra era plana em Sião. Em 1888, o escocês John Alexander Dowie (1847-1907) trouxe essas idéias para a América, onde fundou a Igreja Católica Cristã em Chicago. Dowie era um curandeiro, e o diário Leaves of Healing era a publicação oficial da igreja. A igreja cresceu rapidamente e Dowie realizou seu sonho de fundar uma comunidade cristã em 1901, a comunidade de Zion, localizada na margem do lago Michigan, 40 milhas ao norte de Chicago. Alexander Dowie. Alexander Dowie desenho de Champe. À medida que a comunidade crescia e prosperava, Dowie se afastou do vida simples que ele havia defendido anteriormente. Ele residia em uma mansão de 25 quartos, e projetado para si magnífico manto eclesiástico, modelado depois daqueles usados ​​por Arão, o sumo sacerdote, descrito em Levítico. Os membros da comunidade pensaram que ele estava colocando muito "estilo" e sua esposa foi criticada por ser extravagante demais. Em 1906, depois de sofrer um acidente vascular cerebral, Dowie foi forçado a renunciar à sua posição. Dowie é repreendido. Wilbur Glenn Voliva. Wilbur Glenn Voliva (1870-1942) assumiu a liderança da Igreja, que se tornou a Igreja Apostólica Católica Cristã em Sião. Voliva manteve controle rígido sobre seus 6.000 seguidores, que compunham a comunidade. As escolas da igreja ensinaram a doutrina da terra plana. Sua estação de rádio de 100.000 watts transmitia seus diatribes contra a astronomia da Terra e os males da evolução. Nos seus primeiros anos, Sião era uma religião comunidade. Uma indústria de renda escocesa e uma padaria foram estabelecidas. Zion marca biscoitos de barra de figo e pomba branca chocolates originados lá. Na cidade de Sião, um rigoroso código de moralidade foi imposto, por lei, em todas as pessoas que pisam dentro da cidade limites. Irving Wallace, em seu livro The Square Pegs, conta suas memórias de infância de Sião. Lá, era ilegal as mulheres usarem roupas curtas vestidos, sapatos de salto altos, roupas de banho ou batom. Presunto, bacon, ostras, licor e tabaco foram banidos, assim como farmácias, prédios médicos e cinemas. UMA o toque de recolher às dez horas era rigorosamente cumprido. Você pode ser preso por assobiando no domingo. Essas leis foram aplicadas pela polícia de Voliva força, chamada Guarda Pretoriana, cujos capacetes levavam a palavra 'PACIÊNCIA' e cujas mangas traziam imagens de pombas. Policiais usava Bíblias e clubes em seus cintos. Irving Wallace entrevistou Voliva em 1932. Voliva declarou que o A Bíblia era toda a sua biblioteca científica. Os astrônomos eram 'ignorantes tolos. O sol, disse ele, ficava a apenas três mil quilômetros de distância, e apenas trinta e duas milhas de diâmetro. Quando perguntado por que ele achava o sol tão perto da terra, ele disse: Deus fez o sol iluminar a terra, e portanto, deve ter colocado perto da tarefa para a qual foi projetado. O que você pensaria de um homem que construiu uma casa em Sião e colocou uma lâmpada para acendê-lo em Kenosha, Wisconsin? As indústrias comunais de Sião foram arruinadas principalmente pela depressão. Igrejas rivais fizeram esforços especiais para enviar missionários a Sião para quebrar o monopólio religioso de Voliva. Seu controle político da cidade de Finalmente, Sião também foi derrotada. Voliva morreu em 1942, e Sião agora tem carne de porco, batom, farmácias e médicos, e você pode assobiar com segurança Domingo. Mapa da terra plana de Voliva. Mecânica Moderna e Invenção, outubro de 1931. O poder da igreja declinou nos anos 40 e 50, em parte devido a escândalos financeiros. Mas a própria igreja ainda existe, uma sombra pálida de sua antiga glória. A pomba branca, símbolo da paciência. Selo de Sião. Sião hoje. Eu visitei Sião no verão de 1992. É um pequeno lago comunidade costeira de casas de classe média e agradável parques e praias. Reconhece-se imediatamente o história e património da cidade nos sinais de trânsito, ruas norte-sul são nomeadas para pessoas e lugares da Bíblia: Gideão, Jetro, Galiléia, Gileade, Gilboa, Gabriel, Esdras, Ezequiel, Enoque. Quando eu era lá os carros da polícia ainda carregavam o selo da cidade, um emblema da igreja de Sião. Um processo havia sido trouxe contra a cidade por causa deste inadequado uso de um símbolo religioso. Vários residentes e membros da igreja com quem conversei ficaram muito indignados com esta tentativa de separar igreja e estado. A igreja original de Zion, uma estrutura de madeira, queimado em 1937 e foi substituído por um igreja com projeto arquitetônico moderno. Além disso desaparecido é o Elijah Hospice, construído em 1901. Ele foi considerado o maior quadro de madeira edifício do mundo, com 350 quartos, sala de jantar salas e salões. Tornou-se o Sião hotel de reforma e lar de idosos. Apesar de esforços para salvá-lo como um local histórico, foi rasgado no final dos anos 80 e substituído por um hospital moderno de tijolos. Sião agora tem mais de um cem igrejas de uma variedade surpreendente, incluindo muitas igrejas únicas. Há até uma cidade adjacente a usina nuclear limites. Shiloh House, um quarto de 25 mansão construída como o residência de John Alexander Dowie. o telhas têm um zig-zag padrão em verde amarelo e marrom, simbolizando o poder de Deus. [Foto de Donald Simanek. ] Shiloh House, a casa de Alexander Dowie e mais tarde de Wilbur Voliva, ainda está de pé. Só pode ser visitado nos finais de semana, quando o a sociedade histórica local oferece passeios públicos. Brochura da sociedade da terra plana. A terra plana no final do século XX. De volta à Inglaterra, em 1956, Samuel Shenton, pintor de sinais e membro da Royal Astronomical Society e da Royal Geographic Society, reviveu o UZS, mudando seu nome para The International Flat Earth Society. Uma brochura do IFS declara abertamente sua posição. A Sociey Internacional da Terra Plana foi estabelecida para provar, com um bom raciocínio e evidências factuais, que o presente aceita a teoria de que a Terra é um globo girando em seu eixo a cada 24 horas e, ao mesmo tempo, descrevendo uma órbita ao redor do Sol a uma velocidade de 66 000 m. p. h, é contrário a toda experiência e parece bom senso. Nos tempos antigos, o Earh era considerado plano, e isso é expresso em toda a literatura até algumas centenas de anos atrás. A teoria caiu em desagrado, devido principalmente ao dogmatismo da ciência moderna e da educação popular nas escolas, o que leva ao preconceito a favor da teoria globular desde o início. É sempre uma pena permitir que teorias falsas passem incontestadas, e espera-se que a Sociedade da Terra Plana faça muito para desfazer o dano causado. Lembre-se de que a verdade da figura plana da Terra pode ser demonstrada por evidências irrefutáveis, e qualquer pessoa interessada em se tornar membro deve entrar em contato com o Presidente ou o Secretário Organizador. No futuro, espera-se realizar reuniões regulares da Sociedade. 20 de dezembro de 1956. A sociedade recebeu bastante publicidade quando Shenton recebeu fotos da terra 'redonda', tirada do espaço. No começo ele não ficou impressionado, dizendo “É fácil ver como essa imagem poderia enganar os olhos destreinados.” De fato, uma lente grande angular “olho de inseto” pode produzir um efeito semelhante. ] Mais tarde, alguns relatórios disseram que ele admitiu que a Sociedade da Terra Plana pode ter que "reavalie sua posição. Mas, após um breve período de incerteza, ele concluiu que as fotos espaciais e todo o programa espacial foram falsificados por cientistas que tentavam desesperadamente salvar o rosto, ocultando a verdadeira natureza da forma de a Terra. Shenton morreu em março de 1971. Sua esposa ajudou a escolher um sucessor. O potencial mais entusiasmado líder dentro da organização parecia ser Charles K. Johnson de Lancaster, Califórnia. Samuel Shenton, ilustrando a planicidade da terra. Então Johnson se tornou presidente da Sociedade da Terra Plana em 1971 e "herdou" grande parte do valioso patrimônio de Shenton biblioteca de livros sobre a história da terra plana. Johnson lançou um jornal chamado The International Flat Earth News. Está masthead declara seu objetivo: Restaurar o mundo à sanidade. " Charles Johnson. Johnson usou a autoridade bíblica para afirmar que a Terra é um disco plano com o pólo norte no centro e uma parede de gelo nas regiões antárticas, circundando todo o perímetro do disco de terra. Em seu universo, o sol e a lua eram cerca de 32 milhas de diâmetro e apenas 3000 milhas de distância. Eles também são discos planos. As estrelas estão a meros 4000 milhas de distância. Onde Johnson conseguiu esses números? Você não encontrará os cálculos no jornal dele. Eles podem ter se originado com Carpenter e Robotham em Na Inglaterra, e são aceitos sem dúvida como autoridade pelos habitantes de hoje em dia. Repensando Eratóstenes. Pode-se reconstruir a origem desses números fazendo um pouco de geometria, a partir de uma terra plana hipótese. Lembre-se do experimento de Eratóstenes, que mediram a elevação angular do sol a duas latitudes no Egito? Ele assumiu que o sol estava efetivamente infinitamente distante (ou pelo menos até agora em comparação com o tamanho da terra que a distância real não importava. Então ele calculou o diâmetro da Terra usando uma segunda suposição: que a Terra estava esférico. Mas suponha que você abandone as duas suposições de Eratóstenes e adote a suposição de que a Terra é plana. Então, a triangulação a partir dos mesmos dados dá a distância ao sol: 3000 milhas! Veja como uma simples mudança de suposições pode alterar drasticamente todo o cosmos? No entanto, a Terra Redonda era mais do que uma suposição arbitrária para Eratóstenes, pois ele e seus contemporâneos tinham outras boas razões para saber que a Terra era redonda. [Os livros às vezes enganam, sugerindo que seu experimento foi projetado para provar que a Terra era uma esfera. Não era, pretendia apenas medir o tamanho da esfera. ] Distância do sol a uma terra plana, usando o método de Eratóstenes. Finalmente, o tamanho angular do sol é 0. 5. Usando esse fato com um distância ao sol de 3000 milhas, dá o diâmetro do sol: 32 milhas. Parece, portanto, que o os números de flat-earther são baseados no sol dados de elevação em apenas dois latitudes, talvez até as de Eratóstenes valores. Eu especulo que os terrenos planos possam ter escolhido estes de algum livro, e quando o cálculo foi concluído, eles pareciam não mais. Pois se eles tivessem feito o cálculo com uma variedade de latitudes, incluindo grandes diferenças de latitude, resultados conflitantes teriam sido obtido. O diagrama à esquerda abaixo mostra que, para duas cidades com latitudes cerca de 30 um do outro, resultados razoavelmente consistentes são obtido. Mas quando linhas de base maiores são usadas, a triangulação dá uma distância muito menor ao sol. Para uma diferença de 70 de latitude, o a distância ao sol sai menos da metade da diferença de 10. Como a luz refrata perto da terra. Esquerda: física convencional. Direita: física do plano. Ainda assim, alguém poderia salvar a hipótese assumindo que a luz se refrata em um maneira peculiar. Os terraplanos modernos de fato assumem que a refração está em trabalhos. Eles atribuem o desaparecimento dos navios no horizonte a um efeito de refração, e até mesmo apontar que, com alguma pressão atmosférica condições, navios, icebergs e montanhas distantes foram observadas subir acima do horizonte e até virar de cabeça para baixo! O diagrama à direita mostra como isso funciona. O ângulo que o os raios atingem a superfície da terra está correta, combinando com o diagrama esquerdo. Para completar o caminho do sol para a terra, os raios devem se curvar para bata na terra no ângulo correto (observado). A curvatura do raios para diferenças de latitude inferiores a 50 dificilmente aparecem no diagrama. Obviamente, este resultado pode ser obtido de várias maneiras. o curvatura poderia ser confinada à região próxima à Terra, mesmo dentro a atmosfera. O diagrama mostra arcos circulares, mas outras formas também pode ser usado. Respostas fracas a outras objeções à idéia de terra plana. Como aviões e satélites terrestres orbitam em torno de uma terra plana. E o que dizer de aviões que circulam a terra? E a terra satélites? Eles estão apenas viajando em órbitas em loop. O que os faz faça isso? Johnson não diz. Terra-plana evita qualquer forma de força gravitacional. Eles consideram a gravidade um idéia mística ou oculta. As coisas caem, eles dizem, simplesmente porque são pesados ​​- nenhuma outra explicação é necessário. E os vôos da lua e as fotos de espaço mostrando uma terra redonda? Johnson não estava prestes a ser levado por tais Absurdo. É tudo uma farsa, ele proclamou, um elaborado produção do filme escrito por Arthur C. Clarke, filmado nos palcos de Hollywood e no deserto Mohave. "Neil Armstrong pisou na lua de papel. Johnson afirmado. Johnson diz que sua missão é restaurar a sanidade do mundo. Ele estava orgulhoso de que as Nações Unidas aceita a ideia dele, pois eles colocam um mapa do apartamento dele terra em sua bandeira. Ele rejeitou forças místicas como gravidade, aceitando a noção aristotélica de que as coisas caem naturalmente para baixo - nenhuma explicação é necessária. Quem poderia ser perverso o suficiente para negar os sentidos, duvidando disso? Johnson também citou o testemunho de sua esposa Marjory, que vieram da Austrália. "Ela jurou uma declaração juramentada que ela nunca ficou de pé na Austrália. Ela navegou um navio aqui, e ela não entrou de cabeça para baixo e ela não navegou para cima. Ela navegou direto Do outro lado do oceano. Consideramos que um importante prova de que o mundo é plano. Diz Johnson. Bandeira das Nações Unidas. Uma ordem mundial plana. Johnson afirmou que sua sociedade de terra plana tinha 1600 membros em todo o mundo, mas admite que alguns não cumpriram suas obrigações. A sociedade sempre foi lutando financeiramente. Provavelmente havia menos de 100 discos rígidos membros. Até agora você deve estar pensando que isso é uma piada elaborada. Não tão. Leia algumas edições do jornal dele e verá que ele é mortal sério. Ele publicou o jornal com prejuízo financeiro e viveu com sua esposa em isolamento e pobreza à beira do deserto de Mohave. Ele foi bastante sincero e indignado com aqueles que zombavam de a idéia da terra plana. Uma teoria rival. Johnson ficou furioso com qualquer menção do canadense Leo Ferrari, chefe de um organização simplesmente chamada The Flat Earth Sociedade. Ferrari ensinou na filosofia departamento da Universidade de St. Thomas. Eu vou dar você algumas jóias da sua promoção folheto: Acreditamos na terra firma, e quanto mais mais firme, menos terror. Toda ciência, como toda filosofia e tudo religião é finalmente metafórica aliança é essencialmente mística e poético. Nosso objetivo é restaurar a fé do homem na Senso comum. Ver é crer. foi cegado pela metafísica, lavagem cerebral por falácias populares e intimidado a negar a evidência de sua olhos próprios! A capa de seu folheto diz "Estamos no nível. Ele disse uma vez, em uma entrevista, que ele tinha viajado para a extremidade da terra, que ele define como a borda do que ele pode ver: Fogo Ilha, na costa da Terra Nova. Lá ele olhou por cima da borda para o 'abismal abismo. Foi um horror. ele disse. "EU conseguiu agarrar uma pedra para apoio. Ele levou aquela pedra de volta com ele, que ele chama 'A Pedra Sagrada. Panfleto da sociedade da terra plana. Leo Ferrari, Canadá. Não sei até que ponto os esforços da Ferrari foram paródicos. Mas como a Internet tornou tão fácil para as pessoas alcançarem uma audiência mundial, vários sites de organizações de terras planas apareceram, quase certamente destinados a sátira. Postscripts Março de 2006. Muita coisa mudou desde que escrevi a conta acima. Bob Shadewald me atualizou, fornecendo as seguintes informações. No final de setembro de 1995, a casa dos Johnsons pegou fogo. Charles conseguiu puxar Marjory, até então um semi-inválido com oxigênio suplementar, para a segurança, mas tudo o mais na casa foi destruído - seus pertences pessoais, a biblioteca e os arquivos da Sociedade da Terra Plana, a lista de membros, tudo. Sem seguro contra incêndio, os Johnsons não foram capazes de reconstruir. Um velho trailer da casa em ruínas, comprado como depósito, sobreviveu ao incêndio e eles se refugiaram ali. Alguns meses depois, Marjory caiu e quebrou um quadril. Ela sobreviveu à cirurgia de substituição do quadril, mas nunca recuperou sua força. Em 16 de maio de 1996, ela morreu. Charles Johnson mergulhou na reconstrução da lista de membros. A publicação do Flat Earth News, em hiato desde 1994, seria retomada com a edição de dezembro de 1996. Mas não tenho confirmação de que sim. Charles Johnson morreu em 2001. Ouvi rumores de que foram feitos alguns esforços para encontrar um novo líder para reavivar a organização, mas não vi nenhuma evidência de que isso tenha acontecido. Junho de 2015. Eric Dubay parece ter revivido o Sociedade Internacional de Pesquisa da Terra Plana. Seu site recicla os argumentos clássicos de uma terra plana imóvel e "refuta" os argumentos de uma terra esférica e rotativa. Ele rejeita a gravidade e é claramente da opinião de que a Terra Redonda é uma vasta conspiração para iludir a todos, promovida pelos maçons e pela NASA. Ele não dá uma resposta convincente à pergunta "Por que alguém se daria ao trabalho de promover qualquer visão particular do cosmos. Ele admite que não entende os argumentos matemáticos da física convencional. Ele se baseia em analogias do" senso comum ". Leia seus e-books, publicações na web e assista a seus vídeos como exemplos de "argumentos da ignorância". " Eu ainda gostaria de ver um debate entre os terrenos ocas e os terrenos planos sobre o assunto da forma da Terra. Penso que demonstraria o quanto eles são parecidos nos métodos usados ​​para apoiar sua crença e como eles podem usar dados mal interpretados e argumentos falhos para chegar a conclusões mutuamente contraditórias. Fontes: Cohen, Daniel. "A terra é plana ou oca. Science Digest, novembro de 1972, p. 62-66. Cook, Philip. Teocracia de John Alexander Dowie. Publicação da Sociedade Histórica de Zion, Série 2. 1970. (panfleto) Darms, Rev. Anton. Vida e Obra de John Alexander Dowie. (panfleto) Davenport, Walter. "Eles me chamam de Flathead. Collier, 11 de maio de 1927. DeFord, Charles S. Uma reparação: gravitação universal uma farsa universal. Fairfield, Washington, Ye Galleon Press [1992] 62 p. illus., porto. QB283. D44 1992 Reimpressão do 3d ed. (New York, Fortean Society, 1931) com uma nova introdução de Robert J. Schadewald. Fiske, John. Um século de ciência e outros ensaios. Houghton, Mifflin, 1899. XIV. "Some Cranks and his Crotchets. Este ensaio também aparece no Atlantic Monthly, março de 1899, p. 292-310. Discute, entre outras coisas, a história das teorias da terra plana e oca. Notícias da Terra plana. Sociedade Internacional de Pesquisa da Terra Plana. Gardner, Martin. "Plana e oca. Em seus modismos e falácias em nome da ciência. [Rev. e expansão ed. Nova York, Dover Publications [1957] p. 16 a 27. Q173. G35 1957. Inclui Voliva e a Igreja Apostólica Cristã em Sião, III. Garwood, Christine. Terra plana, a história de uma idéia infame. Macmillian, 2007. Gates, David, com Jennifer Smith. "Mantendo a fé na terra plana. Newsweek, 2 de julho de 1984. Gleason, Alex. A Bíblia é do céu? A terra é um globo? 2d ed., Rev. e enl. Buffalo, N.Y., Buffalo Electrotype and Engraving Co. [1893] xix, 402 p. illus., mapa, col. pratos, retratos. QB638. G56 Kneitel, Tom. "WCBD, Estação de Rádio 'Terra Plana'. Comunicações Populares, junho de 1986. Johnson, William J. "Sociedade da Terra Plana. SR (data? Folhas de Cura. (Periódico, 1888- Moore, Patrick. "Terras melhores e mais lisonjeiras. Nela você pode falar venusiano? Um guia para os pensadores independentes. [Newton Abbot, David & Charles, 1972] p. 16 e 29. illus. QB52. M66 1972. Pfarr, Jerry. "A utopia ficava a 64 quilômetros ao norte de Chicago. Chicago News-Sun, Sáb / Dom, julho de 15016, 1989, seção 1. Reinders, Robert C. "Treinamento para um profeta: As missões da costa oeste de John Alexander Dowie, 1888-1890. O historiador do Pacífico, primavera de 1986. XXX, 1, p. 3. [Rowbotham, Samuel B. Astronomia zetética. Terra não é um globo. Uma investigação experimental da verdadeira figura da terra, provando ser um plano, sem movimento orbital ou axial, e o único mundo material conhecido; sua verdadeira posição no universo, formação comparativamente recente, condição química presente e aproximação da destruição pelo fogo, c. c. Por pseudo "Parallax". O illus. de George Davey. 3d ed., Rev. London, Day, 1881. 430 p. CaBViP; CtY; ICJ Schadewald, Robert. "Ele sabia que a Terra era redonda, mas sua prova falhou. Smithsonian, abril de 1978. 101-113. Relato do desafio de 1870 'Old Bedford Canal', no qual o naturalista Alfred Russel Wallace e o irmão mais velho John Hampden mediram a planicidade do superfície da água. Schadewald, Robert. "A verdade simples: órbitas da terra? Aterragem da lua? Uma fraude! Diz este profeta. Science Digest, julho de 1980, p. 58-63. Cópia na Web. Schadewald, Robert. "O mundo está em forma curiosa. Ficção científica de Asimov revista? Schadewald, Robert. "Some Like it Flat. À margem da razão por Ted Schultz, ed. Nova York: Harmony Books, 1989, 86-88. Taylor, Jabez. Wilbur Glenn Voliva. Sociedade Histórica de Sião, História Continuada de Sião, 1901-1961, Série 7. (panfleto, sem data) Taylor, Jabez. Uma visita à histórica Casa Shiloh de Sião. Sociedade Histórica de Zion, Shiloh House. (panfleto, sem data) Wacker, Grant. "Marchando para Sião. A / G Heritage. Parte 1, verão? 1986. Parte 2. Outono, 1986. Wallace, Irving. Os Pegs quadrados. Alfred A. Knopf, 1957. Capítulo 1. Em defesa do Peg quadrado. Williams, Marjorie I. "Do Realismo à Realidade: os Seguidores do Dr. John Alexander Dowie. M. A. Tese, Rosary College, julho de 1963. [Winship, Thomas] Cosmogonia zetética; ou evidência conclusiva de que o mundo não é um globo rotativo-rotativo, mas um círculo plano estacionário. Por retângulo [pseudo. 2d ed., Enl. Durban, Natal, T.L. Cullingworth, 1899. 192 p. W77 Publicado pela primeira vez em 1897 (46 p. W769. Aviso Legal. Este documento é um trabalho em andamento. Considere-o como um primeiro rascunho. Versões posteriores terão referências e notas de rodapé mais específicas. Leitura adicional. A terra é uma bola giratória e redonda? de Donald Simanek. A evidência é abundante para qualquer um observar. A Bíblia da Terra Plana, de Robert J. Schadewald. A verdade simples: órbitas da terra? Desembarques na Lua? Uma fraude! Diz Este Profeta por Robert J. Schadewald. Um perfil de Charles Johnson. A base bíblica para uma cosmologia geocêntrica de Glenn Elert. A Terra plana e seus advogados: uma lista de referências, Biblioteca do Congresso. Bibliografia Hollow Earth (além de Flat Earth também. De Michael Rogero Brown. Este documento de 2006 por Donald E. Simanek. Revisado em 2016. Entradas e sugestões são bem-vindas. Por favor, use o endereço à direita ao responder e indique o documento específico de interesse. Retornar para Mitos e mistérios da ciência. Confira uma teoria alternativa, The Hollow Earth. Retorne à primeira página de Donald Simanek.

4.7k não gostam de terra plana? Você fica no chão? Sim? Isso se chama GRAVIDADE. A terra dos filmes é plana e plana: das evidências das escrituras e da razão de Deus. A terra para assistir filmes é plana e quadrada: a partir das evidências das escrituras e da razão 3. Assista ao filme Earth Is Flat and Square: From Scripture, Evidence & reason magazine. Assista ao filme Earth Is Flat and Square: From Scripture, Evidence & reason.


Então teria que haver uma borda e um inferno de cachoeira nas bordas.

A terra para assistir filmes é plana e quadrada: a partir das evidências das escrituras e do significado da razão. Adorei isso! tão engraçado. "Ele é o mais sábio que conhece melhor sua Bíblia e vive de acordo com seus ensinamentos. Há mais ciência real na Bíblia, particularmente em Gênesis, Jó, Salmos, Provérbios, Eclesiastes, Isaías e Ezequiel, do que em todas as universidades e observatórios do mundo. Grandes pepitas de conhecimento verdadeiro estão embutidas ali, mas é necessário que elas sejam buscadas com espírito reverente, pois "Yahuwah] resiste ao orgulhoso, mas dá graça aos humildes" - Tiago iv. 6 Nosso [Mestre] disse: "Agradeço, ó Pai, Mestre] do céu e da terra, porque escondeste estas coisas do sábio e do entendimento, e as revelou a bebês, mesmo assim. Pai, porque assim parece bom aos teus olhos "- Mt. 25: 26. Terra Firma: A Terra Não é um Planeta, Provada das Escrituras, Razão e Fato, David Wardlaw Scott, p. 166) Abaixo, destacaremos alguns dos pontos que levaram a WLC a adotar a "Terra Plana. Isso não pretende ser uma lista exaustiva de provas ou evidências. No entanto, deve ser suficiente para incentivar todos a começar um processo honesto. investigação deste assunto mais intrigante e importante. Não é fácil livrar-se de uma vida inteira de condicionamento incessante e propaganda enganosa, mas, pela graça do Pai, isso pode ser alcançado. É nossa oração que você coloque seus preconceitos e pressupostos à porta da investigação e reserve um tempo para estudá-lo com uma mente aberta e um coração honesto. "A verdade nunca tem medo da investigação mais completa. David Wardlaw Scott) A propósito, entendemos: a sugestão de que a Terra é plana parece loucura. Isso é exatamente o que pensávamos quando fomos apresentados ao assunto. Não querendo rejeitar nada, porém, sem uma investigação aprofundada, começamos a estudar o assunto em espírito de oração, prometendo que seríamos fiéis às evidências, seguindo-as onde quer que elas levassem. Depois de muitas semanas e meses de pesquisa e estudo diligente, agora é nossa firme convicção de que é o modelo do "globo" que é louco. "Aquele que responde a uma questão antes que a ouça, é loucura e vergonha para ele" (Provérbios 18:13). Evidência bíblica que apóia uma Terra Plana estacionária: A Terra é estacionária: Temor diante dele, toda a terra; o mundo também será estável, para que não seja movido. (1 Crônicas 16:30, NVI) Yahuwah reina, Ele está vestido com majestade; Yahuwah está vestido de força, com a qual se cingiu: o mundo também é estabelecido, para que não possa ser movido. (Ver Salmo 93: 1.) Dize entre os pagãos que Yahuwah reina: o mundo também será estabelecido para que não seja abalado: ele julgará o povo com retidão. (Ver Salmo 96:10.) Abençoe Yahuwah, ó minha alma. Ó Yahuwah meu Elohim, tu és muito grande; tu estás vestido com honra e majestade. Quem lançou os fundamentos da terra, para que não fosse removida para sempre. (Ver Salmo 104: 1, 5.) A Terra e os corpos celestes são encerrados pelo firmamento: E Elohim disse: Haja firmamento no meio das águas, e que ele separe as águas das águas.Elohim fez o firmamento, e dividiu as águas que estavam debaixo do firmamento das águas que estavam acima do firmamento; e assim foi. E Elohim chamou o firmamento de céu. E a tarde e a manhã foram o segundo dia. (Ver Gênesis 1: 6-8.) Aqui, descobrimos que Yahuwah criou a expansão dos céus, separando "as águas que estavam sob o firmamento das águas que estavam acima do firmamento. Não podia ser mais claro; há água tanto abaixo do firmamento quanto acima do firmamento. Louvai-o, céus dos céus, e as águas que estão sobre os céus. (Salmo 148: 4) De acordo com Gênesis 1: 6-8, há água tanto abaixo do firmamento quanto acima do firmamento. A palavra traduzida como "firmamento" aqui é H7549: H7549 - râqı̂ya ‛ Definição de BDB: 1) extensão (sólida) de superfície estendida, firmamento 1a) extensão (plana como base, suporte) 1b) firmamento (do cofre do céu que suporta as águas acima) 1b1) considerado pelos hebreus como águas sólidas e sustentadoras acima Observe o reconhecimento da BDB de que o firmamento se refere à "abóbada do céu que sustenta as águas acima. E acrescenta que foi" considerada pelos hebreus como sólida e que suporta as águas acima. " A raiz do H7549 (râqı̂ya ‛) é H7554 (râqa‛), que é definida por Strong como: Uma raiz primitiva; bater na terra (como sinal de paixão), por analogia, expandir (martelar), implicar a sobreposição (com finas folhas de metal) - bater, tornar amplo, espalhar no exterior (adiante, sobre, fora, em placas), esticam. Concordância de Strong O firmamento que retém as águas acima parece sólido, como raiz, como se fosse martelado como uma folha de metal. A Escritura continua afirmando que os corpos celestes foram colocados dentro deste firmamento. E Elohim disse: Haja luzes no firmamento do céu para dividir o dia da noite; e sejam para sinais, e para estações, e para dias e anos; e sejam para luzes no firmamento do céu, para iluminar a terra; e assim foi. E Elohim fez duas grandes luzes; a luz maior para governar o dia, e a luz menor para governar a noite; ele também criou as estrelas. E Elohim os pôs no firmamento do céu para iluminar a terra, e governar sobre o dia e a noite, e para separar a luz das trevas; e Elohim viu que isso era bom. (Ver Gênesis 1: 14-18.) As escrituras declaram em linguagem clara que: 1) Aqui há água tanto abaixo do firmamento quanto acima do firmamento. 2) Os corpos celestes foram colocados dentro do firmamento. ) O firmamento é sólido por natureza: Na passagem seguinte, Eliú, em sua conversa com Jó, confirma o que já aprendemos do relato da Criação em Gênesis, a saber, que o firmamento que separa as águas e abriga os corpos celestes é sólido. Observe que Elihu usa H7554 (râqa ‛) a palavra raiz do firmamento, que significa" por analogia expandir (martelando) implicando a sobreposição (com finas folhas de metal) - bater, tornar amplo, espalhar no exterior (adiante, sobre, para fora, em placas), estique. " Você com ele estendeu o céu, que é forte, e como um espelho fundido? Jó 37:18) Agora, vamos examinar uma passagem importante citada por aqueles que defendem o modelo do globo: É ele quem se assenta no círculo [H2329 - chûg] da terra, e seus habitantes são como gafanhotos; que estende os céus como cortina, e os estende como uma tenda para habitar. (Isaías 40:22) A palavra usada aqui para denotar "círculo" é H2329 (chûg. Significa literalmente círculo, circuito ou bússola e, por extensão, pode se referir ao cofre dos céus. Não significa "bola" ou "esfera". H2329 - canal 1) círculo, circuito, bússola 2) BDB) abóbada (dos céus) H2329 (chûg) não é de forma alguma indicativo de uma bola ou esfera. Isaías, sob inspiração divina, foi deliberado em sua escolha de palavras aqui; ele não tinha uma palavra para "bola", como pode ser claramente visto na seguinte passagem: Ele certamente girará violentamente e te lançará como uma bola [H1754 - dûr] para um país grande. Isaías 22:18) Isaiah, ao se referir a uma bola, escreveu H1754 (dûr) e não H2329 (chûg. Essas são expressões mutuamente exclusivas. É importante notar aqui que H2329 (chûg) pode se referir à "abóbada dos céus" que, em contexto, parece a aplicação mais adequada de seu uso nesta passagem. Vamos olhar novamente: É ele quem se assenta no círculo [H2329 - chûg] da terra, e seus habitantes são como gafanhotos; que estende os céus como cortina, e os estende como uma tenda para habitar. (Isaías 40:22, KJV) Esta passagem nos diz que Yahuwah está assentado no cofre dos céus acima da Terra 1 e que, de Seu ponto de vista, os habitantes da Terra parecem gafanhotos. Yahuwah, é claro, é onipresente e não precisa forçar os olhos para ver os habitantes da Terra, mas a imagem que Isaías está pintando é bastante clara. Esta passagem também nos diz que Yahuwah estende os céus [H8064 - shâmayim] como uma "cortina" e os espalha como "uma tenda. A palavra usada aqui para denotar" os céus "é a mesma palavra usada em Gênesis para identificar o firmamento: E Elohim chamou o firmamento [H7549 - râqı̂ya ‛] Céu [H8064 - shâmayim. Ver Gênesis 1: 8. ) O que Isaías está comunicando, então, é que o Pai Yahuwah se assenta sobre (ou acima) o firmamento que se estende sobre a Terra como uma tenda. (As escrituras dizem continuamente que Yahuwah estende os céus, ou shâmayim: Salmo 104: 2, Jó 9: 8, Isa. 40:22; 42: 5; 44:24; 45:12; 51:13, Jer. 10: 12; 51:15; Zec. 12: 1) Isaías nos diz que o Pai Yahuwah assenta (ou acima) o firmamento que Ele estende sobre a Terra como "uma cortina" ou "uma tenda. Veja Isaías 40:22. Essa analogia não faria sentido no contexto de um globo. Elifaz, no livro de Jó, concorda com esta interpretação, pois ele diz que Yahuwah caminha sobre o chûg (H2329) a mesma palavra usada por Isaías para denotar o cofre do céu: A tradução literal de J. P. Green de Jó 22:14 - e cofre [H2329. os céus [H8064. Ele caminha" Nuvens espessas são uma cobertura para ele, que ele não vê; e ele anda no circuito [H2329 - chûg] do céu [H8064 - shâmayim. Jó 22:14) Elifaz acreditava claramente que Yahuwah habitava [habita] no zênite do firmamento. El não está na altura do céu [H8064 - shâmayim] e eis a altura das estrelas, quão altas elas são! Veja Jó 22:12. ) Salomão, em seu comentário sobre o relato da Criação, reforça o que aprendemos até agora com a pena de Moisés, Isaías e o autor de Jó: Quando ele preparou os céus [H8064 - shâmayim] eu estava lá: quando ele colocou uma bússola [H2329 - chûg] na face da profundidade: Quando ele estabeleceu as nuvens acima: quando ele fortaleceu as fontes das profundezas: Quando ele deu ao mar o seu decreto, para que as águas não passem o seu mandamento; quando ele designou os fundamentos da terra. (Provérbios 8: 27-29) Aqui, novamente, encontramos a mesma palavra usada para identificar o firmamento, ou os céus: chûg (H2329) Louvai-o, sol e lua: louvai-o, todas as estrelas da luz. Louvai-o, céus dos céus, e as águas que estão sobre os céus. pois somente o seu nome é excelente; Sua glória está acima da terra e do céu. Salmos 148: 3-4, 13.) Salomão, na passagem acima, está reafirmando o que Yahuwah fez durante a semana da Criação (Ver Gênesis 1: 2. No contexto, parece que Salomão está falando especificamente sobre onde o firmamento físico repousa sobre as profundezas, pois ele diz claramente depois de falar sobre o preparação dos céus [H8064 - shâmayim] que o chûg (H2329) foi colocado "sobre a face da profundidade. Outra interpretação bastante razoável é que Salomão, aqui, está se referindo ao círculo externo de gelo estabelecido por Yahuwah para conter os mares , pois continua dizendo que: Ele deu ao mar o seu decreto, para que as águas não passassem o seu mandamento: quando ele designou os fundamentos da terra (Provérbios 8:29). Independentemente de qual dessas interpretações se adere, uma coisa é certa: em nenhum lugar é sugerido que a Terra seja um globo. Todas as referências bíblicas examinadas até agora retratam de forma irrefutável uma terra plana fechada pelo firmamento do céu. Vamos agora examinar uma visão mais notável registrada pelo profeta Ezequiel: Agora aconteceu no trigésimo ano, no quarto mês, no quinto dia do mês, como eu estava entre os cativos do rio Chebar, que os céus [H8064 - shâmayim] foram abertos e vi visões de Elohim. E olhei, e eis que um turbilhão veio do norte, uma grande nuvem e um fogo se desdobrou, e havia um brilho sobre ela, e do meio dela como a cor de âmbar, do meio de o fogo. Também do meio surgiu a semelhança de quatro criaturas vivas. E a semelhança do firmamento [H7549 - râqı̂ya upon] sobre as cabeças dos seres vivos era como a cor do terrível cristal, estendido sobre suas cabeças acima. E sob o firmamento [H7549 - râqı̂ya were] estavam as asas retas, uma em direção à outra: cada um tinha dois, que cobriam deste lado, e cada um tinha dois, que cobriam daquele lado, seus corpos. E quando eles foram, ouvi o barulho de suas asas, como o barulho de grandes águas, como a voz do Todo-Poderoso, a voz da fala, como o barulho de um exército; quando eles se puseram, baixaram as asas. E havia uma voz do firmamento [H7549 - râqı̂ya ‛] que estava acima de suas cabeças, quando estavam em pé, e tinha soltado suas asas. E acima do firmamento [H7549 - râqı̂ya ‛] que estava sobre suas cabeças havia a semelhança de um trono, como a aparência de uma pedra de safira; e sobre a semelhança do trono havia a semelhança como a aparência de um homem sobre ele. E vi como a cor do âmbar, como a aparência de fogo em torno dela, desde a aparência de seus lombos até para cima, e da aparência de seus lombos até para baixo, vi como era a aparência de fogo, e tinha brilho ao redor. Como a aparência do arco que está nas nuvens no dia da chuva, o mesmo ocorreu com o brilho ao redor. Esta foi a aparência da semelhança da glória de Yahuwah. E quando eu vi, caí no meu rosto e ouvi a voz de alguém que falou. (Ver Ezequiel 1: 1, 4, 5, 22-28.) Aqui, Ezequiel nos diz: Os céus [H8064 - shâmayim] foram abertos. (Ver Ezequiel 1: 1.) Um turbilhão, uma grande nuvem, um fogo se espalhando veio do norte. (Ver Ezequiel 1: 4. O "norte. Em contexto aqui, parece denotar o zênite dos céus, que lhe foram abertos. Jó concorda com este entendimento: Ele estende o norte sobre o lugar vazio. Veja Jó 26: 7) Desse turbilhão de fogo, quatro criaturas vivas. (Ver Ezequiel 1: 5.) Depois que os seres vivos aparecem, Ezequiel vê o firmamento [H7549 - râqı̂ya ‛] estendido sobre suas cabeças. Ezequiel compara o firmamento a um "cristal terrível. Veja Ezequiel 1:22. A palavra traduzida como" cristal "aqui é H7140 (qerach), que significa" geada, gelo, cristal de gelo. Isso sugere que a água acima do firmamento está congelada (ou pelo menos tem aparência de gelo. É provável que o apóstolo João também tenha visto em sua visão: Antes do trono havia um mar de vidro, como cristal. E no meio Apocalipse 4: 6) A palavra grega traduzida como "cristal" aqui é krustallos (G2930), que é "usada no grego clássico para gelo" Estudos de palavras de Vincent) Muito mais poderia ser dito sobre isso, mas não está no escopo deste estudo se aprofundar mais nessa mina de ouro específica. Uma voz chamou as criaturas vivas do firmamento [H7549 - râqı̂ya that] que estava acima delas. (Ver Ezequiel 1:25.) Ezequiel vê Yahuwah em Seu trono acima do firmamento [H7549 - râqı̂ya ‛. Ver Ezequiel 1: 26-28. ) Ezequiel, aqui, pintou uma imagem notavelmente vívida de Yahuwah sentado em glória em Seu trono acima do firmamento, que lhe aparece como um cristal de gelo. O profeta confirma esta imagem mais uma vez em outra visão: Então eu olhei, e eis que no firmamento [H7549 - râqı̂ya ‛] que estava acima da cabeça dos querubins, apareceu sobre eles como uma pedra de safira, como a aparência da semelhança de um trono. (Ezequiel 10: 1) Isaías, Elifaz, Eliú e Ezequiel concordam que Yahuwah está entronizado acima de um sólido firmamento. Parece que a Terra está no sentido literal dos pés de Yahuwah: Assim diz Yahuwah: O céu [H8064-shâmayim] é o meu trono, e a terra é o meu escabelo dos pés; onde está a casa que me edificais? e onde é o lugar do meu descanso? Ver Isaías 66: 1. ) A Terra é plana: No livro de Jó, encontramos um monólogo mais fascinante e perspicaz. No capítulo 38, Yahuwah aparece para Jó e começa a questioná-lo. Uma das perguntas é especialmente pertinente para este estudo: Você percebeu a largura [H7338 - rachab] da terra? declare se você sabe tudo. (Jó 38:18) A palavra, amplitude, aqui é rachab (H7338), que significa "amplitude, extensão ampla ou ampla. BDB Lexicon) Essa parece ser uma pergunta perfeitamente legítima em uma Terra plana. Porém, não faz nenhum sentido no contexto de uma Terra esférica. No livro de Daniel, os detalhes do sonho profético de Nabucodonosor indicam que a Terra é plana: Estas foram as visões da minha cabeça enquanto estava na minha cama; eu estava olhando, e eis uma árvore no meio da terra, e sua altura era grande. A árvore cresceu e ficou forte; Sua altura alcançou os céus, e pôde ser vista até os confins de toda a terra. (Daniel 4: 10-11) Nabucodonosor disse que sonhava com uma árvore tão alta que pudesse "ser vista até os confins de toda a terra. Embora isso fosse apenas um sonho, ainda é indicativo de uma Terra plana, pois somente em uma Terra plana seria possível.Este conceito seria uma impossibilidade absoluta em um globo. Agora, vejamos algumas das descrições gloriosas do retorno de nosso amoroso Salvador: E vi quando ele abriu o sexto selo, e eis que houve um grande terremoto; e o sol ficou preto como pano de saco de cabelos, e a lua se tornou como sangue; E as estrelas do céu caíram sobre a terra, como uma figueira lança seus figos prematuros, quando ela é sacudida por um vento forte. E o céu partiu como um rolo quando é enrolado; e todas as montanhas e ilhas foram removidas de seus lugares. E os reis da terra, e os grandes homens, e os homens ricos, e os principais capitães, e os homens poderosos, e todo escravo, e todo homem livre, esconderam-se nas covas e nas rochas das montanhas; E disse aos montes e às rochas: Caia sobre nós, e nos esconda da face daquele que está assentado no trono, e da ira do Cordeiro: Pois é chegado o grande dia da sua ira; e quem será capaz de resistir? Apocalipse 6: 12-17) Eis que ele vem com nuvens; e todo olho o verá, e também os que o traspassaram; e todos os parentes da terra lamentarão por causa dele. Mesmo assim, amém. (Apocalipse 1: 7) De acordo com João, o Revelador: As estrelas cairão na Terra. (Ver Apocalipse 6:13. João, como os outros profetas que expõem esse assunto, claramente não acreditava que as estrelas fossem corpos gigantescos (muito maiores que a Terra) a milhões de quilômetros de distância. Se assim fosse, como a astronomia moderna Para ele, uma estrela seria suficiente para aniquilar toda a Terra com o impacto.Também observe que João diz que as estrelas "caíram" na Terra; ele não diz que as estrelas foram lançadas em direção à Terra. Os céus partirão como um pergaminho. (Ver Apocalipse 6:14. Isso é consistente com a representação onipresente das Escrituras dos céus sendo estendidos como uma cortina ou tenda. Essa descrição não faria sentido se a Terra fosse uma esfera. Todos na Terra verão Yahushua vindo em glória. (Ver Apocalipse 1: 7. Isso faz todo sentido em uma Terra plana, mas seria impossível se a Terra fosse uma esfera. Os iníquos e impenitentes procurarão esconder-se da "ira do Cordeiro" e "da face daquele que está assentado no trono. Ver Apocalipse 6: 15-16. Quando os céus recuarem" como um pergaminho. os iníquos contemplarão a face dAquele que se assenta no trono (acima do cofre do céu, ou "círculo [H2329 - chûg] da terra" Isaías 40:33) e procurarão se esconder. As escrituras dizem que, na Segunda Vinda de Yahushua, os céus partirão "como um pergaminho quando forem enrolados juntos. E que" todos os olhos O ​​verão. Ver Apocalipse 1: 7; 6: 12-17. Seria necessário muita conjectura e manipulação para harmonizar essas passagens com o modelo do globo. Quando o céu voltar, os ímpios contemplarão Yahuwah em Seu trono e procurarão se esconder de Sua presença impressionante. São os corpos celestes que se movem, não a Terra. Então falou Josué a Yahuwah no dia em que Yahuwah entregou os amorreus diante dos filhos de Israel, e ele disse aos olhos de Israel: Sun, fique parado em Gibeão; e tu, Lua, no vale de Ajalon. E o sol parou e a lua ficou, até que o povo se vingou de seus inimigos. Isso não está escrito no livro de Jasher? Então o sol parou no meio do céu e apressou-se a não se pôr durante um dia inteiro. (Ver Josué 10: 12-13.) O texto não podia ser mais claro: o "sol parou no meio do céu. Josué ordena que o sol e a lua fiquem no céu. Ele não ordena que a Terra pare de girar. Como estudantes honestos da Bíblia, devemos reconhecer Yahuwah proíbe que distorcemos as Escrituras para concordar com a teoria copernicana pseudo-científica do homem (centrada no sol), que contradiz as Escrituras desde o início de Gênesis. A verdadeira ciência (testável e observável) justifica a realidade do Terra estacionária: experimentos, o suposto efeito Coriolis. No livro de Isaías, temos um registro inspirado de como Yahuwah fez o sol regredir no céu, fazendo com que a sombra do relógio de sol se movesse para trás: Eis que trarei novamente a sombra dos graus que se pôs no mostrador solar de Acaz, dez graus atrás. Então o sol retornou dez graus, em que graus havia se posto. (Isaías 38: 8) Isaías nos diz em linguagem clara que "o sol voltou dez graus.Não há nenhuma pergunta sobre isso; Isaías acreditava que era o sol que se movia, não a Terra. Yahuwah proíbe que façamos o testemunho dos profetas subserviente às teorias de homens errantes e enganosos. O rei Davi também acreditava que era o sol que se movia: Os céus declaram a glória de El; e o firmamento mostra seus trabalhos manuais. Dia a dia pronuncia a fala, e noite a noite mostra o conhecimento. Não há fala nem linguagem, onde sua voz não é ouvida. Sua linhagem foi espalhada por toda a terra e suas palavras até o fim do mundo. Neles pôs um tabernáculo para o sol, que é como um noivo que sai da sua câmara e se regozija como um homem forte para correr uma corrida. Sua saída é do fim do céu, e seu circuito até os fins dele; e não há nada oculto do seu calor. (Ver Salmo 19: 1-6.) Salomão, mais de 25 vezes no livro de Eclesiastes, usa a frase "sob o sol" quando se refere às atividades terrenas. Salomão acreditava claramente que o sol estava se movendo acima da Terra. Evidências empíricas que sustentam a Terra plana: Abaixo, tocaremos brevemente em algumas das evidências empíricas que apóiam a Terra Plana. Esta não é de forma alguma uma lista exaustiva. Não é nosso objetivo aqui entrar em grandes detalhes sobre esses pontos, pois já existe uma infinidade de informações disponíveis on-line para aqueles que buscam honestamente a verdade. Observe a língua bifurcada da serpente no logotipo da NASA. A aparente falta de curvatura: se a Terra tinha uma bola de 40.000 quilômetros de circunferência, como afirma a NASA, a água parada deve curvar-se 8 polegadas por quilômetro multiplicada pelo quadrado da distância. Isso equivale ao que deveria ser uma queda observável na elevação de objetos distantes. Inúmeras experiências foram realizadas para testar isso, mas todas falharam em mostrar curvatura. A água está sempre perfeitamente nivelada. Não curva. Alguns exemplos) O fato de topógrafos, engenheiros, arquitetos, oficiais da marinha etc. não levarem em consideração a curvatura da Terra ao planejar / planejar seus projetos (embora alguns afirmem que certas pontes foram construídas com a curvatura em mente, a falácia dessa sugestão se torna óbvia quando percebe-se que a água sob a ponte não segue a curvatura da ponte. A água sempre encontra seu próprio nível; não se curva.) O fato de os pilotos de avião não terem que soltar continuamente o nariz de seus aviões para mantê-los na mesma altitude e impedir que voem para o espaço (o que seria absolutamente necessário se estivessem voando centenas de quilômetros por hora em torno de uma esfera) O fato de os rios seguirem o menor caminho de resistência, mas em muitas partes do mundo flui para cima e além do que seriam muitos quilômetros de curvatura (Exemplo: o Mississippi teria que subir 17 quilômetros antes de chegar ao Golfo do México. ) Embora se pensasse que foi a curvatura da Terra (ou da água) que causou o desaparecimento do casco dos navios enquanto eles se afastavam do espectador, agora sabemos que isso se deve simplesmente à "lei da perspectiva. Navios inteiros que desapareceram a olho nu por muito tempo podem ser facilmente visualizados com o auxílio de um telescópio ou dispositivo de ampliação semelhante. A gravidade nunca foi provada; deve ser aceito pela fé para aderir ao modelo do globo. A gravidade é algo que tomamos como certo desde que éramos crianças (porque fomos doutrinados / lavados pelo sistema "educacional"), mas, na realidade, essa teoria não faz sentido algum. Devemos realmente acreditar que existe uma força mágica chamada "gravidade" que é tão incompreensivelmente forte que pode prender oceanos inteiros até a Terra, mas não pode restringir a menor nuvem de fumaça ou o menor inseto alado? Devemos realmente acreditar que essa força imaginária chamada "gravidade" pode fazer chover de cabeça para baixo ou fazer com que as culturas cresçam de lado. sem que tenhamos consciência disso? Aliás, aqueles que promovem a teoria da gravidade também dizem que a Terra está girando 1, 000 mph, enquanto viaja ao redor do sol a 67 000 km / h e corre pelo universo a 420 000 km / h. No entanto, você não sente o menor sinal de movimento ao se sentar no computador lendo este artigo. Isso é absurdo. A pseudo-ciência moderna diz essencialmente "desconsidere suas Bíblias, seus sentidos, sua razão e todos os dados repetíveis, testáveis ​​e observáveis. E confie cegamente no que lhe é dito por seu livro. Os que têm autoridade mundana sabem bem que, se você disser a um Adolf Hitler não se engane: o adversário tem uma agenda (um pequeno vídeo: Gravidade ou densidade? O horizonte sempre se eleva aos olhos do observador (mesmo quando está voando) em uma aeronave a 30.000 pés acima da Terra, nunca há um ponto em que o observador deva olhar para baixo para encontrar o horizonte de uma esfera sempre curva. O horizonte sempre parece perfeitamente plano. As dificuldades registradas dos capitães de navios tentando navegar no "Hemisfério Sul" ao assumir que a Terra é uma esfera (se a Terra fosse um globo, as linhas de longitude ficariam mais apertadas à medida que você se movesse do equador em direção ao suposto "polo sul". Na Terra Plana, no entanto, as linhas de longitude se expandem continuamente do Polo Norte para fora, o que significa que elas se ampliam à medida que você se move para o sul.) Os relatórios dos exploradores das décadas de 1700 e 1800 estimando que haviam percorrido mais de 80 mil quilômetros ao tentar circunavegar a Antártica, que na verdade é o anel de gelo externo na Terra Plana (por exemplo, James Cook, James Clark Ross, o britânico "Challenger "expedição) Tenha em mente que, de acordo com a NASA, o globo tem apenas 25.000 milhas de circunferência. Os padrões de voo sem sentido de aviões comerciais (Um pequeno vídeo: Down South) O fato de que objetos distantes, mesmo quando a perspectiva os faz aparecer além do horizonte a olho nu, não parece estar inclinado para longe do observador (o que deve ser o caso se estiverem além do alegado ponto de curvatura em uma Terra redonda) Em uma bola, a Terra, sob a força da "gravidade", deve parecer que os balões de ar quente se inclinam para trás enquanto voam para o céu distante, longe do espectador, tornando o fundo da cesta cada vez mais visível. Relata que Polaris (a Estrela do Norte) foi vista até o sul de 20 graus de latitude sul, mas a suposta estrela do Pólo Sul (Sigma Octantis) não é consistentemente visível de todos os meridianos, mesmo no equador (e outras anomalias visíveis da constelação) Os padrões climáticos e as correntes oceânicas fazem muito mais sentido no Planeta Terra: Mapa Equidistante Azimutal (Clique em "Terra" no canto inferior esquerdo do mapa mostrado neste link para obter mais opções de visualização. Aliás, este é o mesmo mapa que o As Nações Unidas usam em seu logotipo. O fato de a NASA (uma sociedade secreta militarizada) nunca ter produzido uma fotografia real da Terra e trabalhar continuamente para enganar ... Foto de Robert Simmon em frente ao "Blue Marble". Crédito: NASA / W. Hrybyk A NASA admite livremente que suas imagens são criadas com dados de computador; eles não são fotografias. Quando perguntado a Robert Simmon, Visual Dataizer e Designer, da NASA, qual foi a coisa mais legal que você já fez como parte de seu trabalho na Goddard. ele respondeu: A última vez que alguém tirou uma fotografia de cima da órbita terrestre baixa que mostrava um hemisfério inteiro (um lado do globo) foi em 1972 durante o Apollo 17. Os satélites do Sistema de Observação da Terra (EOS) da Nasa foram projetados para fazer um check-up da saúde da Terra. Em 2002, finalmente tínhamos dados suficientes para tirar uma foto instantânea de toda a Terra. Então nós fizemos. A parte difícil foi criar um mapa plano da superfície da Terra com quatro meses de dados de satélite. Reto Stockli, agora no Escritório Federal Suíço de Meteorologia e Climatologia, fez grande parte desse trabalho. Em seguida, enrolamos o mapa plano em torno de uma bola. Minha parte foi integrar a superfície, as nuvens e os oceanos para corresponder às expectativas das pessoas sobre a aparência da Terra a partir do espaço. Essa bola se tornou o famoso mármore azul. Fiquei feliz com isso, mas não tinha ideia de quão difundido se tornaria. Nós nunca pensamos que isso se tornaria um ícone. Eu certamente nunca pensei que me tornaria "Sr. Mármore azul. Desde então, atualizamos os mapas base aumentando a resolução e, para 2004, fizemos uma série de mapas mensais. Como foi criada a imagem "mármore azul" da Terra? Segundo a NASA, um "mapa plano" foi criado a partir de supostos dados de satélite e, em seguida, envolveu "uma bola. A imagem foi tocada para" corresponder às expectativas das pessoas de como a Terra se parece com o espaço. " Ai daqueles que procuram profundamente esconder de Yahuwah seus conselhos, e suas obras estão no escuro, e dizem: Quem nos vê? e quem nos conhece? Certamente a tua virada de cabeça para baixo será considerada como a argila do oleiro; pois dirá a obra daquele que a fez: Ele não me fez? ou dirá a coisa emoldurada daquele que a moldou: Ele não tinha entendimento? Ver Isaías 29: 15-16. ) Em quem você confia? Os profetas de Yahuwah ou a sociedade secreta militarizada da NASA? Assim diz o Yahuwah; Maldito o homem que confia no homem, e faz carne no seu braço, e cujo coração se afasta de Yahuwah. Pois ele será como a charneca no deserto, e não verá quando virá o bem; mas habitará os lugares ressecados no deserto, em uma terra salgada e não habitada. Bem-aventurado o homem que confia em Yahuwah e cuja esperança Yahuwah é. Pois ele será como uma árvore plantada pelas águas, e que estende as suas raízes pelo rio, e não verá quando o calor chegar, mas a folha dela será verde; e não será cuidadoso no ano da seca, nem cessará de dar frutos. (Ver Jeremias 17: 5-8.) Conteúdo Relacionado: Terra plana (perguntas e respostas) Vídeos de terra plana não-WLC Livros eletrônicos não-WLC Flat Earth Terra plana: deixar ir o globo! 10 problemas com o globo! Prova de Terra Plana) Os jesuítas e o globo terrestre: a mãe de todas as conspirações! Os Enganadores da NASA: Segredos Maçônicos da NASA Maior fraude de todos os tempos Embuste da Estação Espacial Internacional! Enganação maçônica da NASA: mensagens subliminares Aconteceu uma coisa engraçada no caminho para a lua Os links acima nem sequer começam a arranhar a superfície das mentiras que a NASA está propagando incessantemente. Clique aqui para mais informações sobre a terra plana. 1 Embora essa seja uma interpretação defendida por muitos expositores da Bíblia, pode-se argumentar que o "círculo da terra" mencionado por Isaías (Isaías 40:22) é na verdade uma referência à forma circular da Terra. Isso é certamente plausível. O que o profeta claramente não está dizendo, porém, é que a Terra é um globo.

A terra dos filmes é plana e plana: a partir das evidências das escrituras e da razão agora. Assista ao filme Earth Is Flat and Square: From Scripture, Evidence & reason. 50 razões pelas quais você deve acreditar que a Terra é plana Entre para comentar suas histórias favoritas, participar de sua comunidade e interagir com seus amigos ENTRAR COM O FACEBOOK Acorde, sheeple. Eu só vou dizer isso diretamente. A Terra é plana, a NASA é uma conspiração, e você realmente deveria odiar Neil deGrasse Tyson por algum motivo. Os globalistas estão vindo para você. Eu vasculhei as profundezas mais profundas da internet para descobrir quais são os fatos reais. O conteúdo deste artigo é a prova de que você precisa. Cuidado com a Nova Ordem Mundial. Você pode excluir o histórico do navegador depois de ler isso. Você não os quer sabendo que descobriu a verdade. Agora aqui está a verdade. É assim que sabemos que a terra é plana. Relatar este conteúdo Mais sobre Odyssey.

A Terra é plana e reta: das evidências das escrituras e da razão 2

É basicamente isso. (tamanho e distância para não escalar) “” Tila Tequila também acredita que o planeta é plano e uma regra da vida é acreditar exatamente o oposto do que Tila Tequila acredita. Eu sei que Neil deGrasse Tyson twittou um monte de merda científica, mas é o “Duude” que me pegou. Isso é cara hetero falar por “cadela, eu não posso! " Michael K. [1] Terra plana (também conhecida como mito da Terra plana, a teoria da Terra plana, negação do globo, terra-plana, menos comumente platiggeismo e geografia inteligente para parodistas de design inteligente) é a crença pseudocientífica de que a Terra - que a vasta e vasta maioria da população imagina em suas cabeças como essa grande coisa esférica (ou coisa esferoidal oblata, pedantes) é na verdade uma forma de disco plano (ou, pelo menos, cilíndrico. Os que acreditam nisso quase sempre afirmam que a Terra também é geocêntrica. Sim, as pessoas acreditam nisso, embora essa crença geralmente envolva alguma forma de fundamentalismo religioso.Além disso, se você não acredita na Terra plana, provavelmente será pago pela NASA e pela Nova Ordem Mundial. Atividade cerebral nivelada [editar] A navegação de longa distância seria impossível se estivéssemos errados sobre a forma da Terra. Todos os envolvidos em viagens e negócios internacionais estão envolvidos na conspiração ou os que são extraterrestres são estúpidos. O que deve ser observado primeiro é a falha mais óbvia no modelo da Terra plana. Para que isso seja verdade, precisamos jogar a maior parte de nosso conhecimento atual da ciência pela janela, especialmente a física e toda a astronomia. Quando confrontados com isso, os terrestres planos normalmente têm suas próprias explicações para as falhas em seu modelo. A "evidência" que os terrestres planos fornecem é inteiramente circunstancial, geralmente arrancada também. Por causa disso, os terrestres planos dependem quase exclusivamente da tática retórica conhecida como Gish galopando. Você pode colocar toda a sua energia nela, mas nunca encontrará um apartamento plano proeminente que não seja regularmente acusado de ser controlado pela oposição. Em segundo lugar, o modelo da Terra Plana, para ser verdade, exigiria a conspiração mais elaborada do mundo inteiro. É óbvio que precisaríamos de toda entidade governamental existente, seja um país ou uma pequena vila, e se aplicável alguém envolvido em suas forças armadas e agências espaciais, estar envolvidos, especialmente a NASA, que por algum motivo está gastando seu orçamento em fabricar evidência de outros objetos celestes, em vez de realmente explorar o espaço. Portanto, também precisamos assumir que os pousos na Lua nunca aconteceram. Caramba, todos os astrônomos amadores do mundo também precisariam participar. Essencialmente, todo astrônomo, físico e cientista nos últimos milhares de anos teria que participar. A teoria do Big Bang, junto com a maior parte da física, também sairia pela janela. Quem mais teria que estar envolvido? Todas as companhias de navegação, todas as companhias aéreas, qualquer empresa transnacional que mova suas mercadorias pelo mundo, fabricantes de odômetros (que estariam MUITO PROFUNDAMENTE envolvidos) fornecedores de TV por satélite e funcionários de todas essas empresas. Ah, e não vamos esquecer os cartógrafos. E, finalmente, essa conspiração também seria inútil. Qual seria o sentido de gastar todo esse tempo, esforço e dinheiro para fazer as pessoas pensarem que a forma da Terra é diferente? Se você disser isso a um Earther plano, eles geralmente não dirão nada em resposta. Alguns podem afirmar que é "esconder Deus" quando há claramente maneiras muito mais simples de conseguir isso, como suprimir a Bíblia. Além disso, considerando que mesmo algo tão básico quanto o modo como as sombras se comportam ao pôr do sol pode facilmente desmentir o modelo, ele realmente mostra o tamanho de um chapéu de papel alumínio que você teria que usar para bloquear a realidade. . É realmente incrível como essas pessoas chegaram à idade adulta. Relatividade do errado [editar] Isaac Asimov usou a idéia de uma Terra plana em seu ensaio A Relatividade do Errado para fazer uma observação sobre o progresso do conhecimento científico. Ele ressaltou que a noção de uma Terra plana está errada, mas a idéia de uma Terra esférica também está errada, pois a forma da Terra é melhor descrita como um esferóide oblato. Asimov continuou mencionando como essas teorias não são igualmente erradas (e acreditar que uma Terra plana é "mais errada do que errada", mas que elas têm utilidade. Um arquiteto que trabalha em um pequeno canteiro de obras não teria utilidade para a "Teoria da Terra Esférica" ​​e assumiria que o terreno é plano, um projetista de globos inovadores não precisaria compensar a oblidade da Terra, mas aqueles que enviam satélites em órbita do (na verdade a distorção tem um efeito bastante dramático em órbitas inclinadas. A aterragem moderna e plana tende a não estar errada, no entanto. O aterramento plano é plano falso [editar] A sombra redonda da Terra através da lua. Pode-se falsificar o conceito de Terra plana em qualquer noite clara, uma ou duas horas após o pôr do sol, observando satélites no céu, 2] desde que se aceite a navalha de Occam ou o bom senso como posições válidas. Mais sanidade. A menos que muitas pessoas com muito dinheiro livre estejam lançando foguetes de tiro único todas as noites para manter a conspiração, ou usando hologramas para projetar satélites no céu noturno (ou algo igualmente insípido), uma Terra plana simplesmente não suporta uma constelação de órbitas objetos. Eles caíam sobre a "borda" do mundo, dando a você apenas imagens embaçadas de uma pilha de tartarugas. Os pesquisadores-hobby da Terra Plana devem sempre pedir ao seu agrimensor local da NWO que se junte a eles - a maioria de seus instrumentos está apontando para baixo de 1 a 3 graus. [3] Vale notar que a trigonometria esférica e a astro-trigonometria são ciências exatas, que funcionam apenas em um ambiente esférico. [4] 5] Falando em aviões, os aviões que fazem viagens de longa distância, se puderem, frequentemente voam perto dos polos para reduzir a distância percorrida e não através, digamos, do Oceano Atlântico. [6] Isso assume uma Terra esférica, onde a distância perto dos pólos é menor. E, é claro, há a observação que primeiro avisou os antigos - que os navios que navegam para longe desaparecem primeiro, casco. Achatando seus argumentos [editar] Prova de curvatura pitagórica de uma bola com um raio de 3, 959 milhas (Uso do AutoCAD 2015 com precisão de 15 dígitos) Aqui está a situação: ou toda a ciência estabelecida está completamente errada ou a teoria da Terra plana do cubo o tempo todo está completamente errada. Observe que este não é um dilema falso - os dois se excluem mutuamente! Então, qual poderia ser? Bem, adivinhe. Argumentos para uma Terra plana Mas as estradas são planas. editar] Um tropeço comum na literatura plana é a de que estradas, canais etc. são construídos de maneira plana - sem levar em conta a curvatura da terra. [7] Os topógrafos ignoram a curvatura ao pesquisar um projeto com linhas de base relativamente curtas, porque o erro ao ignorar a curvatura é minúsculo. Os topógrafos certamente consideram a curvatura na criação de mapas em pequena escala. Para uma linha de base de 1 milha, a queda será de 8 polegadas. O comprimento da hipotenusa de um triângulo retângulo com uma perna de 5280 pés e a outra perna de 8 polegadas é 5280. 00004209 pés. O erro no comprimento é 0. 013 milímetros. Esse erro é tão pequeno que, se você construísse uma estrada que percorresse a Terra usando linhas de base de uma milha de comprimento, o erro total de comprimento seria de 1,55 pés. Alguns projetos de construção levam em consideração a curvatura da Terra, como o Complexo Acelerador de Prótons do Japão [8] 9] e o Large Hadron Collider (LHC) 10] Obviamente, esses projetos inúteis são todos desenhados por pessoas envolvidas na conspiração. Mas a água está sempre nivelada. editar] Veja acima. Mas a fotografia das trilhas de estrelas prova que a Terra não se move. editar] Embora a Terra plana não seja necessariamente geocentrista (como tecnicamente ainda é possível adotar uma visão heliocêntrica do mundo, mantendo a crença em uma Terra plana), os Terrestres planos quase sempre caem nesse campo. Uma alegação particular é que as fotografias de trilhas estelares de longa duração não mostram nenhum movimento das estrelas além daquele causado pela rotação da Terra, o raciocínio plano do Eterher é que, se a Terra estiver se movendo tão rápido ao redor do Sol, as estrelas devem aparecer borrado. Essa afirmação é sintomática de todas as falsas suposições dos terrestres planos sobre a distância entre nós e os objetos celestes, ou sobre sua incapacidade ou falta de vontade de realizar matemática básica. Suponha que uma foto da estrela mais próxima seja tirada por 12 horas em uma câmera com 10.000 pixels de largura. A Terra viajaria cerca de 1, 287 000 km durante esse tempo. A estrela visível a olho nu mais próxima é Alpha Centauri, a 4. 34 anos-luz (41 trilhões de quilômetros) de distância. A estrela parece mover 0. 018 pixels. Os terrestres redondos estão apenas tentando puxar a lã sobre os olhos das pessoas que pensam com matemática! Note-se também que existem 2 pontos para capturar trilhas de estrelas e ver uma estrela que parece não se mover no céu. Estas são a famosa Estrela do Norte e (embora não esteja perfeitamente alinhada no centro do polo) Sigma Octantis (que também não está perfeitamente alinhada com o centro do polo celeste do Sul. Todas as estrelas no céu giram em torno desses 2 pontos que são completamente opostos um ao outro.Essas são chamadas de estrelas circumpolares do Norte e do Sul. Isso desmascara ainda mais a alegação de terra plana quando você pode testemunhar o Sigma Octantis (que não parece se mover no céu) na Austrália e na Nova Zelândia enquanto você estão voltados para o Sul. Em um mapa de terra plana, isso seria simplesmente impossível! Vale a pena notar que os astrônomos têm compensado a curvatura da Terra na forma de montagens equatoriais [11] desde o final da década de 1700. Suportes equatoriais são usados ​​para o alinhamento polar [12], no qual o eixo de rotação do telescópio é alinhado com o eixo de rotação da Terra e girado na direção oposta para eliminar o movimento aparente. Em uma Terra plana, o eixo polar sempre seria diretamente perpendicular ao plano do planeta - mas uma Terra redonda exige que seja inclinada em um ângulo igual à latitude do observador. Por períodos mais longos, os astrônomos podem observar o movimento aparente de estrelas próximas causado pela órbita da Terra, embora seja bem pequeno. Na astronomia, o parsec é definido como a distância em que uma estrela parecerá se mover para frente e para trás em um arco-segundo ao longo de um ano. Mas o horizonte está sempre ao nível dos olhos. editar] Pelo contrário, parece que é. Ignorando por um momento o fato de que um horizonte ao nível dos olhos teria que subir dois metros acima da distância entre si e o observador, a coisa sobre a Terra é que na verdade é bastante grande (não, sério. Se você estiver no mar, você pode facilmente observar que não está no nível dos olhos: aponte um objeto para o horizonte, mantenha-o parado e olhe-o para o outro lado.Você deve estar olhando para um ponto um pouco acima do horizonte oposto, demonstrando que é realmente um pouco abaixo do nível dos olhos. De fato, a uma altura de 3 metros acima do nível do mar, assumindo um raio da Terra de 6371 km, o horizonte é de cerca de 0 3 ′ 20 ″ (0,0556 se você não falar minutos de arco) abaixo do nível dos olhos. [nota 1] Argumentos contra uma Terra redonda [editar] Navio desaparecendo no horizonte. Isso acontece porque a nave é obscurecida pela curvatura da Terra. Então, onde está a curvatura? editar] Muitos terráqueos planos tentam refutar o modelo do globo usando fotos tiradas do alto da Terra com um horizonte plano, "provando" que a Terra é plana: afinal, se a Terra é redonda, você deve ver a curvatura da Terra. terra. O problema, mais uma vez, é que a Terra é realmente grande. As imagens que os terrestres planos tendem a fornecer, pois as evidências são "apenas" capturadas em balões de alta altitude, ou possivelmente até mais baixas que isso. Essas alturas são quase insignificantes em comparação com o raio da Terra, e é por isso que o horizonte ainda parece plano. No entanto, quando fornecemos imagens de um horizonte curvo, eles fazem reivindicações como as de que o equipamento usado para tirar a foto distorce o horizonte, fazendo com que ela pareça curvada. Realmente, o fato de que ainda existe um horizonte deve provar que a Terra é redonda por si só, pois se a Terra fosse realmente plana, um telescópio suficientemente avançado deveria ser capaz de ver todo o caminho de Alaska para Madagascar. Mas não comece essa trilha em um debate, caso contrário você passará a tarde inteira conversando sobre perspectiva, luz refratando o ar, efeito de paralaxe, miragens ou câmeras GoPro, ou até mesmo algo tão básico quanto um vídeo de um navio desaparecendo no fundo do poço, supostamente falsificado. Então, por que não existem fotos reais da terra? editar] A primeira imagem que mostra a curvatura da Terra foi tirada por Alexander Dahl, a uma altura de 11.300 m em 31 de agosto de 1933, a partir do balão de gás hidrogênio de alto desempenho. Um argumento comum usado pelos terrestres planos é que não existem fotos reais da Terra. Apesar de estarem tão certos, eles nunca explicam por que isso ocorre, pois é um argumento da incredulidade. Também é uma lógica circular, pois supõe que os torcedores do mundo já concordam que as fotos são falsas em primeiro lugar, o que não faria nenhum sentido. Isto é simplesmente falso; existem muitas fotos da terra, incluindo fotos anteriores ao equipamento necessário para criar imagens falsas. Eles usam esse argumento enquanto todas as suas imagens de terra plana são geradas ou editadas por computador. [13] Então, por que Neil DeGrasse Tyson disse que a Terra era em forma de pêra? editar] Esse argumento é frequentemente usado por terrestres planos para afirmar que a comunidade científica está mentindo. Neil deGrasse Tyson disse que a Terra não é apenas oblata - mais larga no equador do que pólo a pólo, mas em forma de pêra - um pouco mais larga ao sul do equador. 14] Na realidade, Tyson estava descrevendo o fato de que, assim como a Terra não é tecnicamente uma esfera, também não é tecnicamente um esferóide oblato. Para a maioria dos propósitos, é perfeitamente bom pensar na Terra como uma esfera (ou um esferóide oblato ou esferóide oblato em forma de pêra), mas em alguns contextos, como ao procurar depósitos de óleo, torna-se importante prestar contas ainda mais pequenas anomalias gravitacionais. [15] Nesses casos, um mapa do mundo chamado geóide é usado. A razão pela qual a Terra parece perfeitamente esférica na maioria das fotos é que a diferença é muito pequena. [16] No entanto, medições cuidadosas em pixels das imagens do espaço mostram que o diâmetro equatorial da Terra é cerca de 0. 3% mais largo que o seu diâmetro polar. [17] Então, por que os rios não correm morro acima? editar] Um argumento comum usado por terráqueos planos é - acredite ou não - que se a Terra fosse realmente redonda, os rios teriam que fluir para cima. Não mesmo. [18] Na realidade, subir "em um planeta esférico onde a gravidade é contabilizada realmente significa" longe do núcleo "- e devido aos efeitos da gravidade na água, ele realmente flui ladeira abaixo. [Nota 2] Então, por que as viagens são proibidas para a Antártica? editar] Daniel Burton, primeira pessoa a andar de bicicleta da costa da Antártica até o poste Este argumento é usado por muitos terráqueos planos como "prova" de que a Antártica circunda a Terra. [19] Na realidade, as viagens não são proibidas para a Antártica e existem navios comerciais de cruzeiros que viajam para lá, 20] e as pessoas viajam por terra através da Antártida com surpreendente frequência. [21] 22] Então, como a água pode grudar em uma bola giratória? editar] Essa é uma pergunta surpreendentemente comum e revela como as flatties não querem fazer um único cálculo matemático. Em uma esfera rotativa, todos os pontos de uma longitude têm a mesma velocidade angular, mas conforme a latitude tende a 0, a velocidade tangencial aumenta ao máximo e a força centrífuga também. Um ponto no equador percorre 40, 075 km (circunferência da Terra) em 86, 164 s (um dia sideral), produzindo uma velocidade linear de 0. 465 km / s, ou 1, 674 km por hora! Tudo deve voar para o espaço, certo? Não. A aceleração centrífuga pode ser derivada como r sendo o raio e ω sendo a velocidade angular. Com um raio equatorial de 6. 3781 × 10 6 me um período de rotação de 86164 segundos (ω = 7. 292 × 10 -5 s -1), um objeto no equador deve ser acelerado 0. 0339 ms -2 para baixo para permanecer no Terra. Embora a gravidade varie de um lugar para outro, isso é muito excedido em aproximadamente 9. 8 ms -2 fornecidos pela gravidade. Para que qualquer coisa voe para cima, a gravidade precisaria ser do que é atualmente ou um dia (sideral) teria que ser menor que 5066 segundos (1 hora, 24 minutos e 26 segundos). Então, por que as pessoas no Hemisfério Sul não caem? editar] Esta ilustração é de cerca de 1170. As pessoas entendiam esse conceito na porra da Idade das Trevas. Nós não brincamos, as cabeças chatas realmente usam esse argumento o suficiente para justificar sua menção. Ele realmente diz muito sobre o nível de educação das cabeças chatas que usam esse argumento, porque isso é algo que a maioria das pessoas aprende no jardim de infância. A razão pela qual as pessoas no hemisfério sul não voam para o espaço na direção definida pelo polo sul da Terra é a mesma razão pela qual as pessoas no hemisfério norte não voam para o espaço na direção definida pelo polo norte da Terra. "Sul" não é igual a "abaixo", assim como "norte". "Para baixo" significa "na direção em que a gravidade está puxando. Portanto," para cima "e" para baixo "são conceitos sem sentido fora do contexto da gravidade de algum objeto. O que é" baixo "para alguém no polo sul é" para cima "para alguém no pólo norte A maioria dos mapas e globos são impressos apenas com o norte sempre voltado para o topo, porque é mais fácil para todos usá-los se os quatro pontos de referência cardeais sempre seguirem na mesma direção e eles apenas escolherem o norte porque a tendência foi iniciada por aqueles idiotas egocêntricos que eram europeus históricos. A gravidade não existe [editar] Os terrenos planos são negadores da gravidade por uma boa razão: faria o mundo desmoronar em uma esfera e a trajetória de queda de objetos se tornaria cada vez mais inclinada para dentro nas "latitudes do sul" i. e se continuarmos viajando até a borda. Portanto, eles devem atribuir a queda a outras causas. A explicação mais errada a que chegaram é que as coisas caem devido à densidade, o que é tão bom quanto dizer que a temperatura é a causa. Densidade é a quantidade de massa dentro de um volume, nem sequer é uma força e não pode causar aceleração como resultado. Como alternativa, considerando que a aceleração em direção ao solo é uma função da densidade está em desacordo com a evidência empírica: uma pena e uma bola de boliche chegam ao solo ao mesmo tempo no vácuo. Sem resistência do ar, tudo experimenta a mesma aceleração quando cai. Também é notável o fato de que eles raramente dão uma explicação de por que ser mais denso deve fazer com que um objeto se mova, e muito menos por que sempre deve fazê-lo na mesma direção específica. A Sociedade da Terra Plana propôs que a gravidade é o resultado da aceleração da Terra em ~ 9. 8 ms -2 na direção "para cima". Isso está em desacordo com outros terrestres planos que afirmam que a Terra não se move. Também não explica por que a aceleração de corpos em queda não é constante em diferentes altitudes. Essa aceleração constante refuta a existência de velocidade terminal. Uma conseqüência disso seria a morte de qualquer um que tentasse usar um paraquedas. Isso só seria razoável se alguém expandisse a conspiração globalista para incluir o encobrimento de todas as mortes por falha do pára-quedas. Memes e propaganda da Terra plana [editar] Também não temos certeza. Etapa 1. Diga às pessoas que a Terra é plana. Etapa 2. Finalize a Nova Ordem Mundial. Feito. Fácil. Arte do logotipo da agência dos anos 60 = arte da TV dos anos 80 = conspiração global? É verdade, porém, que os astronautas não deveriam se candidatar à NASA: por que você se candidataria a um emprego que já possui? Como você pode explicar diferentes ângulos e qualidade de imagem das imagens compostas do mundo, se o globo é um globo e capturado com diferentes equipamentos e softwares de composição? Hum? Não nos pergunte por que o Sol está brilhando fora da cúpula que cobre a Terra plana. Nós não sabemos. Eclipses, como eles funcionam? Por que a confusão. editar] Esta imagem foi trazida a você pela Wikipedia. E Photoshop. Cópia do século XIV de L'Image du monde (ca. 1246) representando uma Terra esférica ou cilíndrica. Em certas escalas de comprimento, a terra certamente é plana - o terreno sobre o que gostamos de chamar de terras planas certamente não parece ter uma curvatura significativa na vida cotidiana. Em uma região montanhosa (ou mesmo montanhosa), a geografia local é tão variável que discernir uma curva seria ainda mais difícil. Como resultado disso, uma interpretação do senso comum de uma Terra plana pode ser alcançada rapidamente. Um matemático pode explicar essa aparência com a afirmação de que "a Terra é plana" localmente ". Essa pode ser a razão pela qual os matemáticos de Cockney cunharam o termo" caipira local "como gíria rimadora para platígeístas. Na história antiga As primeiras civilizações egípcias e outras civilizações do Oriente Médio retratavam a terra como terra plana suspensa no oceano e com algum tipo de "teto". Isso se reflete particularmente em algumas das prosa que chegaram à Bíblia e tem sido usada para justificar as crenças da Terra plana hoje. A astronomia chinesa antiga não faz menção a nenhuma redondeza da terra; de fato, algumas representações a tornaram quadrada. No Sião, agora Tailândia, a idéia da Terra plana fazia parte das escrituras budistas até o século XIX, como parte da cosmografia de Traiphum. [23] No entanto, a maioria dos estudiosos religiosos considerou isso uma descrição metafórica. É improvável que isso tenha sido tomado dolorosamente literalmente no Sião, mesmo antes de o rei Mongkut (o de The King and I fame) apresentar oficialmente a geografia mais moderna durante suas reformas e ocidentalização do país. Na ciência e na teologia ocidentais, a noção de que o mundo inteiro era realmente plano era desacreditada no momento em que era considerada e examinada adequadamente, e havia desaparecido na época da filosofia grega clássica. Pitágoras sugeriu que a Terra era redonda e Aristóteles forneceu evidências convincentes na Grécia Antiga, embora a principal fonte para sugerir que os gregos antes de Aristóteles pensassem que o mundo era plano é o próprio Aristóteles. Por volta de 240 aC, Eratóstenes calculou a circunferência da Terra com um impressionante grau de precisão. Na Idade Média, até o mais amado teólogo científico da Igreja Católica, Tomás de Aquino, estava promovendo a redondeza da Terra como um fundamento da lógica. Na pseudo-história antiga Ilustração do método usado por Eratóstenes para calcular a circunferência da Terra Erdapfel, o mais antigo globo sobrevivente do mundo, foi fabricado na Alemanha e concluído em 1492. Isso foi independente da viagem de Colombo e terminou pouco antes de seu retorno. A idéia de que todo mundo acreditava que a Terra era plana até muito recentemente, principalmente devido à influência da religião, é essencialmente um mito completo. Um egípcio grego chamado Eratóstenes não apenas provou que o mundo era redondo, como calculou sua circunferência com um erro inferior a 2% e o fez no terceiro século AEC. Isso é frequentemente mencionado como um exemplo de como a iluminação secular triunfou sobre dogmas religiosos infundados; de fato, algumas teorias afirmam que esse é o motivo pelo qual o mito é tão popular. [24] Outra razão possível para o mito pode ser a existência de várias sociedades de terras planas no século XIX. No mundo anglófono, acredita-se que o mito tenha origem no romance A vida e as viagens de Cristóvão Colombo, de Washington Irving, que perpetuou a idéia de que Colombo navegou ao redor do mundo para provar que era redondo. Na realidade, tudo o que estava em jogo com a jornada de Colombo e a de seus contemporâneos era o tamanho da Terra - era a subestimação flagrante de Colombo do tamanho da Terra em combinação com uma superestimação do comprimento da Ásia em 8.000 quilômetros ( 8, 046. 72 km) de Paolo dal Pozzo Toscanelli em 1474 [25], que o levou a teorizar que era possível alcançar as Índias a partir do oeste. A relutância da Corte Espanhola em financiar sua viagem se baseou em uma estimativa da circunferência da Terra que muito mais concordava com as medidas modernas, mas era substancialmente maior do que a figura que Colombo havia inventado. Em outras palavras, foram o rei e a rainha que estavam certos e Colombo que estava errado. Para ser justo com Colombo, mesmo com a Terra, o tamanho correto do mapa de Toscanelli colocou Cippangu (Japão) perto de onde a parte ocidental do México estava no mundo real; portanto, mesmo com a Terra, o tamanho correto de Colombo ainda estava trabalhando com dados errados. Foi apenas por um golpe de sorte que Colombo encontrou um "Novo Mundo" onde ele pensava que Cippangu estava; caso contrário, ele e sua equipe teriam morrido de fome. Umberto Eco resumiu paradoxalmente esse ponto em seu ensaio "A força da falsidade", porque os críticos de Colombo estavam certos, eles estavam errados, e porque Colombo estava errado, ele estava certo - mas apenas graças ao acaso da América. Era sabido que seria fisicamente possível chegar à Ásia indo para o oeste (desconsiderando as então desconhecidas Américas) se você pudesse carregar suprimentos suficientes. O que impediu alguém antes de Colombo de tentar dar a volta ao mundo foi a incerteza em relação à circunferência da Terra e a medição da Ásia por Toscanelli. Se qualquer um desses cálculos estivesse na direção errada, os navios não eram grandes o suficiente ou rápidos o suficiente para ir da Europa para a Ásia viajando para o oeste antes que os suprimentos de comida e água fresca a bordo acabassem.Além disso, com Bartolomeu Dias navegando pela ponta da África em 1488, os europeus já tinham passagem (embora longa e tediosa) para a Ásia. Na história moderna Dada essa história, deve ser uma surpresa para qualquer pessoa que qualquer ser humano existente no mundo desenvolvido no momento ainda considere provável a idéia de uma Terra plana. Desde meados do século XIX, principalmente através da Sociedade da Terra Plana, os pseudocientistas modernos tentam provar que a Terra é plana. À medida que as evidências continuam se acumulando contra a Terra plana (como o fato de agora podermos orbitar o planeta e vê-lo à distância ou circunavegar o globo em uma aeronave), a idéia está começando a mudar para o bobo. [26] 27] O inventor inglês Samuel Birley Rowbotham (1816-1884), sob o pseudônimo Parallax, publicou um panfleto de 16 páginas, que mais tarde expandiu para um livro de 430 páginas, Earth Not a Globe, expondo seus pontos de vista com base em sua interpretação literal de várias passagens bíblicas . De acordo com o modelo proposto por este livro, a Terra é um disco plano com o Polo Norte no centro e o "pólo" sul se estendendo por toda a borda externa. No entanto, a teoria alternativa de que o Ártico Norte é a parede de gelo circundante é uma ideia semelhante. Essa borda externa também é protegida por uma parede de gelo de 50 metros de altura. (Lembre-se, no momento em que isso foi escrito, nenhuma expedição à Antártica havia atingido o Polo Sul. Depois de sua morte, seus seguidores fundaram a Sociedade Universal Zetética, que publicou uma revista Earth Not A Globe; no entanto, a sociedade declinou lentamente após a Guerra Mundial EU. A Sociedade da Terra Plana (também conhecida como Sociedade Internacional da Terra Plana ou Sociedade Internacional de Pesquisa da Terra Plana) foi fundada pelo inglês Samuel Shenton em 1956. [28] Shenton inicialmente aceitou a teoria do globo da terra e sugeriu sua própria inovação sobre como fazer uso da rotação da terra. [29] Isso envolvia elevar uma aeronave no céu e mantê-la estacionária. Depois de algumas horas de rotação da Terra, o dirigível estaria sobre a América. Ele poderia então ser baixado, tornando o transporte transatlântico extremamente rápido e barato, em pelo menos uma direção. Ele chegou ao ponto de escrever ao governo britânico, exortando-os a usar esse método. O ridículo e a indiferença que ele recebeu o convenceram de que talvez a atmosfera pudesse girar com o planeta, como sugerido pela falta de ventos constantes de mil milhas por hora no equador ou em qualquer altitude acima dele. Não, só brincando. Na verdade, Shenton concluiu que a Terra não podia estar girando e que havia uma conspiração (sem motivo definido) para esconder esse fato. Essa conspiração floresceu para incluir todos em todos os governos, pilotos civis (pós-guerra) e / ou fabricantes de GPS (década de 1960), todos em todos os setores de telecomunicações, todos no hemisfério sul (a diferença entre o globo atualmente aceito e o mapa plano da Terra é tão grande abaixo do equador que seria difícil ignorar) e qualquer pessoa que use um odômetro em uma viagem entre quatro pontos de referência. Também estão incluídos na conspiração milhares de super soldados que impedem os cidadãos comuns de testemunhar a Muralha de Gelo, que circunda a Terra plana (começa a se perguntar se Shenton sentiu que a melhor maneira de trocar uma lâmpada era mantê-la no lugar e colocar outras 300 pessoas. Para girar o prédio, o que está além da Muralha de Gelo, a Sociedade da Terra Plana tem a dizer: Além da parede de gelo de 50 metros, é o palpite de todos. Até onde o gelo se estende; como termina; e o que existe além dela, são perguntas às quais nenhuma experiência humana atual pode responder. No momento, tudo o que sabemos é que a neve e o granizo, ventos uivantes e tempestades e furacões indescritíveis prevalecem; e que em todas as direções "a entrada humana é barrada por escarpas não seladas de gelo perpétuo. estendendo-se além do olho ou do telescópio pode penetrar e se perdendo na escuridão e na escuridão. Alguns sustentam que a tundra de gelo e neve se estende para sempre eternamente. 30] O FES agora está extinto, mas ainda estava ativo em 1980, sob a liderança de Charles K. Johnson. [31] Existe outra sociedade moderna da terra plana, com Daniel Shenton como presidente, principalmente notável por seu primeiro membro ser o músico synthpop Thomas Dolby, cuja principal / única qualificação real para isso é que ele fez um álbum bastante bom chamado The Flat Earth . Para ser justo, diferente de qualquer outra coisa que alguém possa fornecer para apoiar a noção de uma Terra plana, pelo menos o álbum existe. O atual presidente da FES, Daniel Shenton, por outro lado, aceita a ciência moderna, como a evolução e o aquecimento global, mas de alguma forma as reconcilia com suas crenças da Terra plana. [32] 33] Perguntas que Flatheads não podem responder de forma inteligente [editar] Aproveite este doce gif que a NASA compôs a partir de 22 fotos. P: Como os satélites e o GPS podem ser explicados por pensadores simples. 34] A: Eles estão pendurados em balões. P: Aurora Boreal OK, mas explique a Aurora Austral. 35] A: Eles são hologramas projetados. [nota 3] P: Explique as chuvas anuais de meteoros, por favor. 36] A: Eles são apenas fogos de artifício. P: Ouvi falar da força de Coriolis? A: Não. Alt: É ​​causado por correntes no Éter P: Os outros planetas são planos? R: Não. Alt: Você esperaria que o quinto dos móveis do seu quarto fosse uma cadeira, mesmo quando os outros quatro forem? P: Mas eles não foram todos formados da mesma maneira? A: Ummm. Bem, ninguém sabe como tudo foi criado. Alt: Bem, todas as peças de mobiliário não foram construídas da mesma maneira? Desenho e descrição da Aurora Australis de 1909. Claramente eles realmente viram um holograma projetado pela NASA ou o que quer. P: Por que o jato do sul é tão semelhante ao norte, velocidade e formas. 37] A: Ah, claro, você fornece uma fonte do governo. Não há evidências reais de um jato do "hemisfério" do sul. [38] P: O Space Junk é um mito. 39] R: Sim, inventado pelas agências espaciais do mundo para desencorajar as pessoas de tentar entrar no espaço e provar suas mentiras! P: Existem muitas agências espaciais [40] no mundo. Todos eles mentem? R: Sim, porque a Nova Ordem Mundial secretamente administra cada uma delas, direta ou indiretamente. P: Por que a Antártica recebe 24 horas de luz solar durante dezembro, se a Terra é plana? A: Outra brincadeira. Você já esteve na Antártica? P: E quanto aos voos internacionais sem escala do hemisfério sul, como LATAM 801 de Santiago Int'l, Chile para Aeroporto de Auckland, NZ, ou Qantas 63 de Sydney Kingsford, Austrália para Joanesburgo O. R. Tambo Int'l, SA? Eles levam aproximadamente a mesma quantidade de tempo que os vôos do hemisfério norte percorrendo distâncias semelhantes. 41] A: Eles realmente não existem. P: Mas - " A: Eles não existem. P: Então, onde eles me levam quando compro uma passagem para esse voo, idiota? A: ELES. FAZ. NÃO. EXISTIR. ESTÁ. TODOS. FAKE. P: Não é um monte de obstáculos mentais para saltar apenas para apoiar insistentemente a idéia de uma Terra em forma de disco, ao assumir que uma Terra em forma de bola responde a todas as perguntas acima de uma maneira muito mais simples e com muito mais evidências científicas para apoiá-lo? A: Você me diz. Resposta: Ok. Você é um mentiroso careca. P: Então, o que causa as várias estações do ano? A: O Sol está subindo e descendo gradualmente. P: Então, por que o inverno no hemisfério norte é verão no sul? A: Uhh ... P: Ok, então por que Christchurch, Nova Zelândia recebe mais de 15 horas de luz solar por dia durante dezembro. 42] A: Hum, refração? P: Não deveria ser trivialmente fácil demonstrar que existe uma Terra plana em forma de disco, mostrando que qualquer uma das linhas de latitude "do sul" é muito mais longa do que sua linha companheira no "Norte? A: Err ... P: Falando dos quais, se assumirmos uma Terra plana, por que os australianos e sul-africanos receberão um conjunto de estrelas completamente diferente no céu noturno, como acontece em uma Terra redonda, e que pode ser demonstrado como o caso simplesmente voando para lá "Afinal, olhar para o modelo do mundo que vocês apresentam indicaria que todas as estrelas no céu noturno estariam na linha de visão de quase todos na Terra, não importa onde eles estejam." A: Espera, o que? P: Ah, e você nunca viu uma sombra subir pela lateral de um prédio alto quando o sol se põe? Como diabos isso funciona se o sol nunca mergulha realmente abaixo do horizonte? A: Uh. Eu tenho que ir, hum, passar meu, hum, cachorro. Tchau. " Ressurgimento online [editar] Infelizmente, o modelo da Terra plana está ganhando popularidade - ou pelo menos mais defensores da voz - pela Internet, especialmente em várias plataformas que permitem o uso de maletas, como o YouTube. Parece estar enraizado na suspeita completa e ativa de toda autoridade e na suposição de que a Mainstream Science é apenas um grande monólito sem rosto - que espalha mentiras para manter o público no escuro. Algum fim nefasto! A NASA, sendo parte dos Illuminati de acordo com os habitantes da terra plana, possui dinheiro e controle infinitos e, ao mesmo tempo, é tão incompetente que deixa erros de propaganda facilmente encontrados em sua propaganda que expõem tudo. Pessoas comuns como o Jeranismo fazem vídeos cheios de uma mistura de Gish Gallop e mal-entendidos criativos, ignorância voluntária e simples (hah. Negação de fatos e evidências em contrário). Endossos fundamentalistas [editar] Mapa da Terra Quadrada e Estacionária de Orlando Ferguson (1893. 43) Ele não especificou o que impede que a água afunde no equador ou impede que os canadenses vejam a Argentina. Os motivos para defender um plano sobre uma Terra redonda, apesar das evidências em contrário, variam. Muitos criacionistas da Terra jovem que pensam que tem 6.000 anos de idade não chegam ao ponto de dizer que não é redondo. [44] No entanto, existem alguns terrenos planos evangélicos particularmente malucos. [45] Os geocentristas modernos fazem questão de se distanciar da crença na Terra plana. Charles K. Johnson baseou sua crença na Terra plana em uma interpretação hiper-literal da Bíblia (afirmando que a ascensão de Jesus "ao céu" é prova de uma Terra plana, uma vez que uma Terra redonda não teria "o céu" ou o céu " 46] Um movimento da Terra plana também existe no Islã fundamentalista, baseado em uma interpretação literal de vários versículos do Alcorão (veja a seção "Visões religiosas" abaixo. Endossos de celebridades O rapper B. o. B., que teve vários sucessos, incluindo "Nothin 'on You" e "Airplanes", se apresentou como um flat-Earther em 2016 e lançou uma faixa diss chamada "Flatline", destinada ao astrônomo Neil DeGrasse Tyson. O sobrinho de Tyson, que também é rapper, lançou uma faixa contra-diss em resposta. [47] O astrofísico Lawrence Krauss escreveu no Slate que tais pontos de vista podem ser úteis - mesmo que grotescos - quando podem ser usados ​​para verificar nossas suposições. Ele propõe três razões claras pelas quais a Terra é redonda. [48] Confundindo sua proficiência em jogos de bola com um entendimento das esferas em geral, quatro jogadores da NBA também se destacam como terráqueos, incluindo Shaquille O'Neal. [49] Ele estava brincando. ) Tila Tequila também endossou a Earthery chata [50] - o que parece contraditório, considerando que ela também endossou Hitler, 51], a quem não achamos que era chata. Apologética cristã da Terra plana [editar] O universo de acordo com o Antigo Testamento. “” Até hoje um leigo pode observar que a terra não é plana. - Respostas em Gênesis (até elas parecem inteligentes ao lado de terrestres planas. 52] Muitos literalistas bíblicos afirmam que a Bíblia refuta a evolução e outras teorias científicas prima facie. Como não há um debate real sobre a forma da Terra, essas passagens questionam o literalismo bíblico. A ironia dos terrestres planos encorajando as pessoas a parar de aceitar cegamente o que lhes foi ensinado e a fazer suas próprias pesquisas não passou despercebida, considerando que a origem mais citada das idéias das terras planas é realmente a Bíblia. Em numerosas passagens, a Bíblia afirma que a Terra é um disco plano e / ou retangular, geralmente implicitamente. Se a Bíblia "realmente" diz ou não que isso é frequentemente debatido - mas se a Bíblia foi escrita por pessoas que viviam em sociedades que não sabiam que a Terra é um objeto mais ou menos esférico que orbita o Sol, então esperaríamos essa visão. para se refletir em seus escritos. Presumivelmente, a preocupação de Deus seria a salvação de suas almas, por isso é difícil ver por que esclarecer a verdadeira forma da Terra seria importante para esse empreendimento. O terremoto plano bíblico é muito raramente aceito. Wilbur Glenn Voliva chegou a oferecer 5000 como prêmio para quem puder provar que a Terra não é plana. Obviamente, suas previsões sobre a Terra terminando em 1923, 1927, 1930 e 1935 também falharam. [53] O ensino sobre a Terra esférica foi proibido nas escolas de Sião, Illinois, na época. O ex-presidente dos Estados Unidos, Jimmy Carter, mencionou os habitantes da Terra plana de passagem (embora ele estivesse realmente falando contra o ensino obrigatório da ciência da criação. 54] “” Não pode haver incompatibilidade entre a fé cristã e fatos comprovados sobre geologia, biologia e astronomia. Não há necessidade de ensinar que as estrelas podem cair do céu e pousar em uma Terra plana para defender nossa fé religiosa. Apelos à Bíblia O que a Bíblia realmente diz sobre uma Terra plana é claramente um assunto para debate entre os cristãos. Mas é certamente instrutivo e divertido ler as várias interpretações e refutações cristãs. O rei vendo toda a terra [editar] Daniel 4:10 -11. Em Daniel, o rei “viu uma árvore de grande altura no centro da terra… alcançando com o topo no céu e visível nos limites mais distantes da terra. ”Somente com uma Terra plana uma árvore alta poderia ser visível dos" limites mais extremos da Terra "- isso é impossível em uma Terra esférica ou a árvore é um foguete? Refutação teológica: A força de Daniel 4: 10-11 como argumento para uma Terra plana é consideravelmente reduzida pelo fato de que esta parte do Livro de Daniel narra um sonho experimentado pelo rei assírio da Babilônia. Portanto, não se refere necessariamente a uma árvore realmente existente nem faz declarações sobre a cosmologia real. Essa interpretação parece indicar que os literalistas bíblicos nem sabem ler a Bíblia corretamente. Jesus vendo todos os reinos Mostra por que você não pôde ver todos os reinos. Para ser justo, você pode sugerir que aqueles que estão fora das linhas de visão não são reinos. Mateus 4: 8: Novamente, o diabo o leva a uma montanha muito alta [nave espacial. e mostra-lhe todos os reinos do mundo " Lucas 4: 5: E o diabo, levando-o ao alto de uma montanha, mostrou-lhe todos os reinos do mundo em um momento. " Refutação teológica novamente: a força de usar Mateus e Lucas como reivindicações planas da Terra é reduzida pelo fato de que "reino" é uma construção humana. Se você classificar todos os lugares da Terra que não pode ver naquele local específico como "não reinos", como tribos bárbaras e não-monarquias, ele poderá ser ajustado nessa descrição. No entanto, como o diabo sabe que esses lugares não são governados por reis (novamente, o conceito de "rei" também é um conceito humano) não é exatamente claro. Você também pode ter a ideia de que Satanás simplesmente mostrou a Jesus todos os reinos do mundo ao longo de uma viagem ao redor do equador ou em sequência, porque o texto não implica que eles foram mostrados juntos. Ainda outra interpretação possível é que apenas reinos no mundo então conhecido (sul da Europa, norte da África e oeste da Ásia) são significados, o que pode ser visto de um ponto no espaço não muito acima da superfície da Terra. Faça a sua escolha, cabeças chatas. A terra é um círculo Isaías 40:22: Ele se senta entronizado acima do círculo da terra (a Terra orbita. E seu povo é como gafanhotos. Ele estende os céus como um dossel (mapa) e os espalha como uma tenda para morar ". Judeus e cristãos usam essa citação para "provar" que a Bíblia implica que a Terra é esférica, embora a palavra seja "circular" e possa se referir à percepção de uma vista panorâmica de 360 ​​graus. Alguns estudiosos apontam que Isaías nunca usa a palavra hebraica moderna para esfera Kadur, em qualquer lugar. [55] Não está claro para os teístas se isso é relevante, porque a interpretação da palavra Kadur na Bíblia é contestada pelos teístas. [56] Essa linha provavelmente se refere a um modelo plano da terra, uma vez que uma tradução alternativa é "Ele se senta entronizado acima da abóbada da terra. Uma referência ao firmamento." Também digno de nota é o fato de que a passagem descreve os Céus como um dossel, não a Terra. Essa interpretação parece indicar que os literalistas bíblicos nem sabem ler as frases corretamente. "Quatro cantos. Editar] Isaías 11:12 "E ele estabelecerá uma bandeira para as nações, e reunirá os marginalizados de Israel, e reunirá os dispersos de Judá dos quatro cantos [norte, sul, leste e oeste] da terra." Apocalipse 7: 1 "E depois destas coisas vi quatro anjos em pé nos quatro cantos da terra, segurando os quatro ventos da terra, para que o vento não soprasse sobre a terra, nem sobre o mar, nem sobre qualquer árvore." Como na citação de Daniel, judeus e cristãos modernos, que foram educados pela ciência, não entendem isso literalmente; para eles, os eventos descritos em Apocalipse são uma série de visões, em vez de uma descrição precisa do mundo (o que indicaria que você não deve levar a Bíblia Sagrada literalmente. Outra interpretação deste versículo é que quatro cantos da terra não • refere-se a quatro cantos literais, mas a direções cardeais, que são apoiadas pela descrição dos quatro ventos que são comumente referenciados por sua direção cardinal.Uma consideração adicional é que Levítico 19:27 se refere aos "cantos da cabeça". significa que ou A) os autores da Bíblia não tiveram problemas em usar a palavra "cantos" não literalmente enquanto discutiam coisas redondas (o que daria a absurda implicação de que eles usavam expressões idiomáticas e discurso figurativo como todo mundo) ou B) Os antigos israelitas tinham cabeças como personagens de Minecraft (apesar de todas as evidências fósseis até o momento). Mesmo ignorando todas as refutações acima e o debate entre os cristãos sobre o que a Bíblia "realmente" diz, ainda há a questão de que, se realmente pretendemos ler a Bíblia hiper-literalmente, isso implicaria que, quando Jesus disse que deveríamos ser "como pombas.que ele quis dizer que cultivávamos penas, comíamos principalmente sementes e frutas, regurgitávamos o leite das lavouras e produzíamos principalmente sons de arrulhar. O problema, é claro, é que as próprias pessoas que insistem que a Terra é plana por causa de (sua) interpretação literal da Bíblia, quando pressionadas nos pontos acima, recuam para uma interpretação não literal desses pontos, minando assim toda a sua argumento de que a Terra é plana porque a Bíblia literalmente diz que é. Essencialmente, eles podem escolher quais partes da Bíblia são hiper literais ou não. Apologética da Terra plana islâmica [editar] Alguns fundamentalistas islâmicos possivelmente acreditam que a Terra é plana, usando uma interpretação literal de vários versículos do Alcorão. O astrônomo iraquiano Fadil Al-Sa'd declarou que a Terra é plana e que o Sol é muito menor que a Terra e gira em torno dela. [57 Em 1966, há rumores de que a autoridade religiosa suprema da Arábia Saudita, Sheik Abdul-Aziz Ibn Baaz, declarou: "A terra é plana. Quem afirma que é redondo é ateu, que merece punição. No entanto, historiadores como Robert Lacey acreditam que esta citação foi mal interpretado (e que Ibn Baaz estava realmente afirmando que a Terra não orbita em torno do Sol - mas não que a Terra fosse plana. Mohammed Yusuf, fundador do grupo terrorista Boko Haram, afirmou que a Teoria da Evolução e os ensinamentos esféricos da Terra devem ser rejeitados porque são contra o Islã. [58] Em um debate na TV em 2007, um astrônomo iraquiano, Fadil Al-Sa'd, tentou forçar as idéias de que a Terra é plana e os versos do Alcorão também apoiam que o Sol (também plano) é muito menor que o Sol. Terra e gira em torno dela. [59] Como em todos os casos de prova por meio das escrituras, é apenas uma questão de adequar o Earthery ao escolher a tradução mais vaga. Apelos ao Alcorão [editar] Alcorão 18:47 E (lembre-se) do dia Faremos com que as montanhas passem (como nuvens de poeira) e você verá a terra como uma planície nivelada, e as reuniremos todas para não deixar nenhuma delas para trás. A tradução de Muhsin Khan e Shakir parece usar outras traduções "niveladas simples", além de Yusuf Ali, que diz "extensão nivelada" em vez de "planície nivelada", o que sugere claramente que Deus está f @ rei perfurando montanhas planas como os durões que ele é a terra é um disco. Alcorão 20:53 Quem fez a terra para você como uma cama (espalhada) e abriu estradas (caminhos, caminhos etc. para você) e enviou água (chuva) do céu.E nós trouxemos consigo vários tipos de vegetação . As traduções novamente discordam disso. Como um "tapete" e um "berço" também são populares. Alcorão 43:10 Quem fez para você a terra como uma cama, e fez para você estradas ali, a fim de que você possa encontrar o seu caminho. Outras traduções para "como uma cama" indicam que é metafórica, com "local de descanso" sendo o uso mais popular. A tradução do Dr. Ghali ainda usa "berço" no lugar da cama. Alcorão 43:38 Até quando (tal pessoa) vier até nós, ele diz [ao seu Qarîn (Satanás / companheiro do diabo. Será que isso entre eu e você era a distância dos dois trechos (ou leste e oeste)) era pior (tipo de) companheiro (de fato) Supõe-se que se trata de uma admissão tácita de que existe um ponto absoluto marcado como "leste" e um ponto marcado como "oeste", o que não é possível em um globo porque ele se envolve. Não é inteiramente possível em uma Terra plana, pois não há referência fixa. No Discworld de Terry Pratchett, colocado em um disco plano, eles usam coordenadas radiais com significado "hubward" em direção ao centro) oriente "em direção ao exterior) e" turnwise "e" widdershins "para o sentido horário e anti-horário, respectivamente. leste e oeste em um globo, não há pontos fixos nesse quadro de referência. Alcorão 78: 6 Não fizemos a terra como uma cama, Somente Muhsin Khan diz "cama. O resto é" extensão "ou variações dela. O Dr. Ghali continua com" berço ". É preciso perguntar: se alguém se aproximou de você e dissesse que a Terra é como uma cama, não se pensaria que eles queriam dizer que era uma coisa pequena, quente e confortável em que você dorme e que os pais se preparam amorosamente para seus filhos? criança? Plana "geralmente está bem abaixo da lista de palavras associadas às camas e, de fato, se alguém quiser descrever algo como plano, geralmente escolhe algo muito mais próximo do bidimensional, como o pergaminho. Alcorão 79:30 E depois disso Ele espalhou a terra; Ironicamente, os terrestres planos teriam sido melhores com o Dr. Ghali aqui, pois ele é menos ambíguo quanto a isso. E a terra, depois que Ele a achatou (por toda a vida. A ironia ataca de volta Falsificando fotos E a foto original de Marte pode ser encontrada onde? Alguns planetas, que descartam todas as fotografias do espaço como falsas - sem dar nenhum critério para o que seria genuíno, além da incredulidade - são conhecidos por usar meios enganosos para defender sua causa. Essencialmente, eles fizeram a mesma coisa que acusam outros de fazer. A imagem à direita está entre as primeiras encontradas ao pesquisar por “terra plana” nas Imagens do Google. Convencente, certo? Não tão rápido. A suposta foto não pode ser encontrada nos arquivos da NASA, porque foi feita por um usuário do YouTube, Danny Wilten, e pode ser vista aqui, a partir das 3:17. Apenas mostrava como as paisagens marcianas capturadas por sondas espaciais podiam ser fotografadas a partir de uma tirada na Irlanda, não que isso realmente tivesse acontecido. Até o momento, nenhuma foto de Marte foi mostrada para corresponder a uma tirada na Terra, 60] o que seria a prova relevante. Mas também levanta a questão: o que exatamente esses negadores do espaço esperam ver em outros mundos? Eles esperam que outros planetas rochosos sejam radicalmente diferentes dos lugares áridos da Terra? Mais importante, porém, se essas fotos são tão evidentemente falsas, por que se preocupar em mentir? E mesmo que sejam falsas, isso não significa necessariamente que a Terra é plana. Ausência de evidência não significa evidência de ausência. Vistas da curvatura da Terra Península Ibérica vista à noite da Estação Espacial Internacional (ISS) Aurora Boreal sobre Quebec, Canadá, vista da ISS Aurora Australis vista da ISS Ônibus espacial Atlantis visto da ISS ISS visualizado no Space Shuttle Endeavour Veja também [editar] Links externos [editar] Notas [editar] ↑ Se você realmente se importa, a declinação de uma altura h acima de um círculo com raio R é ↑ Olhe lá fora, manequim. ↑ Isso não explica a presença da Aurora Australis antes da existência da tecnologia necessária para projetar hologramas. Referências ↑ "O rapper B. B é um verificador de terra plana" DListed 1. 15. 16. ↑ Uma maneira prática de saber quando e onde procurá-los é o Heavens Above ou qualquer outro site ou software que suporte o rastreamento por satélite. ↑ ↑ Trigonometria esférica. ^ E. E. Robinson (23 de março de 2003. Astronomia Introdutória: Parallax, Parsec e Distances. YouTube. ↑ Cox, J. (24 de junho de 2013) Pergunte ao capitão: Por que os aviões não voam em linha reta? EUA hoje. Recuperado em 12 de dezembro de 2017. ↑ Trabalho de levantamento geodésico nas instalações do acelerador de prótons de alta intensidade ↑ [1] ↑ "Neil deGrasse Tyson no Twitter. Twitter. ↑ Gravidade detalhada, magnéticos bem-sucedidos na exploração de áreas terrestres do Azerbaijão. Diário de Petróleo e Gás ↑ Charles Q. Choi (12 de abril de 2007. Estranho, mas verdadeiro: a terra não é redonda). Scientific American. ↑ "Se a Terra é um esferóide oblato, por que isso não é evidente nas imagens da NASA do espaço. ↑ Veja o artigo da Wikipedia sobre Lista de expedições antárticas. ↑ As pessoas atravessam a Antártica o tempo todo. Ainda está louco por Sarah Fallon (02. 01. 16 11:00) Wired. ↑ Thongchai Winichakul, Sião, mapeado: uma história do geocorpo de uma nação (1995) pp. 20-43 ↑ Stephen Jay Gould. O nascimento tardio de uma terra plana. Dinossauro no Palheiro: Reflexões na História Natural ↑ "Ponto de vista" O dia em que o universo mudou ↑ FAQ da Sociedade da Terra Plana ↑ "John1992" 2011. As pessoas ainda pensam que a Terra é plana. Site Giant Bomb. ↑ SF Hub - A cópia do arquivo da Flat Earth Society Archive na Wayback Machine ↑ Garwood, Christine. Terra plana: a história de uma idéia infame. MacMillan (2007. ↑ Veja a discussão em Flat Earth Theory Debunked by Short Flights (QF27 e QF28) da Austrália para a América do Sul. ↑ Natalie Wolchover, a engenhosa teoria da 'Terra plana' revelada no mapa antigo. LiveScience, 23 de junho de 2011. ↑ Eles acham que a Terra é plana? Answers in Genesis, 9 de agosto de 2008. Diferentemente do criacionismo da terra jovem, o terra-plano não é bíblico e não tem implicações teológicas profundas. Existem passagens (principalmente poéticas) que poderiam ser citadas por pessoas de terra plana, como Apocalipse 7: 1, que se refere aos "quatro cantos da terra" - mas essas são mais claramente interpretadas como figurativas. ↑ Por exemplo, considere o grupo apocalíptico do Fim do Mundo, Last Chance, que fornece uma pilha de besteiras fumegantes de terra plana envoltas em estranha terminologia evangélica. ↑ Robert J. Schadewald, A Verdade Simples: Órbitas da Terra? Desembarques na Lua? Uma fraude! Diz Este Profeta. Science Digest, julho de 1980. Arquivado a partir do original em As crenças de Johnson estão firmemente fundamentadas na Bíblia. Muitos versículos do Antigo Testamento sugerem que a Terra é plana, mas há mais do que isso. De acordo com o Novo Testamento, Jesus subiu ao céu. ↑ Assista Neil deGrasse Tyson soltar o microfone em sua B.B Rap Batalha ↑ Como uma crença tola de celebridades na Terra plana pode ser útil por Lawrence Krauss ↑ "Então, aparentemente, Shaquille O'Neal também é muito chata ... ↑" Neil DeGrasse Tyson entra em uma batalha de rap com B.B Sobre a teoria da terra plana ... ↑ "Caramba! Tila Tequila foi removida da celebridade Big Brother para visões pró-nazistas ... ↑ Gardner, Martin (1957. Flat and Hollow. Modismos e falácias em nome da ciência (segunda edição ed. ↑ Carter critica proposta de "evolução" da Geórgia ↑ In His Name de E. Christopher Reyes, p. 568 ↑ O enigma 'talibã' da Nigéria ↑ Astrônomo iraquiano passa na TV para explicar por que a Terra é plana ↑ 20 de agosto de 2017. "As imagens mostram fotos de Mars Rover filmadas na Terra? Não, prova Heres. Site da True Strange Library. Recuperado em 23 de agosto de 2017.

Assista TERRA É PLANA E QUADRADA: DAS ESCRITURAS, EVIDÊNCIAS E RAZÕES Online Moviesdbz earth is flat and square: das escrituras, evidências e razões, faça o download do filme…. A terra dos filmes é plana e plana: a partir das evidências das escrituras e dos acordes da razão. A terra para assistir filmes é plana e reta: a partir das evidências e das razões das escrituras 1. Assista Terra é Plana e Quadrada: Das Escrituras, Evidências e Razões filme 2018. Assista ao filme Earth Is Flat and Square: From Scripture, Evidence & reasonfrance. Por que, oh, por que alguém acreditaria que a Terra é plana? Por uma razão ou outra, o movimento da Terra plana testemunhou um aumento meteórico na popularidade nos últimos anos (ou pelo menos um aumento meteórico na publicidade. Depois de percorrer as postagens do blog e as horas de vídeos estonteantes do YouTube, pensamos em ajudá-lo a entender alguns dos argumentos que um pequeno número de terráqueos usa para justificar sua crença em uma Terra plana - e por que eles estão desesperadamente errados. O horizonte não é curvado O nível de espírito nunca mente, segundo alguns. Destaque flat-Earther e rapper B. o. B cita regularmente o nivelamento dos horizontes como a principal peça de evidência para plantar dúvidas nas mentes das planícies do planeta esférico. Em um tweet excluído, ele mostrou uma fotografia sua em uma colina com vista para uma área construída com a legenda: As cidades ao fundo são de aprox. 16 milhas de distância. onde está a curva? por favor explique isso. Ele até recebeu uma música chamada "Flatline" sobre o assunto. Pegue? Plano. Linha. Horizonte. Essa idéia parece esquecer que a Terra tem um diâmetro médio de 12.742 quilômetros (7, 918 milhas. Em outras palavras, é muito, muito grande. Imagine uma formiga sentada em uma bola irregular e coberta de musgo que tem 1 000 metros (3, 280 pés) de diâmetro - não seria possível fazer muitas curvas. Basta dar uma olhada nas imagens na galeria abaixo. Em teoria, você deve ser capaz de discernir uma ligeira curva no horizonte de um avião a mais de 10, 600 metros (35.000 pés), embora precise de um campo de visão bastante amplo (como em uma pequena janela do avião). , existem outras maneiras de detectar claramente a curvatura sem o auxílio da NASA, da ESA ou de qualquer agência espacial governamental.Os estudantes de física da Universidade de Leicester, no Reino Unido, capturaram algumas imagens impressionantes da estratosfera e curvatura da Terra simplesmente usando balão meteorológico de altitude. Ninguém Atravessou O Muro Da Antártica. Sempre. Algumas facções dos terrestres planas afirmam que a Antártica é um gigantesco muro de gelo projetado para nos impedir de cair do mundo em forma de disco. Ou, sabendo como são esses sorrateiros governos da NWO, para nos impedir de descobrir a dura verdade de que não vivemos em um globo. Para apoiar essa teoria, eles afirmam que ninguém jamais atravessou o continente inteiro. No entanto, as pessoas atravessaram a Antártica. Muitas, muitas vezes. Existe até o Polo Sul de Inacessibilidade, que é a parte mais distante do interior da Antártida (embora sua localização exata esteja sempre em debate. Aqui, você encontrará um radio shack, um pequeno laboratório de pesquisa soviético abandonado e um busto de Vladimir Lenin .

R / 3958 Milhas = R / 6369 Km A 10 km de sua precisão. A terra dos filmes é plana e reta: a partir das evidências das escrituras e da razão 6. Assista ao filme Earth Is Flat and Square: From Scripture, Evidence & reason foundation. Terra de assistir filmes é plana e quadrada: a partir das evidências das escrituras e da razão youtube. A terra dos filmes é plana e reta: das evidências das escrituras e das letras das razões. Assista ao filme Earth Is Flat and Square: From Scripture, Evidence & razoável.